Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/13910
Title: Investigação do tratamento com o benzonidazol sobre a resposta imunológica de portadores crônicos da doença de Chagas
Other Titles: Investigation of benznidazole treatment on immune response of chronic carriers of Chagas disease
Advisor: Gomes, Yara de Miranda
Lorena, Virginia Maria Barros de
Members of the board: Gomes, Yara de Miranda
Medeiros, Zulma Maria de
Souza, Joelma Rodrigues de
Montenegro, Sílvia Maria Lucena
Costa, Vláudia Maria de Assis
Authors: Braz, Suellen Carvalho de Moura
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães. Recife, PE, Brasil.
Abstract: Existem indícios de que o benzonidazol interfere diretamente nos padrões imunológicos do hospedeiro tratados na fase crônica da doença de Chagas. Contudo, ainda não foi realizado estudo longitudinal com portadores crônicos assintomáticos e sintomáticos submetidos ao tratamento etiológico onde fossem avaliados parâmetros imunológicos relacionados à ativação, citotoxicidade, regulação e inflamação celular de forma simultânea. Diante disto, nos propomos a investigar a resposta imune de portadores crônicos da doença de Chagas antes a após o tratamento com o benzonidazol. Foram selecionados vinte e um adultos classificados na fase crônica da doença de Chagas (forma indeterminada-IND=13/forma cardíaca-CARD=8). Amostras de sangue foram coletadas antes do tratamento etiológico (T0/n=21), após 2-3 meses (T1/n=21) e 5-6 meses (T2/n=16), sendo avaliadas por citometria de fluxo. Observamos um aumento de linfócito B1 CD5+CD19+, bem como uma maior ativação de linfócitos T CD8+ citotóxicos (CD28+), indicando que o benzonidazol exacerbou mecanismos celulares relacionados à eliminação do Trypanosoma cruzi. Contudo, houve redução em todos os indivíduos de linfócitos T e B produtores de IFN-gama+. Tais fenômenos, associados ao baixo percentual de linfócitos T CD4+CD25+/highFoxP3+, demonstram perda de mecanismos de combate ao parasita e de controle da resposta inflamatória. Porém, ressaltamos que o surgimento de um padrão de citocinas Th1 modulado (inflamatória: IFN-gama/ regulatórias: IL-4, IL-6, IL-10) de forma tardia (T2) no grupo IND+CARD pode indicar que, após um inicial desequilíbrio imune, o organismo do hospedeiro estaria migrando para uma imunomodulação. Desta forma, o benzonidazol causou um desequilíbrio de diferentes mecanismos relacionados à resposta imune na doença de Chagas crônica. Porém, apenas o acompanhamento por um maior intervalo de tempo possibilitará concluirmos se estes fenômenos são definitivos ou se são consequência dos elevados níveis antigênicos e medicamentosos no organismo do hospedeiro.
keywords: Doença de Chagas
Sistema Imunológico
Quimioterapia
DeCS: Doença de Chagas
Sistema imunológico
Tripanossomicidas
Nitroimidazóis
Doença Crônica
Trypanosoma cruzi
Issue Date: 2015
Publisher: Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães
Citation: BRAZ, Suellen Carvalho de Moura. Investigação do tratamento com o benzonidazol sobre a resposta imunológica de portadores crônicos da doença de Chagas. 2015. 152 f. Tese (Doutorado em Saúde Pública) - Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães, Fundação Oswaldo Cruz, Recife, 2015.
Date of defense: Março 3, 2015
Place of defense: Recife/PE
Defense institution: Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães
Program: Programa de Pós-Graduação em Saúde Pública
Embargo date: 2016-09-03
Copyright: open access
Appears in Collections:PE - IAM - PPGSP - Teses de Doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Suellen Braz_TESE.pdf18.87 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.