Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/11037
Title: Plantas medicinais: tradições e saberes de mulheres de uma comunidade urbana do Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Authors: Silva, Sérgio Henrique Cardoso da
Assis, Maria Aparecida de
Bochner, Rosany
Miranda, Maria Geralda de
Garrido, Rodrigo Grazinoli
Avelar, Kátia Eliane Santos
Affilliation: Secretarias Estadual e Municipal de Educação do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (ICICT). Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (ICICT). Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Centro Universitário Augusto Motta (UNISUAM). Programa de Mestrado Profissional Interdisciplinar em Desenvolvimento Local. Ri de Janeiro, RJ, Brasil.
Centro Universitário Augusto Motta (UNISUAM). Programa de Mestrado Profissional Interdisciplinar em Desenvolvimento Local. Ri de Janeiro, RJ, Brasil.
Centro Universitário Augusto Motta (UNISUAM). Programa de Mestrado Profissional Interdisciplinar em Desenvolvimento Local. Ri de Janeiro, RJ, Brasil.
Abstract: Este estudo é resultado de pesquisas realizadas com um grupo de 20 mulheres, moradoras da Comunidade da Maré, no município do Rio de Janeiro, Brasil. Nesta comunidade existe uma horta comunitária, onde se cultivam plantas medicinais. Os dados foram obtidos por meio de entrevistas individuais realizadas entre março de 2009 a setembro de 2010, com o objetivo de conhecer as plantas utilizadas por estas mulheres, principalmente para dores musculares. Os resultados confirmam a preservação do conhecimento tradicional sobre plantas medicinais, uma vez que todas as entrevistadas utilizam tais plantas. Setenta e cinco por cento das entrevistadas cultivam as plantas na horta comunitária ou em suas residências. Quinze plantas foram citadas para dores musculares. Entretanto, apenas duas apresentam atividades terapêuticas comprovadas pela literatura científica.
Abstract: This study is the result of research conducted with a group of 20 women living in the community of Maré, in the municipality of Rio de Janeiro, Brazil. In this community there is a community garden where medicinal plants are grown. The data were collected through individual interviews conducted between March 2009 to September 2010, in order to know the plants used by these women, especially for muscle aches. The results confirm the preservation of traditional knowledge about medicinal plants, since all respondents use such plants. Seventy-five percent of respondents cultivate plants in the community garden or at home. Fifteen plants were cited for muscle aches. However, only two have proven therapeutic activities in the scientific literature.
Keywords: Popular Phytotherapy
Medicinal Plants
Popular Knowledges
keywords: Fitoterapia popular
Plantas Medicinais
Saberes Populares
Issue Date: 2014
Publisher: Asociación para el Desarrollo de la Ciencia y la Tecnología (DECITEC)
Citation: SILVA, Sérgio Henrique Cardoso da; et al. Plantas medicinais: tradições e saberes de mulheres de uma comunidade urbana do Rio de Janeiro, RJ, Brasil. Espacios, v.35, n.4, p.12, 2014.
ISSN: 0025-5408
Copyright: open access
Appears in Collections:IOC - Artigos de Periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
mariaparecida_assisetal_IOC_2014.pdf286.63 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.