Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/3276
Title: Qualidade da informação: a importância do dado primário, o princípio de tudo
Authors: Bochner, Rosany
Guimarães, Maria Cristina Soares
Santana, Rosane Abdala Lins de
Machado, Claudio
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde. Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde. Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde. Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde. Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Abstract: A informação é um recurso primordial para a tomada de decisão, e é com ela que se pode chegar o mais próximo possível da realidade, traçar seu perfil, detectar problemas e agir em prol da solução. É incontestável a importância da informação para subsidiar políticas na área da saúde. Porém, a qualidade da informação tem que ser assegurada no inicio do processo, na coleta primária de dados. Nesse sentido, o objetivo desse trabalho é mostrar a importância do instrumento de coleta de dados e seu preenchimento adequado. Além disso, busca-se iluminar a importância de uma discussão sobre a padronização no âmbito da política de informação em saúde, entendendo o padrão como instrumento básico para comunicação. Duas pesquisas explicitam essa questão. A primeira desenvolvida em 2005 junto aos Centros de Informação e Assistência Toxicológica distribuídos pelo país e a informação por eles produzida sobre intoxicações e envenenamentos, a partir da Ficha de Notificação e Atendimento. A segunda pesquisa, realizada em 2011, junto à Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro e seus bancos de dados referentes a acidentes crotálicos, construídos a partir das Fichas Individuais de Investigação. Ambas as pesquisas explicitam a baixa qualidade do dado primário, o que fragiliza toda uma cadeia de informação que orienta a política e a tomada de decisão no campo da saúde. Na primeira pesquisa, o pouco entendimento da importância da padronização levou a diferentes classificações para um mesmo evento. Na segunda, a despeito do padrão dado pelas manifestações clínicas, a interpretação foi individual e subjetiva. Assim, torna-se fundamental que políticas públicas de informação orientem o desenvolvimento de sistemas e tecnologias capazes de perceber e capturar as particularidades e peculiaridades de cada prática local, e traduzi-las para uma grande linguagem global, pois somente esse padrão será capaz de promover a comunicação inclusiva.
Abstract: Information is a primary resource for decision-making, and it is with it that you may get closer to reality, trace its profile, detect problems and act in favor of a solution. There is no doubt about the importance of information to support health policies. The quality of information must be provided early in the process, during the primary data gathering. In this sense, the objective of this work is to demonstrate the importance of data gathering instruments and its adequate filling. In addition, we seek to illuminate the importance of a discussion related to health information policies which incorporates standardization as a basic instrument for communication. Two studies explicit this issue. The first was developed in 2005 in the Toxicological Information and Assistance Centers and the information about intoxication and poisonings produced by their Customer Service and Notification Forms; the second was held in 2011, with the Secretaria de Estado de Saúde e Defesa Civil of Rio de Janeiro and its databases regarding crotalic accidents. The analysis demonstrated the fragility and low quality of the primary data in these two studies. At first, the lack of understanding and standardization led to different classifications for the same case. In the second study, despite the standardization for the clinical data, the interpretation was individual and subjective. Thus, it becomes fundamental to adopt public policies which are aimed for creating systems which can perceive and capture the particularities and the peculiarities of each local practice and translate them into a larger global language, for only this standardization will be able to promote an inclusive communication.
Keywords: Standardization
Gathering tools
Information Policy
Information Systems
keywords: Padrão
Instrumentos de coleta
Políticas públicas de informação
Sistemas de Informação
DeCS: Sistemas de Informação
Issue Date: 2011
Publisher: Universidade de Brasília; Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Ciência da Informação
Citation: BOCHNER, Rosany et al. Qualidade da informação: a importância do dado primário, o princípio de tudo (Comunicação oral). In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO, 12., 2011, Brasília, DF. Anais... Brasília: UNB; ANCIB, 2011. p. 3526-3538.
Appears in Collections:ICICT - Trabalhos Apresentados em Eventos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Bochner_etal_ENANCIB_2011.pdf477.55 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.