Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/20468
Title: A expansão da República: a integração do território brasileiro nos projetos do Clube de Engenharia (1890-1922)
Advisor: Sá, Dominichi Miranda de
Members of the board: Marinho, Pedro Eduardo Mesquita de Monteiro
Wegner, Robert
Cardoso, Luciene Pereira Carris
Vieira, Tamara Rangel
Authors: Carvalho, Erika Marques de
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Casa de Oswaldo Cruz. Programa de Pós-Graduação em História das Ciências e da Saúde. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Abstract: Este trabalho analisa os projetos de integração territorial produzidos pelos engenheiros do Clube de Engenharia (CE), entre 1890 e 1922. Esta associação, fundada em 1880, ainda noImpério, tornou-se, com o advento da República, uma das mais importantes instituições de debate e proposição de planos de viação, estradas de ferro e linhas telegráficas que objetivavam efetivar as comunicações e a circulação entre diferentes regiões do Brasil. Esses projetos eram requisitados por órgãos governamentais e empresas privadas e, mesmo quando não solicitados, os associados realizavam avaliações sobre tais empreendimentos porcompreenderem-se como intelectuais e agentes da modernização a ser alcançada pelo país. Os engenheiros do CE, formados na Escola Central, na Escola Politécnica do Rio de Janeiro eantigos integrantes do Instituto Politécnico Brasileiro, julgavam-se capacitados, pelo seu saber técnico-científico a ultrapassar os obstáculos impostos pela natureza do país. Entretanto, doenças endêmicas demonstraram que as competências da engenharia não eram infalíveis. Aprincipal fonte desta dissertação é a Revista do Clube de Engenharia, na qual eram publicadas as atas de sessões, projetos, relatórios e areceres realizados pelos engenheiros da associação. E, entre estas publicações, foram privilegiados o Plano de Viação Geral da República (1890), as discussões em torno do traçado da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré (1904) e o projeto O Valle do Amazonas e suas communicações telegraphicas (1905), de modo a examinar a atuação dos engenheiros do CE, nos planos de integração do território brasileiro para a consolidação do Estado republicano.
Abstract: This paper analyzes the projects of territorial integration produced by the engineers of the Engineering Club (CE), between 1890 and 1922. This association, founded in 1880, still in the Empire, became, with the advent of the Republic, one of the most important institutions for discussion and proposition of traffic plans, railroads and telegraph lines that aimed to effect communication and movement between different regions of Brazil. These projects were required by government agencies and private companies, and even when not required, members performed reviews of such projects because they understand themselves as intellectuals and agents of modernization to be achieved by the country. The CE’s engineers, formed at the Central School, the Polytechnic School of Rio de Janeiro and former members of the Brazilian Polytechnic Institute, thought themselves capable, by its technical-scientific knowledge, to overcome the obstacles imposed by the nature of the country. However, endemic diseases demonstrated that the engineering skills were not infallible. The main source of this dissertation is the Engineering Club Magazine, which were published the minutes of sessions, projects, reports and opinions made by the engineers of the association. And, between these publications, were privileged the General Traffic Plan of the Republic (1890), discussions about the layout of the Madeira-Mamore Railway (1904) and the project The Valle Amazon and its telegraph communications (1905), in order to examine the performance of engineers of the CE, in the integration plans of brazilian territory for the consolidation of the republican State.
keywords: Engenharia
Sistemas de Transporte
DeCS: História
Comunicação/história
Transportes/história
Brasil
Issue Date: 2014
Citation: CARVALHO, Erika Marques de. A expansão da República: a integração do território brasileiro nos projetos do Clube de Engenharia (1890-1922). 2014. 146 f. Dissertação (Mestrado em História das Ciências e da Saúde) - Fundação Oswaldo Cruz. Casa de Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, RJ, 2014.
Date of defense: 2014
Place of defense: Rio de Janeiro
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz. Casa de Oswaldo Cruz
Program: Programa de Pós-Graduação em História das Ciências e da Saúde
Copyright: open access
Appears in Collections:COC - PPGHCS - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
163.pdf4.9 MBAdobe PDFView/Open



FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.