Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/20112
Title: A Maré e seus complexos: desvelando o micro território da Favela MacLaren
Other Titles: The Maré and its complexes: unveiling the micro territory of the MacLaren Favela
Advisor: Avanci, Joviana Quintes
Pesce, Renata
Authors: Silva, Roberta Lemos Gadelha da
Abstract: O presente estudo tem como foco a compreensão de um território marcado por realidades tecidas e engendradas por situações de exclusão social e violação de direitos básicos e de cidadania, fato que interfere diretamente nas condições de vida e de saúde das famílias que moram na comunidade da MacLaren (Complexo de favelas da Maré RJ). Compreender como a violência em suas mais variadas formas pode comprometer dialeticamente a determinação sócioespacial da saúde e como as desigualdades ocorrem em territórios excluídos e subjugados da cidade (como as favelas) pode oferecer subsídios importantes para superação de complexas questões de saúde nesses territórios. O objetivo principal desse estudo é conhecer as condições de vida e saúde da favela MacLaren. Para isso, o caminho metodológico adotado foi um estudo exploratório com uma abordagem quantitativa e qualitativa, buscando apreender dimensões distintas do objeto de estudo. Foi desenvolvido e aplicado um questionário com perguntas fechadas e abertas aos moradores da favela MacLaren incluindo questões relacionadas às características sóciodemográficas da família; estrato socioeconômico; estrutura familiar; relacionamento familiar; autoavaliação da saúde; sofrimento psíquico; uso de álcool e drogas; acesso a serviços; violências e apoio e suporte social. A abordagem qualitativa baseou-se na observação participante para o registro do cotidiano dos participantes, de forma a complementar os registros apreendidos pelo questionário e ilustrar as situações relatadas pelos entrevistados. Os resultados indicam que os moradores dessa localidade vivem sob condições de saneamento precárias e de violação de direitos básicos. A renda familiar da grande maioria das famílias participantes é inferior a um salário mínimo, a profissão e vínculo empregatício do principal responsável pela renda familiar caracteriza-se majoritariamente por atividades informais e desemprego.
Apesar das dificuldades vivenciadas, os entrevistados têm, de forma geral, uma boa percepção de sua própria saúde. A vivência de violência na comunidade é destacada por mais da metade das famílias, que ouvem tiros diariamente, sentem-se cerceadas em seu direito de ir e vir, além de já terem vivido situações de violência diversas. Espera-se que este estudo possa propiciar o desenvolvimento de ações voltadas para a melhoria das condições de vida e de saúde de famílias excluídas socialmente, assim como para o incentivo de políticas públicas de saúde para populações que vivem em contextos adversos, marcados pela violação de direitos fundamentais do ser humano.
This study focuses on the understanding of a territory marked by realities engendered by social exclusion and violation of basic rights and citizenship, a fact that directly affects the living conditions and health of families living in the MacLaren community (Complexo de favelas da Maré Rio de Janeiro).Understanding how the violence in its many forms can compromise dialectically determining spatial social health and how inequalities occur in excluded and subjugated territories of the city (as the favelas), can provide important information to overcome complex health issues in these territories.The main objective of this study is to know the living conditions and health of favela Maclaren. For this, the adopted methodological approach was an exploratory study with a quantitative and qualitative approach, seeking to understand different dimensions of the object of study. It was developed and applied a questionnaire with closed and open questions to the residents of favela Maclaren including issues related to sociodemographic characteristics of the family; socioeconomic status; family structure; family relationships; self-rated health; psychological distress; alcohol and drugs; access to services; violence and social support. The qualitative approach was based on the participant observation to the daily record of the participants in order to supplement the records seized by questionnaire and illustrate the situations reported by respondents. The results indicate that the inhabitants of this favela live under poor sanitation conditions and violated basic rights. The family income of the vast majority of the families is below the minimum wage, occupation and employment of the main responsible for the family income is mainly characterized by informal activities and unemployment. ^ien
Despite the difficulties experienced, respondents have, in general, a good perception of their health conditions. The experience of violence in the community is highlighted by more than half of the families, they hear shots every day, feel curtailed in their right to come and go, and have already experienced a wide range of violence situations. It is hoped that this study may promote the development of actions to improve the living conditions and health of socially excluded families as well as the encouragement of public health policies for people living in adverse contexts, marked by violation of fundamental rights of the human being. (AU)^ien
DeCS: Áreas de Pobreza
Iniquidade Social
Isolamento Social
Violações dos Direitos Humanos
Issue Date: 2016
Citation: Silva, Roberta Lemos Gadelha da. A Maré e seus complexos: desvelando o micro território da Favela MacLaren. 2016. 93 f. Dissertação (Saúde Pública) - Fundação Oswaldo Cruz, Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Rio de Janeiro, 2016.
Place of defense: Rio de Janeiro
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz, Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca
Appears in Collections:ENSP - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2.pdf1.82 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.