Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/13859
Title: Águas de hemodiálise: controle de qualidade em saúde
Other Titles: Hemodialysis water: quality control in health
Authors: Ferreira, Joana Angelica Barbosa
Nóbrega, Hilda do Nascimento
Freitas, Hércules Rezende
Moura, Daniela Cordeiro
Marin, Victor Augustus
Sejas, Claudia Gladys Flores
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde. Departamento de Microbiologia. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde. Departamento de Microbiologia. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro, RJ, Brasi
Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro, RJ, Brasi
Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro, RJ, Brasi
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde. Departamento de Microbiologia. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Abstract: Apesar de estabilizar o equilíbrio hidroeletrolítico, pacientes com Insuficiência renal crônica (IRC) submetidos à hemodiálise apresentam risco aumentado de desenvolver doenças cardiovasculares, cuja susceptibilidade pode não ser amenizada pela terapia eletrolítica, além de não substituir funções endócrinas em estado fisiológico. A explicação para complicações cardiovasculares e outras comorbidades relacionadas à hemodiálise talvez seja a presença de contaminantes microbianos e tóxicos nas águas utilizadas para o processo. Esta revisão utilizou-se de bases de dados indexadas e bibliotecas universitárias para a busca bibliográfica. A busca foi limitada aos artigos publicados até Março de 2014. Estudos atuais demonstram que o controle de qualidade em águas de hemodiálise é um processo negligenciado e torna imperativo que o profissional da saúde e pesquisadores trabalhem em conjunto para tornar mais eficiente a purificação, fornecimento e armazenamento de águas para o processo, reduzindo índices de mortalidade apresentados pelos pacientes.
Abstract: Although it stabilizes hidroelectrolyte equilibrium, patients with chronic renal failure (IRF) undergoing hemodialysis are at increased risk of developing cardiovascular diseases, whose susceptibility cannot be ameliorated by electrolyte therapy or replace endocrine functions at physiological state. The explanation for cardiovascular complications and comorbidities related to hemodialysis may be the presence of microbial and toxic components in the water used in the process. This review used indexed databases and university libraries for bibliographic search. The search was limited to articles published until March 2014. Recent studies show that quality control in hemodialysis waters is a neglected process and makes it imperative that health practitioners and researchers work together aiming to efficiently purify, store and supply dialysis water, reducing the mortality rates.
Keywords: Hemodialysis Centers
Kidney Dialysis
Contamination
keywords: Unidades Hospitalares de Hemodiálise
Diálise Renal
Contaminação
DeCS: Soluções para Hemodiálise
Unidades Hospitalares de Hemodiálise
Diálise Renal
Controle de Qualidade
Vigilância Sanitária
Issue Date: 2015
Publisher: Moreira Jr Editora
Citation: FERREIRA, J. A. B. et al. Águas de hemodiálise: controle de qualidade em saúde. Rev. Bras. Med., São Paulo, v. 72, n. 11, p. 480-485, 2015.
ISSN: 0034-7264
Copyright: open access
Appears in Collections:INCQS - Artigos de Periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
RBM_72_480-485.pdf492.95 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.