Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/16346
Title: Confiabilidade teste-reteste de escalas de silhuetas de autoimagem corporal no Estudo Longitudinal de Saúde do Adulto
Other Titles: Test-retest reliability of the scale silhouettes fi gures of body image in Brazilian Longitudinal Study of Adult Health
Authors: Griep, Rosane Härter
Aquino, Estela M. L.
Chor, Dóra
Kakeshita, Idalina Shiraishi
Gomes, Andrea Lizabeth Costa
Nunes, Maria Angélica Antunes
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Universidade Federal da Bahia. Instituto de Saúde Coletiva. Salvador, BA, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Faculdades da Fundação de Ensino de Mococa. Mococa, Brasil.
Universidade Federal da Bahia. Escola de Nutrição. Salvador, BA, Brasil.
Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Porto Alegre, RS, Brasil
Abstract: Aplicou-se a escala de figuras de silhuetas que avalia a imagem corporal em duas oportunidades, com intervalos de 7 a 14 dias, em 281 participantes do Estudo Longitudinal de Saúde do Adulto (ELSA-Brasil). O coeficiente de correlação intraclasse (CCI) foi usado para medir a confiabilidade teste-reteste. O item “como os participantes veem seu tamanho corporal atual” apresentou CCI entre 0,92 e 0,97, sem diferenças por sexo, idade ou escolaridade. “O tamanho corporal que gostariam de ter” apresentou CCI entre 0,86 e 0,92, sendo menor entre os homens. A estabilidade temporal foi adequada, possibilitando sua utilização em estudos sobre a imagem corporal no ELSA-Brasil e populações semelhantes.
Abstract: We applied silhouette scales for assessing body image on two occasions with a 7 to 14 day interval in 281 participants in the Brazilian Longitudinal Study of Adult Health (ELSA-Brasil). Intraclass correlation coefficient (ICC) was used to measure test-retest reliability. The item “how participants see their current body size” showed ICC from 0.92 to 0.97, with no difference by gender, age, or schooling. “Ideal body size” showed ICC from 0.86 to 0.92 and was lower among men. Temporal stability was satisfactory, allowing for use of the scales in studies on body image in the ELSA-Brasil and similar populations.
Keywords: Body Image
Self Concept
Reproducibility of Results
Body Mass Index
keywords: Imagem Corporal
Autoimagem
Reprodutibilidade dos Testes
Índice de Massa Corporal
Issue Date: 2012
Publisher: Escola Nacional de Saúde Pública - FIOCRUZ
Citation: GRIEP, Rosane Härter; et al. Confiabilidade teste-reteste de escalas de silhuetas de autoimagem corporal no Estudo Longitudinal de Saúde do Adulto. Cad. Saúde Pública, v.28, n.9, p.1790-1794, set. 2012.
ISSN: 0102-311X
Copyright: open access
Appears in Collections:ENSP - Artigos de Periódicos
IOC - Artigos de Periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
rosane3_griep_etal_IOC_2012.pdf74.13 kBAdobe PDFView/Open



FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.