Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/19190
Title: Plantas Medicinais Cultivadas e Utilizadas na Associação Casa de Ervas Barranco da Esperança e Vida (ACEBEV), Porteirinha, MG
Authors: Leite, Cindy V.
Oliveira, Gisele Lopes
Affilliation: Faculdade de Saúde Ibituruna. Ciências Biológicas. Montes Claros, MG, Brasil.
Universidade Federal do Rio de Janeiro. Centro de Ciências da Saúde. Programa de Pós-graduação em Biotecnologia Vegetal. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Abstract: O conhecimento sobre uso tradicional de plantas medicinais pode auxiliar na descoberta de princípios ativos com alguma ação farmacológica. O objetivo deste trabalho foi levantar informações sobre as plantas cultivadas e utilizadas para fins medicinais na Associação Casa de Ervas Barranco da Esperança e Vida (ACEBEV), no município de Porteirinha, MG. Realizou-se uma entrevista semi-estruturada e diálogos informais com a Irmã Mônica, freira fundadora e responsável pelo local, para obtenção das informações. Este estudo mostrou que são cultivadas na ACEBEV 74 espécies medicinais, distribuídas em 33 famílias, destacando-se a Asteraceae (15 spp.) e Lamiaceae (15 spp.). As plantas medicinais são manipuladas de forma artesanal e comercializadas como medicamento natural. Os usos mais descritos estão relacionados às doenças infecciosas, da pele e tecido sub-cutâneo, transtornos do sistema nervoso e transtornos do sistema gastrintestinal. Aloe vera (2,0), Ricinus communis (2,0) e Kalanchoe brasiliensis (2,0) apresentaram os maiores valores de Importância Relativa. Os resultados do estudo mostram a importância da ACEBEV para a população local, tanto como apoio à saúde quanto para valorização e preservação dos recursos na região.
Abstract: The study about traditional use of medicinal plants can help in the discovery of active principles with some pharmacological activity. The aim of this study was gather information about the plants grown and used for medicinal purposes at Associação Casa de Ervas Barranco da Esperança e Vida (ACEBEV), locally known as ACEBEV, in the municipality of Porteirinha, MG. It was used a semi-structured interviews and informal dialogue with the Religious Mônica, known as Sister Mônica, founder and responsible for ACEBEV in order to obtain the information. This study registered 74 medicinal species, distributed in 33 families, standing out Asteraceae (15 spp.) and Lamiaceae (15 spp.). Medicinal plants are manipulated in a handmade product and marketed as natural. The most common uses are related to infectious diseases, diseases of the skin and sub-cutaneous tissue, nervous system disorders and disorders of the gastrointestinal system. Aloe vera (2.0), Ricinus communis (2.0) and Kalanchoe brasiliensis (2.0) showed higher relative importance. The results show the importance of ACEBEV for the local population, both as support for health and for recovery and preservation of resources in the region.
Keywords: Medicinal Plants
Ethnobotany
Asteraceae
Lamiaceae
Brazilian Cerrado
keywords: Planta Medicinal
Etnobotânica
Asteraceae
Lamiaceae
Cerrado
Issue Date: 2013
Publisher: Fundação Oswaldo Cruz. Farmanguinhos. Núcleo de Gestão em Biodiversidade e Saúde.
Citation: LEITE, Cindy V.; OLIVEIRA, Gisele Lopes. Plantas Medicinais Cultivadas e Utilizadas na Associação Casa de Ervas Barranco da Esperança e Vida (ACEBEV), Porteirinha, MG. Revista Fitos, [S.l.], v. 7, n. 01, out. 2013.
ISSN: 2446-4907
Copyright: open access
Appears in Collections:Farmanguinhos - Revista Fitos - Volume 7 - Número 1

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2.pdf139.99 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.