Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/26925
Title: Fatores de risco peridomiciliares e conhecimento sobre leishmaniose visceral da população de Formiga, Minas Gerais.
Other Titles: Peridomiciliary risk factors and knowledge concerning visceral leishmaniasis in the population of formiga, Minas Gerais, Brazil.
Authors: Menezes, Júlia Alves
Luz, Tatiana Chama Borges
Sousa, Fabrizio Furtado de
Verne, Rafael Negreiros
Lima, Fernanda Pinheiro
Margonari, Carina
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto René Rachou. Belo Horizonte, MG, Brazil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto René Rachou. Belo Horizonte, MG, Brazil.
Universidade do Estado de Minas Gerais. Fundação Educational Divinópolis. Divinópolis, MG, Brazil.
Universidade do Estado de Minas Gerais. Fundação Educational Divinópolis. Divinópolis, MG, Brazil.
Centro Universitário de Formiga. Formiga, MG, Brazil
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto René Rachou. Belo Horizonte, MG, Brazil/Universidade do Estado de Minas Gerais. Fundação Educational Divinópolis. Divinópolis, MG, Brazil.
Abstract: Introdução: As leishmanioses representam uma importante carga de doença nos países tropicais, apresentando índices significativos de morbimortalidade nos locais onde ocorrem, incluindo o Brasil. Nesse contexto, a participação popular nas ações profiláticas pode ser determinante para o êxito das estratégias de controle. Objetivo: Por isso, o presente estudo teve o objetivo de investigar o conhecimento da população sobre as leishmanioses e a ocorrência de fatores de risco peridomiciliares associados à população no município de Formiga, Minas Gerais. Métodos: Foi realizado um inquérito domiciliar com uma amostra de 427 indivíduos entre maio e julho de 2011. Resultados: Apenas 7,5% dos moradores mostraram conhecimento sobre as leishmanioses, sendo principalmente as mulheres (OR = 3,15; IC95% 1,30 - 7,65). A prevalência de riscos peridomiciliares foi de 95%. Associação estatisticamente significativa foi encontrada entre maior escolaridade e menos fatores de risco peridomiciliares (OR = 0,45; IC95% 0,28 - 0,72) e entre o local de residência e maior número desses fatores de risco (OR = 1,84; IC95% 1,19 - 2,85). Conclusão: Os resultados demonstram que há baixo nível de conhecimento sobre as leishmanioses por parte da população. Além disso, a maioria dos respondentes está sujeita a algum fator de risco peridomiciliar, fato que pode contribuir para a manutenção do ciclo da doença no município.
Abstract: Introduction: Leishmaniasis represents an important burden of diseases in tropical countries, with significant levels of morbidity and mortality where they occur, including in Brazil. In this context, popular participation in prophylactic actions can be decisive for the success of the control strategies. Objective: For this reason, this study aimed at investigating the population's knowledge concerning leishmaniasis and the occurrence of peridomiciliary risk factors associated with the population of Formiga, Minas Gerais. Methods: A household questionnaire with a sample of 427 individuals was conducted between May and July 2011. Results: Only 7.5% of the residents presented knowledge regarding leishmaniasis, most of them being women (OR = 3.15; 95%CI 1.30 - 7.65). The prevalence of peridomiciliary risks was 95%. A statistically significant association was found between higher education levels and less peridomiciliary risk factors (OR = 0.45; 95%CI 0.28 - 0.72) and between the place of residence and a higher number of risk factors (OR = 0.84; 95%CI 1.19 - 2.85). Conclusion: The results demonstrate that the population has low levels of knowledge about leishmaniasis. Moreover, the majority of respondents are subject to some peridomiciliary risk factor, which may contribute to the maintenance of the disease cycle in the city.
Keywords: Leishmaniasis
Knowledge
Population at risk
Risk factors
Disease prevention
Health promotion
keywords: Leishmaniose
Conhecimento
População em risco
Fatores de risco
Prevenção de doenças
Promoção da saúde
Issue Date: 2016
Publisher: Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Citation: MENEZES, Júlia Alves et al. Fatores de risco peridomiciliares e conhecimento sobre leishmaniose visceral da população de Formiga, Minas Gerais. Rev. bras. epidemiol., v. 19, n. 2, p. 362-374, 2016.
DOI: 10.1590/1980-5497201600020013
ISSN: 1415-790X
Copyright: open access
Appears in Collections:MG - IRR - Artigos de Periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Fatores de risco peridomiciliares e conhecimento.pdf232.79 kBAdobe PDFView/Open



FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.