Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/13316
Title: Implantação de complexos reguladores no Estado de Pernambuco: uma avaliação a partir dos gestores da saúde
Other Titles: Implantation of Regulatory Complexes in the state of Pernambuco: a evaluation based on health managers
Advisor: Gurgel Júnior, Garibaldi Dantas
Members of the board: Gurgel Junior, Garibaldi Dantas
Bezerra, Adriana Falângola Benjamim
Farias, Sidney Feitoza
Authors: Silva, Luzicléia Carolina de Moura e
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães. Recife, PE, Brasil
Abstract: A Constituição Brasileira de 1988 refletiu, no campo da saúde, os resultados de uma política de Bem-Estar Social com a instituição do Sistema Único de Saúde - SUS. O SUS tem princípios e diretrizes basilares de igualdade do acesso, universalidade e integralidade como pressupostos, que exigem da administração pública compromissos e o constante exercício de alinhar financiamento, capacidade gestora e garantia dos direitos cidadãos. Para auxiliar nesse processo, a adoção de mecanismos e instrumentos de gestão, que consigam conciliar a oferta de serviços de saúde à população à demanda é uma estratégia importante. Em 2008, no Brasil, foi institucionalizada a Política Nacional de Regulação que induziu a formação de complexos reguladores como estruturas mediadoras da relação oferta e demanda pelos serviços de saúde. Esse trabalho buscou avaliar a implantação/implementação dos complexos reguladores em Pernambuco como parte dessa política. Trata-se de um estudo de caso com triangulação de fontes de dados para aprofundar a análise. Foram utilizados como instrumentos de coleta a busca de documentos oficiais e entrevistas semi-estruturadas. As entrevistas foram aplicadas a informantes-chaves que ocuparam cargos estratégicos da gestão desse campo. A análise foi feita pela técnica da redução de dados, através da categorização emergente do material analisado. As categorias foram distribuídas num plano de análise com três agregados que trataram da concepção de regulação em saúde e de complexo regulador, dos processos de tomada de decisão e implantação. Conclui-se que persiste no estado uma ação centralizada da Secretaria de Saúde Estadual, com baixa participação dos municípios no processo decisório, espaço de gestão da CIB fragilizado e descapitalizado de poder gestor e a conseqüência inevitável da condução da política de regulação, com a implantação/implementação de complexos reguladores, no Estado de Pernambuco, distante do que normatizam as portarias do Ministério da Saúde, no tocante à concretização das ações reguladoras que potencialmente beneficiariam a população usuária do SUS
keywords: Sistema Único de Saúde Política de Saúde Avaliação em Saúde
DeCS: Regulação e Fiscalização em Saúde
Sistema Único de Saúde
Avaliação de processos (cuidados de saúde)
Necessidades e demandas de serviços de saúde
Política de Saúde
Issue Date: 2010
Publisher: Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães
Citation: SILVA, Luzicléia Carolina de Moura e. Implantação de complexos reguladores no Estado de Pernambuco: uma avaliação a partir dos gestores da saúde. 2010. 55 f. Dissertação (Mestrado profissional em saúde pública) - Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães, Recife, 2010.
Date of defense: Outubro 29, 2010
Place of defense: Recife/PE
Defense institution: Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães
Program: Programa de Pós-Graduação em Saúde Pública
Copyright: open access
Appears in Collections:PE - IAM - PPGSP - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
404.pdf244.6 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.