Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/10663
Title: Desenvolvimento de teste diagnóstico para a triagem sorológica de diversas infecções virais
Other Titles: Development of diagnostics for serological screening of various viral infections
Advisor: Marques Júnior, Ernesto Torres de Azevedo
Members of the board: Marques Junior, Ernesto Torres de Azevedo
Gomes, Yara de Miranda
Leal, Nilma Cintra
Cordeiro, Marli Tentório
Morais, Clarice Neuenschwander Lins de
Authors: Brand, Heike Erna
Coadvisor: Dhália, Rafael
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães. Recife, PE, Brasil
Abstract: A leishmaniose visceral canina (LVC) e uma doença parasitária causada por protozoários do gênero Leishmania, principalmente por Leishmania infantum. A epidemiologia da doença varia de região para região e o entendimento dos fatores associados à infecção em cães pode ajudar na elaboração de medidas de controle mais específicas. O diagnóstico sorológico da infecção sofreu mudanças importantes nos últimos anos com a introdução do TR-DPP® e do estabelecimento de novos critérios de diagnóstico (TR-DPP® + EIE-LVC) pelo Ministério da Saúde. Dentro desse contexto, no presente estudo objetivou-se estudar a epidemiologia da LVC no município de Goiana, estado de Pernambuco, nordeste do Brasil. Para tal, realizaram-se testes sorológicos (TR-DPP® e EIE-LVC) e análise clínico-epidemiológica em 360 cães semi e domiciliados, de ambos os sexos, raças e idades variadas, nos distritos de Atapuz, Tejucupapo e Pontas de Pedra no referido município. No TR-DPP®47 (13,1 por cento) animais foram reagentes, onde se observou associação significativa dos resultados com os seguintes sinais clínicos: alopecia, lesões na pele paresia e linfonodomegalia. Já no EIE-LVC 21 (5,8 por cento) animais foram reagentes, havendo associação significativa entre a classificação clínica dos animais, condição corporal, alopecia, lesões na pele, secreção ocular, paresia e linfonodomegalia. Já de acordo com o critério do Ministério da Saúde do Brasil, apenas 15 (4,2 por cento) animais foram classificados como positivos. De fato, verificou-se uma fraca concordância (Kappa = 0,39) entre os dois testes sorológicos. Conclui-se que a LVC encontra-se estabelecida em Goiana e que o uso do TR-DPP® como teste de triagem e do EIE-LVC como teste confirmatório pode levar a perda de cães infectados, uma vez que cães positivos do TR-DPP® são negativos no EIE-LVC e vice-versa
DeCS: Antígenos Virais/isolamento & purificaçäo
Antígenos Virais/uso diagnóstico
Vacinas Sintéticas
Microesferas
ELISA
Western Blotting
Hepacivirus
HIV
Vírus 2 Linfotrópico T Humano
Virus Linfotrópico de Células T Humanas Tipo 1
Issue Date: 2014
Citation: Brand, Heike Erna. Desenvolvimento de teste diagnóstico para a triagem sorológica de diversas infecções virais. 2014. 183 f. Tese (Saúde Pública) - Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães, Recife, 2014.
Date of defense: 2014-05-23
Place of defense: Recife/PE
Defense institution: Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães
Program: Programa de Pós-Graduação em Saúde Pública
Copyright: open access
Appears in Collections:PE - IAM - PPGSP - Teses de Doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
16.pdf26.54 MBAdobe PDFView/Open



FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.