Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/26878
Title: Vitamin B6 Reduces Neurochemical and Long-Term Cognitive Alterations After Polymicrobial Sepsis: Involvement of the Kynurenine Pathway Modulation
Authors: Danielski, Lucinéia Gainski
Giustina, Amanda Della
Goldim, Mariana Pereira
Florentino, Drielly
Mathias, Khiany
Garbossa, Leandro
Schraiber, Rosiane de Bona
Laurentino, Ana Olívia Martins
Goulart, Marina
Michels, Monique
Queiroz, Karina Barbosa de
Kohlhof, Markus
Rezin, Gislaine Tezza
Fortunato, Jucélia Jeremias
Quevedo, Joao
Barichello, Tatiana
Dal-Pizzol, Felipe
Coimbra, Roney Santos
Petronilho, Fabricia
Affilliation: Universidade do Sul de Santa Catarina. Unidade de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde. Laboratório de Neurobiologia de Processos Inflamatórios e Metabólicos. Tubarão, SC, Brazil
Universidade do Sul de Santa Catarina. Unidade de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde. Laboratório de Neurobiologia de Processos Inflamatórios e Metabólicos. Tubarão, SC, Brazil
Universidade do Sul de Santa Catarina. Unidade de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde. Laboratório de Neurobiologia de Processos Inflamatórios e Metabólicos. Tubarão, SC, Brazil
Universidade do Sul de Santa Catarina. Unidade de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde. Laboratório de Neurobiologia de Processos Inflamatórios e Metabólicos. Tubarão, SC, Brazil
Universidade do Sul de Santa Catarina. Unidade de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde. Laboratório de Neurobiologia de Processos Inflamatórios e Metabólicos. Tubarão, SC, Brazil
Universidade do Sul de Santa Catarina. Unidade de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde. Laboratório de Neurobiologia de Processos Inflamatórios e Metabólicos. Tubarão, SC, Brazil
Universidade do Sul de Santa Catarina. Unidade de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde. Laboratório de Neurobiologia de Processos Inflamatórios e Metabólicos. Tubarão, SC, Brazil
Universidade do Sul de Santa Catarina. Unidade de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde. Laboratório de Neurobiologia de Processos Inflamatórios e Metabólicos. Tubarão, SC, Brazil
Universidade do Sul de Santa Catarina. Unidade de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde. Laboratório de Neurobiologia de Processos Inflamatórios e Metabólicos. Tubarão, SC, Brazil
Universidade do Sul de Santa Catarina. Unidade de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde. Laboratório de Fisiopatologia Experimental. Criciúma, SC, Brazil
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Rene Rachou. Laboratório de Neurogenômica. Belo Horizonte, MG, Brazil
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Rene Rachou. Laboratório de Neurogenômica. Belo Horizonte, MG, Brazil
Universidade do Sul de Santa Catarina. Unidade de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde. Laboratório de Neurobiologia de Processos Inflamatórios e Metabólicos. Tubarão, SC, Brazil
Universidade do Sul de Santa Catarina. Unidade de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde. Laboratório de Neurobiologia de Processos Inflamatórios e Metabólicos. Tubarão, SC, Brazil
Translational Psychiatry Program. Department of Psychiatry and Behavioral Sciences. University of Texas Health Science Center at Houston. McGovern Medical School. Houston, TX, USA/Center of Excellence on Mood Disorders. Department of Psychiatry and Behavioral Sciences. University of Texas Health Science Center at Houston. McGovern Medical School. Houston, TX, USA/Neuroscience Graduate Program. The University of Texas Graduate School of Biomedical Sciences at Houston. Houston, TX, USA/Universidade do Sul de Santa Catarina. Unidade de Ciências da Saúde. Laboratório de Neurociências. Criciúma, SC, Brazil
Translational Psychiatry Program. Department of Psychiatry and Behavioral Sciences. University of Texas Health Science Center at Houston. McGovern Medical School. Houston, TX, USA/Center of Excellence on Mood Disorders. Department of Psychiatry and Behavioral Sciences. University of Texas Health Science Center at Houston. McGovern Medical School. Houston, TX, USA/Neuroscience Graduate Program. The University of Texas Graduate School of Biomedical Sciences at Houston. Houston, TX, USA/Universidade do Sul de Santa Catarina. Unidade de Ciências da Saúde. Laboratório de Neurociências. Criciúma, SC, Brazil
Universidade do Sul de Santa Catarina. Unidade de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde. Laboratório de Fisiopatologia Experimental. Criciúma, SC, Brazil
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Rene Rachou. Laboratório de Neurogenômica. Belo Horizonte, MG, Brazil
Universidade do Sul de Santa Catarina. Unidade de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde. Laboratório de Neurobiologia de Processos Inflamatórios e Metabólicos. Tubarão, SC, Brazil
Abstract: Neurological dysfunction as a result of neuroinflammation has been reported in sepsis and cause high mortality. High levels of cytokines stimulate the formation of neurotoxic metabolites by kynurenine (KYN) pathway. Vitamin B6 (vit B6) has anti-inflammatory and antioxidant properties and also acts as a cofactor for enzymes of the KYN pathway. Thus, by using a relevant animal model of polymicrobial sepsis, we studied the effect of vit B6 on the KYN pathway, acute neurochemical and neuroinflammatory parameters, and cognitive dysfunction in rats. Male Wistar rats (250-300 g) were submitted to cecal ligation and perforation (CLP) and divided into sham + saline, sham + vit B6, CLP + saline, and CLP + vit B6 (600 mg/kg, s.c.) groups. Twenty-four hours later, the prefrontal cortex and hippocampus were removed for neurochemical and neuroinflammatory analyses. Animals were followed for 10 days to determine survival rate, when cognitive function was assessed by behavioral tests. Vitamin B6 interfered in the activation of kynurenine pathway, which led to an improvement in neurochemical and neuroinflammatory parameters and, consequently, in the cognitive functions of septic animals. Thus, the results indicate that vit B6 exerts neuroprotective effects in acute and late consequences after sepsis.
Keywords: Sepsis
Vitamin B6
Braindamage
Tryptophan
Oxidative stress
Neuroinflammation
keywords: Sepse
Vitamina B6
Dano cerebral
Triptofano
Estresse oxidativo
Neuroinflamação
Issue Date: 2018
Publisher: Springer
Citation: DANIELSKI, Lucinéia Gainski et al. Vitamin B6 Reduces Neurochemical and Long-Term Cognitive Alterations After Polymicrobial Sepsis: Involvement of the Kynurenine Pathway Modulation. Mol Neurobiol., v. 55, p. 5255–5268, 2018
DOI: 10.1007/s12035-017-0706-0
ISSN: 0893-7648
Copyright: restricted access
Appears in Collections:MG - IRR - Artigos de Periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Vitamin B6 Reduces Neurochemical.pdf1.19 MBAdobe PDF    Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.