Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/24827
Title: Gravidez em adolescentes: contextos de vulnerabilidade e mudança social
Other Titles: Pregnancy in adolescents: contexts of vulnerability and social change
Advisor: Czeresnia, Dina
Authors: Oviedo, Rafael Antônio Malagón
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Abstract: O principal objetivo do estudo foi analisar as trajetórias que conduzem adolescentes à gravidez em contextos de vulnerabilidade e mudança social. Foram indagados os seguintes aspectos: (i) configurações socioculturais que incidem na gravidez em adolescentes. (ii) regras sociais gerais e de regulação dos relacionamentos amorosos. (iii) compromissos bio-emocionais dos adolescentes (reflexividade, desejos, motivações, etc.) (iv) transformações socioculturais relativas à sexualidade e o corpo, examinando mudanças entre gerações.Levando em conta a importância de abordar essa temática em contextos situados (um setor urbano-marginal da Cidade de Bogotá D.C-Colômbia), elaborou-se um estudo exploratório com aproximações quantitativas e qualitativas. Considerando a complexidade do objeto de estudo, com múltiplas dimensões e interferências envolvidas, o desenho metodológico integrou perspectivas sincrônicas e diacrônicas sob uma lógica processual.Na análise foi privilegiada a compreensão da interface estrutura/agência dando destaque tanto para os dispositivos e mecanismos que explicam a reprodução de condições sociais com incidência na gravidez, quanto dimensões que exprimem mudança e transformação dessas condições.Fontes teóricas de distintos campos foram consultadas, em especial: desenvolvimentos dos enfoques de vulnerabilidade na Saúde Pública, sociologias contemporâneas de Giddens, Bourdieu e Archer, em diálogo com outros campos como as teorias do Bem Estar, em particular o enfoque de capacidades, com o intuito de aprimorar um desenho analítico de vulnerabilidade em perspectiva processual.
A análise revelou que configurações socioculturais específicas, nas quais participam ativamente adultos e adolescentes dos locais estudados, têm poder explicativo sobre esses eventos. Foram captados estilos amorosos ligados a formas longínquas de domínio e apropriação territorial, entre outros múltiplos aspectos. É nessa complexidade que os dados adquirem sistematicidade, e a análise processual desvela achados relativamente convencionais na literatura, qualificando-os em alguns casos e trazendo também novidades em outros. Convivência de princípios e alteridades contraditórias relacionadas com a sexualidade foram também registrados. Os achados do estudo destacam que um maior conhecimento sobre as características socioculturais dos ambientes de socialização dos adolescentes, é um caminho promissor para qualificar informações relacionadas com a gravidez. Os enfoques essencialistas / reducionistas, muito presentes nesta área, dão excessiva centralidade aos comportamentos juvenis, em sacrifício de outros aspectos, igualmente significativos na explicação. Em temporalidade histórica é possível especificar como aspectos da cultura se inter-relacionam sistemicamente com funcionamentos sociais relacionados com a precarização da vida, construindo em conjunto condições de possibilidade para que eventos de gravidez adotem um padrão singular, contrastante com outras territorialidades da Cidade.
Abstract: The main goal of this study was the analysis of the paths leading to the pregnancy in an environment of vulnerability and social change. The following issues were considered:(i) social-cultural configurations that influence teenager´s pregnancy. (ii) general social and regulating ruling of the loving relationship. (iii) bio-emotional commitments of the adolescents (reflectivity, desires, motivation, and so on). (iv) social-cultural transformations regarding sexualityand the body, considering transformations through generations.Considering the importance of dealing with the thematic under located contexts (a marginal-urban sector in Bogotá D.C. - Colombia), an explanatory study with quantitative and explanatory approaches was designed. Considering the complexity of the object studied, and the multiple dimensions and interferences involved, the methodological design integrated synchronous and diachronic perspectives, based on a processual logic procedure.The understanding of the structure/agency interface was privileged in the analysis, highlighting as well the devices and mechanisms which explain the reproduction of the social factors occurring in the pregnancy as well as the dimensions on which the dimensions and changes were based, supporting the transformations of those conditions.The diverse theoretical sources were also considered, specially: development of Vulnerability and Public Health focusing, contemporary sociology of Giddens, Bourdieu and Archer, under dialogue with other fields such as the Welfare theory, particularly focusing on abilities, with the purpose of enhancing an analytic design of Vulnerability on the processual perspective.
The analysis disclosed that social-cultural specific configurations, in which adults and adolescents of the studied places take part, have an explanatory capacity on those events. Loving styles linked to previous forms of domain and territorial appropriations were also picked up, among other multiple aspects. That complexity grants systematic occurrence to the data, and the processual analysis reveals relatively conventional findings of the literature, enriching it in times and involving novelties in others.The findings of the study outstands that a greater knowledge over the social-cultural features in the adolescents socializing environments, is a promissory road to improve data related to pregnancy. The essentialist/reductionist focusing, very prevalent in this area, provide an excessive centrality to the juvenile behavior, which sacrifice other aspects equally significant to the explanation. Related to the historic temporality, it is possible to specify the way that cultural issues are systematically interrelated to social performances connected to the precarious condition of life, building on the whole conditions of possibility, so that events like the pregnancy adopt a singular pattern, contrasting with other territorialities of the City.
DeCS: Gravidez na Adolescência
Vulnerabilidade Social
Mudança Social
Issue Date: 2015
Citation: OVIEDO, Rafael Antônio Malagón. Gravidez em adolescentes: contextos de vulnerabilidade e mudança social. 2015. 250 f. Tese (Doutorado em Saúde Pública) - Fundação Oswaldo Cruz, Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Rio de Janeiro, 2015.
Place of defense: Rio de Janeiro
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz. Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca
Copyright: open access
Appears in Collections:ENSP - Teses de Doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
rafael_antonio_malagon.pdf4.23 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.