Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/27452
Title: Acidentes ofídicos no Brasil: da assistência no município do Rio de Janeiro ao controle da saúde animal em instituto produtor de soro antiofídico
Advisor: Lemos, Elba Regina Sampaio de
Authors: Machado, Claudio
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Abstract: Os acidentes por serpentes são um importante problema de saúde pública em diversas regiões da Ásia, África e América Latina. Apesar do grande número de acidentes, os dados de incidência e mortalidade são, na maioria dos casos, incompletos, devido à falha na identificação da serpente causadora do acidente e/ou no atendimento dos pacientes pela falta ou baixa qualidade das notificações, que apesar de obrigatórias no país, não refletem a realidade existente. Um dos fatores que agrava a situação dos acidentes ofídicos no país é o desconhecimento dos profissionais da área da saúde na identificação correta da serpente, o que se reflete diretamente no preenchimento das notificações. O soro antiofídico, produzido com o veneno das próprias serpentes, é o único tratamento específico existente para os acidentes ofídicos. Para a produção de um soro de boa qualidade é fundamental um plantel de serpentes sadias e livres de parasitas e infecções. Uma vez que a alimentação básica das serpentes peçonhentas em cativeiro e na natureza é feita com roedores (Mus musculus) vivos, que possivelmente podem estar infectados por um grande número de bactérias e/ou vírus, passa a ser imprescindível o desenvolvimento de protocolos que avaliem, ao máximo, as condições sanitárias das serpentes, identificando possíveis agentes patógenos que possam interferir na saúde destes animais Sabendo que o gênero Bothrops é responsável por cerca de 90% dos acidentes por serpentes no Brasil, a correta identificação das serpentes, particularmente neste gênero, é de grande importância para o diagnóstico do acidente. Para o estudo da epidemiologia dos acidentes no município do Rio de Janeiro, foram analisadas as fichas individuais de notificação no Hospital Municipal Lourenço Jorge, onde, pode ser verificado que o elevado número de acidentes por serpentes se mantém, superando em muito o número de acidentes por aranhas e escorpiões. Visando analisar a saúde das serpentes produtoras de veneno para produção de soro foram feitos testes hematológicos e seus resultados comparados com a literatura, na qual foi possível verificar a ausência de um padrão hematológico para as serpentes brasileiras. Foram analisados carrapatos parasitando serpentes de cativeiro utilizadas na produção de veneno para fabricação de soro e observou-se a presença de R. bellii, Ca. 'Rickettsia colombianensi', Anaplasma sp e Hepatozoon sp., possibilitando estender a distribuição geográfica de Ca. 'Rickettsia colombianensi' e apresentar o registro inédito de R. bellii em A. dissimile. Diante dos resultados obtidos nos carrapatos analisados, a possibilidade de transmissão destes agentes para os profissionais que manuseiam serpentes precisa ser considerada, assim como as medidas para controle da qualidade animal e de proteção do profissional.
Abstract: Snakebites are an important public health problem in several regions of Asia, Africa and Latin America. In spite of the large number of accidents, the incidence and mortality data are, in most cases, incomplete, due to the failure to identify the snake causing the accident and / or the attendance of the patients due to the lack or low quality of the notifications. in the country, do not reflect the existing reality. One of the factors that aggravates the situation of snakebites in the country is the lack of knowledge of health professionals regarding the correct identification of the snake, which is reflected directly in the completion of notifications. The antiofidic serum, produced with the venom of the snakes themselves, is the only treatment available for snakebites. For the production of a good quality serum, a healthy and free from parasites and infections snake's group is important. Since the basic feeding of venomous snakes in captivity and in nature is made with living rodents (Mus musculus), which may possibly be infected by a large number of bacteria and / or viruses, it becomes essential to develop protocols that evaluate to the maximum, the sanitary conditions of the snakes, identifying possible pathogens that could interfere in the health of these animals Knowing that the genus Bothrops is responsible for about 90% of snakebites in Brazil, the correct identification of snakes, particularly in this genus, is of great importance for the diagnosis of the accident. For the study of the epidemiology of accidents in the city of Rio de Janeiro, the individual files of notification were analyzed at the Hospital Municipal Lourenço Jorge, where it can be verified that the high number of accidents by snakes remain, far exceeding the number of accidents by spiders and scorpions. In order to analyze the health of snakes producing venom for the production of serum, hematological tests and their results were compared with the literature, in which it was possible to verify the absence of a hematological pattern for Brazilian snakes. It was observed the presence of ticks parasitizing captive snakes used in the production of venom for the manufacture of serum and it was observed the presence of R. bellii, Ca. 'Rickettsia colombianensi', Anaplasma sp and Hepatozoon sp., allowing to extend the geographical distribution of Ca. 'Rickettsia colombianensi' and present the unpublished record of R. bellii in A. dissimile. Considering the results obtained in the analyzed ticks, the possibility of transmitting these agents to the professionals who handle snakes needs to be considered as well as the measures to control animal quality and protect the professional.
keywords: Mordeduras de Serpentes
Epidemiologia
Carrapatos
Hematologia
Issue Date: 2018
Citation: MACHADO, Claudio. Acidentes ofídicos no Brasil: da assistência no município do Rio de Janeiro ao controle da saúde animal em instituto produtor de soro antiofídico. 2018. 140 f. Tese (Doutorado em Medicina Tropical)-Instituto Oswaldo Cruz, Fundação Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, 2018.
Date of defense: 2018
Place of defense: Rio de Janeiro
Department: Instituto Oswaldo Cruz
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz
Program: Programa de Pós-Graduação em Medicina Tropical
Copyright: open access
Appears in Collections:IOC - PGMT - Teses de Doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
claudio_machado_ioc_dout_2018.pdf30.45 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.