Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/28359
Full metadata record
DC FieldValue
dc.contributor.advisorCosta, Filipe Anibal Carvalho
dc.contributor.authorCantinho Júnior, João de Jesus
dc.date.accessioned2018-08-24T16:43:53Z
dc.date.available2018-08-24T16:43:53Z
dc.date.issued2016
dc.identifier.citationCANTINHO JÚNIOR, João de Jesus. Acidentes por animais peçonhentos no estado do Piauí entre 2007 até 2014: uma série de casos. 2016. 69 f. Dissertação (Mestrado em Medicina Tropical)-Instituto Oswaldo Cruz, Fundação Oswaldo Cruz, Teresina, 2016.
dc.identifier.urihttps://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/28359
dc.description.abstractO Brasil possui uma grande biodiversidade de animais peçonhentos de importância médica. No estado do Piauí, pouco estudos abordam a realidade epidemiológica por essa modalidade de agravo. Muitos diagnósticos são feitos de forma errônea o que implica em tratamento soroterápico inadequado com impacto na morbimortalidade dos pacientes. OBJETIVOS: descrever os casos de acidentes por animais peçonhentos no estado do Piauí (2004-2014). MATERIAIS E MÉTODOS: Foi realizado um estudo descritivo tipo série de casos com dados obtidos por meio das notificações de acidentes por animais peçonhentos no SINANSUS. As seguintes variáveis foram avaliadas: descritores dos pacientes (ano, mês, município, escolaridade, raça, gênero); descritores da enfermidade (tipo de agente, tipo de serpente, tipo de aranha); Conduta (classificação do acidente; soroterapia empregada) Evolução (óbito ou não do paciente). A estatística dos dados foi feita através do software livre Action. RESULTADOS: Maior número de caso por artrópodes: aranhas(485) e escorpiões(6962) em ambiente urbano, no recorte de tempo de 10 anos, enquanto os acidentes com maior mortalidade foram representados por acidentes crotálicos; em ambiente de cerrados os acidentes foram mais graves(mortalidade 0,018/1000 habitantes), enquanto em ambiente de caatinga a incidência de acidentes peçonhentos foi maior (incidência 4,29/1000habitantes). CONCLUSÃO: Acidentes por artrópodes foram mais frequentes em ambientes urbanos, enquanto no campo, homens com baixa escolaridade acidentam-se mais por serpentes.
dc.language.isopor
dc.rightsopen access
dc.subject.otherMordeduras de Serpentes
dc.subject.otherImunização Passiva
dc.subject.otherAnálise Estatística
dc.titleAcidentes por animais peçonhentos no estado do Piauí entre 2007 até 2014: uma série de casos
dc.typeDissertation
dc.degree.date2016
dc.degree.departmentInstituto Oswaldo Cruz
dc.degree.grantorFundação Oswaldo Cruz
dc.degree.localTeresina
dc.degree.programPrograma de Pós-Graduação em Medicina Tropical
dc.description.abstractenBrazil has a wide biodiversity of venomous animals of medical importance. In Piauí, few studies address the epidemiological reality this grievance mode. Many diagnoses are wrong implying inappropriate treatment, this impact on morbidity and mortality of patients. OBJECTIVE: To describe the cases of envenomation in the state of Piauí (2004-2014); identify the most common etiologic agents; outline social characteristics of the victims involved in venomous animals accidents; analyze the influence of the biome (Cerrado or Caatinga) the type of accident; study the influence of the etiologic agent in the mortality of the case; evaluate the influence of time between the accident and the outcome of the case; fabricate distribution maps of accidents by etiologic agents in the state of Piaui. MATERIALS AND METHODS: We conducted a descriptive case series with data obtained from SINAN-SUS for the period 2007-2014 in the state of Piaui. The following variables were evaluated: descriptors of patients (year, month, city, education, race, gender); infirmity of descriptors (type of agent, the type of snake, spider type); Conduct (classification of accident; employed antivenom) Evolution (death or not the patient). The statistical data was performed using the free software Action. RESULTS: Increased number of case by arthropods: spiders(485) and scorpions(6962) in urban environment, while accidents with higher mortality were represented by crotalic snakes accidents. In Cerrado environment the accidents was more serious (mortality 0,018/1000 habitants), while in Caatinga the incidence was more elevated (incidence 4,29/1000 habitants). CONCLUSION: Arthropods accidents were more frequent, while man with lower schooling suffer more snake accidents.
dc.creator.affilliationFundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
dc.subject.decsPICADAS DE ESCORPIÃO
Appears in Collections:IOC - PGMT - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
joao_junior_ioc_mest_2016.pdf2.46 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.