Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/31522
Full metadata record
DC FieldValue
dc.contributor.authorMisumi, Shana Yuri
dc.contributor.authorBarros, Márcia Aguiar de
dc.contributor.authorVilela, Claudia Gutterres
dc.contributor.authorBarth, Ortrud Monika
dc.date.accessioned2019-02-10T19:24:47Z
dc.date.available2019-02-10T19:24:47Z
dc.date.issued2018
dc.identifier.citationMISUMI, Shana Yuri et al. Palinomorfos Não Polínicos Provenientes de Sedimentos de Superfície de Fundo da Lagoa Comprida, Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba, RJ, Brasil. Anuário do Instituto de Geociências - UFRJ, v. 41, n. 2, p. 344-350, 2018.
dc.identifier.issn0101-9759
dc.identifier.urihttps://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/31522
dc.description.abstractPalinomorfos não polínicos (PNPs) são elementos orgânicos encontrados nas preparações para análises palinológicas, excluindo os grãos de pólen. Os PNPs são importantes marcadores paleoambientais e paleoecológicos, complementando estudos em Palinologia do Quaternário. O objetivo do presente trabalho é fornecer material de referência para a identificação de PNPs ocorrentes em ambientes de restinga. Sedimentos de superfície de fundo foram coletados em três pontos ao longo de um transect na Lagoa Comprida, no Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba (PNRJ), Norte Fluminense. No tratamento físico-químico foram utilizados HF, HCl, KOH, acetólise clássica e tamisação por ultrassom em sequência, conforme a metodologia proposta como padrão para sedimentos quaternários. Foram identificados sete PNPs pertencentes aos grupos Algae (3), Incertae sedis (1) e Samambaias (3) e suas descrições morfológicas, seus dados ecológicos e seus habitats no PNRJ são apresentados. Os PNPs, especialmente as algas, proveem informações ecológicas locais e, no presente trabalho, indicam um ambiente dulciaquícola, raso e com oscilações de umidade. A presença de esporos de samambaias confirma a influência de umidade local. Tais resultados complementam os dados obtidos pela análise de grãos de pólen e auxiliarão na interpretação e reconstituição ambiental da Lagoa Comprida no Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiro. Instituto de Geociências
dc.rightsopen access
dc.subject.otherPalinomorfo não polínico
dc.subject.otherLagoa Comprida
dc.subject.otherParque Nacional da Restinga de Jurubatiba
dc.titlePalinomorfos Não Polínicos Provenientes de Sedimentos de Superfície de Fundo da Lagoa Comprida, Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba, RJ, Brasil
dc.title.alternativeNon-Pollen Palynomorphs from Bottom Surface Sediments of “Lagoa Comprida” Lake, “Restinga de Jurubatiba” National Park, RJ, Brazil
dc.typeArticle
dc.identifier.doi10.11137/2018_2_344_350
dc.description.abstractenNon-pollen palynomorphs (NPP) are organic elements found in preparations for palynological analyses, excluding pollen grains. NPP are important paleoenvironmental e paleoecological indicators, complementing studies in Quaternary Palynology. The present work aims to provide reference material for the identification of NPP occurring in “restinga” environments. Bottom surface sediments were collected at three points along a transect at “Lagoa Comprida” lake, in “Restinga de Jurubatiba” National Park (RJNP), Northern Rio de Janeiro State. For the physicochemical treatment HF, HCl, KOH, classical acetolysis and sonication were used in sequence, accordingly to the methodology proposed as standard for quaternary sediments. Seven NPP were identified (3 Algae, 1 Incertae sedis and 3 Ferns) and their morphological descriptions, ecological data and habitats in the RJNP are here presented. NPP, especially algae, provide local ecological information and, in the present work, indicate a shallow, fresh-water environment with humidity oscillations. The presence of fern spores confirms the influence of local humidity. These results integrate those obtained by pollen grains analysis and will help the interpretation and environmental reconstitution of “Lagoa Comprida” lake at “Restinga de Jurubatiba” National Park.
dc.creator.affilliationUniversidade Federal do Rio de Janeiro. Centro de Ciências Matemáticas e da Natureza. Instituto de Geociências. Departamento de Geologia. Laboratório de Palinologia. Rio de Janeiro, RJ, Brasil / Universidade Federal do Rio de Janeiro. Programa de Pós-Graduação em Geologia. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
dc.creator.affilliationUniversidade Federal do Rio de Janeiro. Centro de Ciências Matemáticas e da Natureza. Instituto de Geociências. Departamento de Geologia. Laboratório de Palinologia. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
dc.creator.affilliationUniversidade Federal do Rio de Janeiro. Centro de Ciências Matemáticas e da Natureza. Instituto de Geociências. Departamento de Geologia. MicroCentro. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
dc.creator.affilliationUniversidade Federal do Rio de Janeiro. Centro de Ciências Matemáticas e da Natureza. Instituto de Geociências. Departamento de Geologia. Laboratório de Palinologia. Rio de Janeiro, RJ, Brasil / Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
dc.subject.enNon-pollen palynomorph
dc.subject.en“Lagoa Comprida” lake
dc.subject.en“Restinga de Jurubatiba” National Park
dc.identifier.eissn1982-3908
Appears in Collections:IOC - Artigos de Periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ortrudminoka_barth_etal_IOC_2018.pdf1.73 MBAdobe PDFView/Open



FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.