Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/17227
Title: A proposta de pesquisa-formação em saúde: construção do método de Círculos em Redes
Authors: Ceccim, Ricardo Burg
Müller, Guilherme Souza
Maia, Laura Pereira da
Cataluña, Ricardo Verza
Affilliation: Pesquisador em Saúde Coletiva, mestre em Educação, doutor em Psicologia Clínica e pósdoutor em Antropologia Médica, professor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, pesquisador na área de Educação e Ensino da Saúde, junto ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, pesquisador 1 D
Bacharel em Saúde Coletiva, bolsista de iniciação científica e popularização da ciência na área de Educação e Ensino da Saúde, junto à Universidade Federal do Rio Grande do Sul e ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, no período 2010-2012.
Bacharel em Saúde Coletiva, bolsista de iniciação científica e popularização da ciência na área de Educação e Ensino da Saúde, junto à Universidade Federal do Rio Grande do Sul e ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, no período 2010-2012.
Bacharel em Saúde Coletiva, bolsista de iniciação científica e popularização da ciência na área de Educação e Ensino da Saúde, junto à Universidade Federal do Rio Grande do Sul e ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, no período 2010-2012.
Abstract: O ensaio apresenta a proposta da pesquisa-formação em saúde, a construção do método de círculos em redes. A pesquisa-formação é conjugação da pesquisa-ação com educação permanente em saúde, um arranjo de produção do conhecimento e intervenção coletiva onde pesquisador(es) e pesquisado(s) aprendem, fazem perguntas e conformam saberes. A proposta tem vista introduzir novas possibilidades à investigação em saúde, contrapõe-se à racionalidade científica moderna, substituindo a noção de pergunta ou foco pela noção problema educossanitário, aludindo à necessidade de construção coletiva de saberes em realidades onde a saúde está em causa. O método de círculos em redes permite reconhecer a produção do saber como resultante de dados complexos, múltiplos, plurais, coletivos e colaborativos, que se enunciam como conhecimento, como aprendizado e como disposição ao estranhamento. O ensaio indica que os círculos em redes emergem de um processo de pensamento entre pesquisadores, pesquisados e interlocutores, onde modo de pesquisar e investigação não apenas buscam a produção de conhecimento novo ou novas informações mas a produção de modos de pensar e ainda uma inteligência coletiva entre aqueles interessados com o tema de pesquisa.
keywords: Pesquisa Qualitativa em Saúde
Mandala Educossanitária
Círculos em Redes
Issue Date: 2013
Publisher: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Comunicação e Informação Cientifica e Tecnológica em Saúde.
Copyright: open access
Appears in Collections:ICICT - RECIIS - Volume 7 - Número 4

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
3.pdf207.72 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.