Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/32496
Full metadata record
DC FieldValue
dc.contributor.advisorOliveira, Sergio Ricardo de
dc.contributor.authorCarvalho, Ricardo Chaves de
dc.date.accessioned2019-04-15T16:10:58Z
dc.date.available2019-04-15T16:10:58Z
dc.date.issued2019
dc.identifier.citationCARVALHO, Ricardo Chaves de Formação de conselheiros de saúde para o controle social no SUS: análise do (per)curso – do presencial ao ead. 2019. 97 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Educação Profissional em Saúde) - Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, Fundação Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, 2019.
dc.identifier.urihttps://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/32496
dc.description.abstractInicialmente há uma apresentação do autor do trabalho abordando a sua trajetória até chegar no despertar para esta pesquisa, posteriormente há uma introdução sobre o Sistema Único de Saúde, com foco nas questões onde definem a Participação Popular e o Controle Social, como estratégias da garantia de políticas públicas em saúde efetivas, construídas a partir da participação da Comunidade, tendo o Conselho de Saúde como protagonista na construção, elaboração, efetivação, acompanhamento e monitoramento destas ações. Descrevendo ainda o papel do Centro Formador enquanto equipamento de preparação destes conselheiros para a sua atuação no SUS. Tem como objetivo analisar os limites e as condições, a partir da matriz curricular utilizada na formação presencial, com a finalidade de propor a construção de uma capacitação de Conselheiros de Saúde no SUS na modalidade EaD, como uma ferramenta de fortalecimento do seu protagonismo no papel de Conselheiro de Saúde, identificando os elementos pedagógicos que norteiam essa construção/elaboração. Para atender o escopo do estudo proposto, a dissertação em sua fundamentação teórica aborda breve histórico do processo de formação em Educação Profissional em Saúde no estado de São Paulo, perpassando pela reestruturação da atual Secretaria de Estado da Saúde, que é dividida em coordenadorias, sendo a de Recursos Humanos a responsável pela organização e elaboração dos processos formativos para a saúde no estado. Por fim, concluímos o capítulo relatando sobre a escola Técnica do SUS e seu processo de consolidação como CEFOR. A seguir é apresentado do modo presencial do processo formativo no CEFOR dos Conselheiros de Saúde entre os anos de 2011 e 2017, de forma detalhada sobre os dados coletados e apurados em relação ao perfil dos três segmentos de participação social (usuários, trabalhadores e gestores) no curso ao longo destes sete anos. No capítulo seguinte há um detalhamento sobre o processo de construção curricular do curso, apresentando um histórico de consolidação; os mecanismos de construção do programa do curso; as características pedagógicas; as competências em relação aos conselheiros formados, considerando o aspecto político, ético e técnico; além da matriz curricular. Posteriormente busca abordar o perfil da educação à distância no Brasil, seus processos de consolidação e estruturação, e a política de desenvolvimento da modalidade EaD para a SES/SP e para o CEFOR. Como resultado da pesquisa se tem uma proposta curricular para a construção/elaboração do curso na modalidade a distância. Para as considerações finais as reflexões partem da relação do entendimento sobre as contribuições, as perspectivas de emprego dos referidos objetos da dissertação – desenvolvimento de um curso para conselheiros de saúde na modalidade em EaD.
dc.language.isopor
dc.publisherEPSJV
dc.rightsopen access
dc.subject.otherEducação
dc.subject.otherParticipação da Comunidade e Controle Social
dc.subject.otherEducação a Distância
dc.titleFormação de conselheiros de saúde para o controle social no SUS: análise do (per)curso – do presencial ao ead
dc.typeDissertation
dc.degree.date2019-01-28
dc.degree.departmentCoordenação de Pós-Graduação em Educação Profissional em Saúde
dc.degree.grantorFundação Oswaldo Cruz. Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio
dc.degree.levelMestrado Profissional
dc.degree.localRio de Janeiro, RJ
dc.degree.programPrograma de Pós-Graduação em Educação Profissional em Saúde
dc.description.abstractenInitially, there is a presentation by the author of the study, approaching its trajectory until it reaches the awakening for this research, later there is an introduction about the Unified Health System, focusing on the issues where they define Popular Participation and Social Control as strategies to guarantee effective public health policies, built on community participation, and the Health Council as the protagonist in the construction, elaboration, implementation, follow-up and monitoring of these actions. Also describing the role of the Training Center as an equipment to prepare these counselors for their role in the SUS. It aims to analyze the limits and conditions, based on the curricular matrix used in face-to-face training, with the purpose of proposing the construction of a training of Health Advisors in the SUS in the EAD mode, as a tool to strengthen their role in the role of Health Counselor, identifying the pedagogical elements that guide this construction / elaboration. In order to meet the scope of the proposed study, the dissertation in its theoretical basis addresses a brief history of the training process in Health Professional Education in the state of São Paulo, through the restructuring of the current State Health Department, which is divided into coordinates, being Human Resources is responsible for the organization and elaboration of training processes for health in the state. Finally, we conclude the chapter on the Technical School of SUS and its consolidation process as CEFOR. The following is presented in the face-to-face of the formative process in the CEFOR of the Health Advisors between 2011 and 2017, presenting in detail the data collected and verified in relation to the profile of the three segments of social participation (users, workers and managers ) over the course of these seven years. In the following chapter there is a detail on the process of curricular construction of the course, presenting a history of consolidation; the mechanisms of construction of the course program; the pedagogical characteristics; the competences in relation to the trained counselors, considering the political, ethical and technical aspect; beyond the curricular matrix. Subsequently, it seeks to address the profile of distance education in Brazil, its processes of consolidation and structuring, and the development policy of the EAD modality for SES / SP and for CEFOR. As a result of the research presents a curricular proposal for the construction / elaboration of the course in the distance modality. For the final considerations the reflections worked out in relation to the understanding about the contributions, the employment perspectives of the mentioned objects of the dissertation - development of a course for health counselors in the modality in EaD.
dc.creator.affilliationFundação Oswaldo Cruz. Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio. Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional em Saúde. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
dc.subject.enEducation
dc.subject.enCommunity Participation and Social Control
dc.subject.enDistance Education
dc.contributor.memberOliveira, Sergio Ricardo de
dc.contributor.memberGuimarães, Raphael Mendonça
dc.contributor.memberPimenta, Ricardo Medeiros
dc.subject.decsConselhos de Saúde
dc.subject.decsParticipação Social
dc.subject.decsEducação Profissional em Saúde Pública
dc.subject.decsEducação a Distância
Appears in Collections:EPSJV - PPGEPS - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Ricardo_Carvalho_EPSJV_Mestrado_2019.pdf1.48 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.