Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/13934
Title: Fatores socioambientais associados a eventos hidrometeorológicos extremos na incidência de leptospirose no município do Rio de Janeiro, 1997 a 2009: um estudo de caso
Other Titles: Environmental factors associated with extreme hydrometeorological events in the incidence of leptospirosis in the city of Rio de Janeiro, 1997-2009: a case study
Advisor: Kligerman, Debora Cynamon
Authors: Oliveira, Teresa Vieira dos Santos de
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Abstract: Esta tese realiza uma análise de fatores socioambientais que contribuem para a incidência da leptospirose no Município do Rio de Janeiro. Teve como objetivo analisara relação da incidência da leptospirose no Município do Rio de Janeiro por Região Administrativa, no período de 1997 a 2009, frente às variabilidades climáticas, analisando os eventos extremos, ocorridas neste período associados aos fatores socioeconômicos. O Município do Rio de Janeiro (MRJ) têm 33 Regiões Administrativas (RAs), porém este estudo analisou 30 RAs, na série histórica de 1997 a 2009, através dos Índices: Epidemiológico através das variáveis: casos e óbitos da leptospirose;Socioeconômicos analisados pelas variáveis: renda, educação, coleta de lixo,abastecimento de água e esgotamento sanitário e Climatológico através das variáveis: temperatura máxima e mínima, dias de chuva e precipitação. Ao final foi construído um Índice Total de Risco (ITR) para a doença no MRJ, que poderá ser utilizado para estudar outras doenças. Após o resultado do ITR, foram selecionadas dez Regiões Administrativas divididas em dois grupos: as cinco com maior risco e as cinco com menor risco.De acordo com o estudo observou-se que as Regiões Administrativas que detém o maior risco: Madureira, Campo Grande, Jacarepaguá, Méier e Ramos. E as de menor risco: Copacabana, Centro, Botafogo, Lagoa e Portuária Observou-se que os fatores que mais influenciam na incidência da leptospirose no Município do Rio de Janeiro é a deficiente coleta de lixo, quando concomitante com a variação pluviométrica contribuem de maneira efetiva para a elevação do índice da doença, ficando assim, a população de baixa renda mais vulnerável.
Abstract: This thesis conducts an analysis of environmental factors that contribute to the incidence of leptospirosis in the city of Rio de Janeiro. Aimed to analyze the relationship of incidence of leptospirosis in the city of Rio de Janeiro by Administrative Region in the period 1997-2009, compared to climate variability, analyzing extreme events, during this period associated with socioeconomic factors. The city of Rio de Janeiro (MRJ) have 33 Administrative Regions (ARs), but this study analyzed 30 ARs, the time series from 1997 to 2009 trough the Indexes: Epidemiological, through the variables: cases and deaths from leptospirosis; Socioeconomic, analyzed by variables: income, education, garbage collection, water supply, sewage; and Climatological, through the variables: maximum and minimum temperature, rainfall and rainy days. At the end we built a Total Risk Index (ITR) for the disease in MRJ, which can be used to study other diseases. After the result of the ITR, we selected ten administrative regions divided into two groups: five with a higher risk and five with less risk. According to the study it was observed the Administrative Regions that holds the greatest risk: Madureira, Campo Grande, the studied area, Meier and Ramos. And the low risk: Copacabana, Centro, Botafogo, Lagoa and Portuária. Also it was sound the factors that most influence the incidence of leptospirosis in the city of Rio de Janeiro is the poor garbage collection when concomitant with the variation in rainfall contributing effectively to increase the index of the disease, which makes the low-income population more vulnerable.
Keywords: Leptospirosis
Public Health
Pluviometry
Risk index
Rio de Janeiro
keywords: Leptospirose
Saúde Pública
Pluviometria
Índice de risco
Rio de Janeiro
DeCS: Leptospirose/epidemiologia
Pluviometria
Indicador de Risco
Saúde Pública
Leptospirose
Issue Date: 2013
Citation: OLIVEIRA, Teresa Vieira dos Santos de. Fatores socioambientais associados a eventos hidrometeorológicos extremos na incidência de leptospirose no município do Rio de Janeiro, 1997 a 2009: um estudo de caso. 2013. 86 f. Tese (Saúde Pública) - Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Rio de Janeiro, 2013.
Place of defense: Rio de Janeiro
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz. Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca
Copyright: open access
Appears in Collections:ENSP - Teses de Doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
465.pdf1.82 MBAdobe PDFView/Open



FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.