Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/10889
Full metadata record
DC FieldValue
dc.contributor.advisorCesse, Eduarda Ângela Pessoa
dc.contributor.advisorHartz, Zulmira Maria de Araújo
dc.contributor.advisorSamico, Isabella Chagas
dc.contributor.authorFigueiró, Ana Claudia
dc.date.accessioned2015-06-17T12:06:53Z
dc.date.available2015-06-17T12:06:53Z
dc.date.issued2012
dc.identifier.citationFigueiró, Ana Claudia. Usos e influência da avaliação em saúde: um estudo exploratório do Programa Nacional de Controle da Dengue. 2012. 105 f. Tese (Saúde pública) - Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães, Recife, 2012.
dc.identifier.urihttps://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/10889
dc.description.abstractDos estudos avaliativos espera-se que possuam credibilidade nos juízos produzidos e que sejam capazes de influenciar os processos de gestão para tomada de decisão, visando contribuir para orientar políticas e melhorar o desempenho dos programas. Documentar os usos e influência dos estudos é um dos desafios postos atualmente para os avaliadores. Para descrever os usos e influência de avaliações de programas de saúde, o presente estudo partiu do desenvolvimento de dois estudos constituintes do processo de avaliação do Programa Nacional de Controle da Dengue (PNCD). Dois estudos avaliativos foram conduzidos e trataram, respectivamente, da análise lógica do programa, utilizando abordagem qualitativa de análise documental, e da avaliação da qualidade da assistência prestada aos pacientes que foram a óbito por dengue, com métodos quantitativos e qualitativos de investigação. O primeiro estudo identificou a baixa coerência entre os objetivos programáticos e a implementação das atividades previstas, indicando a necessidade de revisão do modelo lógico do programa nos diferentes âmbitos de gestão do sistema de saúde. O segundo estudo apontou a influência das práticas dos profissionais de saúde nos óbitos por dengue avaliados, quanto à inadequação ou insuficiência no seguimento das normas e protocolos de assistência aos pacientes. A adoção de um modelo teórico-operacional que permitisse sistematizar os usos e influências dos estudos mostrou-se adequado para identificar e descrever os eventos e a circulação dos fatos produzidos nas avaliações. Foi possível evidenciar a contribuição dos estudos nas decisões de gestores e coordenadores quanto as ações e práticas dos envolvidos no programa, bem como auxiliar os avaliadores a melhorar a qualidade e utilidade das avaliações
dc.language.isopor
dc.publisherCentro de Pesquisas Aggeu Magalhães
dc.rightsopen access
dc.titleUsos e influência da avaliação em saúde: um estudo exploratório do Programa Nacional de Controle da Dengue
dc.title.alternativeUses and influence of health evaluation: an exploratory study of the national dengue fever control program
dc.typeThesis
dc.degree.date2012-09-28
dc.degree.grantorCentro de Pesquisas Aggeu Magalhães
dc.degree.localRecife/PE
dc.degree.programPrograma de Pós-Graduação em Saúde Pública
dc.creator.affilliationFundação Oswaldo Cruz. Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães. Recife, PE, Brasil
dc.contributor.memberCesse, Eduarda Ângela Pessoa
dc.contributor.memberVidal, Suely Arruda
dc.contributor.memberMartelli, Petrônio José de Lima
dc.contributor.memberLyra, Tereza Maciel
dc.contributor.memberCarvalho, Eduardo Maia Freese de
dc.subject.decsDengue/prevençäo & controle
dc.subject.decsProgramas nacionais de saúde
dc.subject.decsAvaliação de Programas e Projetos de Saúde
Appears in Collections:PE - IAM - PPGSP - Teses de Doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
310.pdf7.26 MBAdobe PDFView/Open



FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.