Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/16341
Title: Difusão do conhecimento científico e tecnológico no Brasil na segunda metade do século XIX: a circulação do progresso nas exposições universais e internacionais
Advisor: Fonseca, Maria Rachel de Gomensoro Fróes da
Members of the board: Heizer, Alda Lúcia
Ferreira, Luiz Otávio
Sá, Magali Romero
Dantes, Maria Amélia Mascarenhas
Costa, Maria Conceição da
Kury, Lorelai Brilhante
Authors: Ferreira, Cristina Araripe
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Casa de Oswaldo Cruz. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Abstract: Esta tese se propõe a analisar as relações entre exposições universais e internacionais e difusão dos conhecimentos científicos e tecnológicos. A partir de meados do século XIX, o Brasil participou do movimento geral das exposições e incorporou ao seu cotidiano numerosas inovações trazidas ao público por ocasião da realização desses grandes certames batizados pelo Imperador d. Pedro II de festas da inteligência e do trabalho . Nesta perspectiva de análise, procuramos abrir espaço para discutir questões centrais que nortearam o processo de expansão da ciência e tecnologia no país. Mais especificamente, trata-se de explicar como valores civilizacionais surgidos em países distantes puderam penetrar culturalmente, por meio do progresso material, a sociedade brasileira. Progresso este que se instaura e se dissemina com rapidez e intensidade a partir do início da década de 1860 quando o Império do Brasil passou a tomar parte oficialmente das exposições. Por fim, chamamos a atenção para o arranjo sócio-institucional da ciência e tecnologia que permitiu o surgimento e a consolidação de diversas experiências concretas no campo do desenvolvimento industrial. Este desenvolvimento foi decisivo em função da necessidade de ampliação dos mercados consumidores e de incorporação do progresso técnico ao processo produtivo, mas também de promoção de uma cultura científica que deveria doravante perpassar toda a sociedade.
Abstract: The purpose of this thesis aims at analyzing the relationships between universal and international exhibitons (world fairs and international expositions) and the dissemination of scientific and technological knowledge. From mid-19th century, the Brazil participated in the general exhibiton movement and incorporated, to its routine, several innovations brought to public during the time when those great public events Emperor Pedro II referred to as “festas da inteligência e do trabalho” (intelligence and labor festivals) were held. Under this analysis perspective, we attempted to make room to discuss central issues that directed the science and technology expansion process in this country. More specifically, it explains how civilization values originated from distant countries could culturally penetrate, through material progress, the Brazilian society. Such progress is established and quickly, intensely disseminated from the beginning of the 1860s, when the Brazilian Empire started to officially take part of the great exhibitons. Finally, we draw the attention to the social institutional structure of the technology that enabled the appearance and consolidation of several concrete experiences in the industrial development segment. This development was the turning point due to the need for not only expansion of consumer markets and incorporation of technical progress to the production process, but also the promotion of a scientific culture that should there in after unravel the entire society.
Keywords: Science
Tecnology
Scientific Exhibitions
History
Keywords in spanish: Ciencia
Tecnología
Exposiciones Científicas
Historia
keywords: Exposições Internacionais
Exposições Universais
DeCS: Ciência
Tecnologia
Exposições Científicas
História
Issue Date: 2011
Citation: FERREIRA, Cristina Araripe. Difusão do conhecimento científico e tecnológico no Brasil na segunda metade do século XIX: a circulação do progresso nas exposições universais e internacionais. Tese (Doutorado em História das Ciências e da Saúde) - Casa de Oswaldo Cruz / Fiocruz, Rio de Janeiro, 2011. 299 f.
Date of defense: 2011
Place of defense: Rio de Janeiro
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz. Casa de Oswaldo Cruz
Program: Programa de Pós-Graduação em História das Ciências e da Saúde
Copyright: open access
Appears in Collections:COC - PPGHCS - Teses de Doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
136.pdf2.86 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.