Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/25386
Title: Prognóstico de pacientes infectados pelo HIV internados na Unidade de Terapia Intensiva: um estudo multicêntrico brasileiro
Advisor: Japiassú, André Miguel
Bozza, Fernando Augusto
Authors: Andrade, Hugo Boechat
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Abstract: A terapia antirretroviral combinada (cART) revolucionou o tratamento do HIV/Aids, com significativo impacto na sobrevida e na qualidade de vida. No entanto, a mortalidade de pacientes HIV que evoluem com gravidade e são internados em unidades de terapia intensiva (UTI) continua elevada. Conhecer os fatores prognósticos e prever o desfecho dos pacientes críticos com HIV são importantes para a adoção de medidas preventivas e tratamento mais adequado. Foi realizada, na primeira parte da dissertação, uma revisão sistemática da literatura sobre fatores prognósticos de curto prazo (mortalidade na UTI e hospitalar) de pacientes críticos portadores do HIV que concluiu que fatores associados com a gravidade da doença aguda, como escores prognósticos, albumina e falências orgânicas (choque e insuficiência respiratória), parecem ter maior importância como determinantes da mortalidade de curto prazo do que os associados ao HIV, mas uso de cART durante a internação na UTI pode ser benéfico conforme metanálise dos dados, apresentada na segunda parte da dissertação como um artigo científico original em inglês. Para comprovar os dados da revisão relativos à mortalidade na UTI, na terceira parte da dissertação apresenta-se um estudo observacional prospectivo multicêntrico, com três unidades de terapia intensiva brasileiras, que concluiu que choque à admissão, coma, hipoalbuminemia grave e infecção bacteriana adquirida na UTI são fatores independentemente associados com a mortalidade na unidade de terapia intensiva; enquanto fatores associados à infecção pelo HIV não apresentaram associação com a mortalidade na UTI.
Abstract: Combination antiretroviral therapy (cART) has revolutionized the treatment of HIV/AIDS, with a significant impact on survival and quality of life. However, the mortality of HIV patients who develop critical illness and are admitted to intensive care units (ICU) remains high. Knowing the prognostic factors and predicting the outcome of critically ill HIV patients are important for the adoption of preventive measures and appropriate treatment. A systematic review of the literature on short-term prognostic factors (ICU and hospital mortality) for critically ill HIV patients was performed and it concluded that factors associated with severity of acute illness, such as prognostic scores, albumin and organic failure (shock and respiratory failure), seem to have greater importance as determinants of short-term mortality than those associated with HIV. However, the use of cART during ICU stay can be beneficial as demonstrated by meta-analysis of revision data. To corroborate the systematic review\2019s conclusions on ICU mortality, we conducted a multicenter prospective observational study with three Brazilian intensive care units that showed that shock on admission, coma, severe hypoalbuminemia and bacterial infection acquired in the ICU are factors independently associated with mortality in the intensive care unit; while factors associated with HIV infection were not associated with mortality in the ICU
keywords: HIV
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida
Unidades de Terapia Intensiva
Mortalidade
Prognóstico
Issue Date: 2016
Citation: ANDRADE, Hugo Boechat. Prognóstico de pacientes infectados pelo HIV internados na Unidade de Terapia Intensiva: um estudo multicêntrico brasileiro. 2016. 117 f. Mestrado (Mestrado em Pesquisa Clínica em Doenças Infecciosas)-Fundação Oswaldo Cruz, Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas, Rio de Janeiro, 2016.
Date of defense: 2016
Place of defense: Rio de Janeiro
Department: Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz
Program: Programa de Pós-Graduação em Pesquisa Clínica em Doenças Infecciosas
Copyright: open access
Appears in Collections:INI - PCDI - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
hugo_andrade_ini_mest_2016.pdf9.3 MBAdobe PDFView/Open



FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.