Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/6656
Title: Dependência de ventilação pulmonar mecânica na assistência pediátrica no Município do Rio de Janeiro
Advisor: Gomes, Maria Auxiliadora de Souza Mendes
Authors: Costa, Maria Tereza Fonseca da
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Fernandes Figueira. Departamento de Ensino. Programa de Pós-Graduação em Saúde da Criança e da Mulher. Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Abstract: Internações hospitalares de crianças e adolescentesportadores de alguma condição crônica de saúde têm evoluído de modo crescente em diferentes países e também apresentam-se como uma situação de saúde que deve ser considerada no planejamento de ações e organização de serviços de saúde, no Brasil. O exemplo das internações por dependência crônica de ventilação pulmonar mecânica é apresentado no presente estudo,a partir da observação inicial de que constituem-se situações que determinam longa permanência hospitalar em leitos de alta complexidade, como nosde terapia intensiva pediátrica, sendo também alvo de solicitações através de sentenças judiciais para cobertura de assistência domiciliar ainda precariamente estabelecida no âmbito do sistema de saúde brasileiro. Há mais de três décadas que têm sido realizados estudos em outros países, na tentativa de ampliar-se o conhecimento sobre este problema de saúde, sendo analisados diferentes aspectos relacionados ao mesmo, como alternativas de locais seguros para cuidados em saúde oferecidos a estes pacientes crônicos e as diferenças de resultados médicos e sociais entre as alternativas possíveis. Com o objetivo de conhecer e analisar a ocupação de leitos de terapiaintensiva pediátrica por pacientes com dependência crônica de ventilação pulmonar mecânica, foi realizado um estudo seccional do tipo levantamento censitário de casos, de janeiro a março de 2011, em 29 hospitais públicos localizados na Cidade do Rio de Janeiro. O estudo permitiu identificar 31 pacientes de 0 a 18 anos, internados e em ventilação mecânica invasiva há 3 meses ou mais, em 10 dos 29 hospitais consultados. Nas unidades de terapia intensiva havia 14 internações justificadas por esse tipo de dependência tecnológica, caracterizando uma ocupação de 21% do total de leitos disponíveis de terapia intensiva, no período de estudo. O conhecimento desse quantitativo permite aprofundamento da discussão sobre aspectos éticos, técnicos e normativos que devem ser considerados no desenvolvimento de propostas à assistência de pacientes crônicos, visando a melhor relação entre investimentos e resultados, para os pacientes, seus familiares e a sociedade.
Abstract: Children and adolescents with chronic health conditions hospitalizations are increasingly evolved in different countries and presented as a health situation that must be considered in planning and organizing action of health services in Brazil. The hospital chronic dependency on mechanical ventilation is an example presented in this study, from the initial observation situation which determining long stay high complexity hospital beds, as in the pediatric intensive care, is also the subject of requests through sentences legal coverage for home care, still precariously established within Brazilian health system. Studies in others countries to expand knowledge about this health problem had been for over three last decades, analyzing different aspects related as alternative safe places for health care offered tothese chronic patients and differences between medical and social results from possible alternatives. With the aim to understand and analyze the occupation ofpediatric intensive care beds with ventilator-dependent patients, a survey was realized from January to March, 2011, in 29 public hospitals located in the city of Rio de Janeiro. The study identified 31 patients from zero to 18 years,hospitalized and on invasive mechanical ventilation for 3 months or more, in 10 of the 29 investigated hospitals. In 14 stays in intensive care units werejustified for this type of technological dependency, characterizing a 21% rateoccupancy of total intensive care beds available, along the research period. Knowledge that quantitative conduct to in-depth discussion on ethical, technical and legal standards should be considered when developing proposals aimed assistance for chronic patients, seeking the best value between investments and outcomes for patients, their family and society.
Keywords: Mechanical Ventilation
Biomedical Technology
Technology Dependency
Long Term Mechanical ventilation
Children Care
keywords: Ventilação Mecânica
Tecnologia Médica
Dependência de Tecnologia
Ventilação Mecânica Crônica
Assistência Pediátrica
DeCS: Respiração Artificial
Ventilação Pulmonar
Cuidado da Criança
Issue Date: 2011
Publisher: Instituto Fernandes Figueira
Citation: COSTA, Maria Tereza Fonseca da. Dependência de ventilação pulmonar mecânica na assistência pediátrica no município do Rio de Janeiro. 2011. xii, 125 f. Tese (Doutorado em Saúde da Criança e da Mulher)-Instituto Fernandes Figueira, Fundação Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Date of defense: 2011-06
Place of defense: Rio de Janeiro
Department: Departamento de Ensino
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Fernandes Figueira
Program: Programa de Pós-Graduação em Saúde da Criança e da Mulher
Copyright: open access
Appears in Collections:IFF - Teses de Doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Maria Tereza Fonseca da Costa.pdf3.52 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.