Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/28090
Title: Estudo histopatológico de fígados de ovinos (Ovis aries) de frigorífico do município de Rio Branco, Acre - Brasil
Advisor: Silva, Rosângela Rodrigues e
Authors: Teixeira, Paulo Eduardo Ferlini
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Abstract: A produção de ovinos para consumo de carne é uma realidade no Acre e as criações próximas a ambientes silvestres possibilitam a circulação compartilhada de parasitos. A população, por sua vez, por influência nordestina, consome a \201Cbuchada de bode\201D e pouco se sabe sobre as infecções que acometem os fígados de ovinos utilizados nessa alimentação. A inspeção post mortem, realizada ao exame macroscópico de fígados de ovinos, pode favorecer a identificação de patologias que impliquem na condenação dessa carne para consumo e o descarte excessivo causa perdas econômicas para o abatedouro-frigorífico. Esse trabalho objetivou realizar estudo histopatológico em fígados de ovinos (Ovis aries) de criações extensivas, abatidos em frigorífico de Rio Branco no Acre. O frigorífico tem abates de caprinos e ovinos como atividade econômica principal e recebe animais de quase todos os municípios do estado. Em julho de 2014 e março de 2015 foram coletados 110 (67,90%) fígados ovinos dentre 162 animais abatidos, sendo todos com lesões macroscópicas aparentes. As amostras coletadas passaram por processamento histológico de rotina e análises microscópicas Pela primeira vez em ovinos do Acre, foram obtidos dados histopatológicos com relação a fígados de ovinos que apresentavam lesões hepáticas por ocasião do abate. As lesões hepáticas macroscópicas eram sugestivas de granulomas mais similares com os provocados por nematóides capilarideos (Capillariidae). Do ponto de vista microscópico, a maioria das lesões revelou alterações no parênquima hepático com uma amplitude de lesões inflamatórias e fibróticas, características comuns com infecções parasitárias, incluindo capilariose. De fato, ainda que em apenas uma amostra, foi confirmada à presença de ovos de Capillariidae presentes no parênquima hepático, sendo uma situação atípica, pois em fígado de ovino isso não é comum. Sobre as outras alterações microscópicas encontradas sem a presença de formas evolutivas de parasitos, ainda assim foram observadas características que podem ser associadas a infecções helmínticas, como os granulomas com grande quantidade de infiltrados eosinofílico e a própria presença de fragmentos de formas adultas de helmintos do filo Nematoda. Pode-se ressaltar o risco de infecção espúria por Capillariidae associada ao consumo do fígado de ovinos por humanos e uma reflexão sobre as possíveis brechas na cadeia produtiva que levam a contaminação dos ovinos do Acre com parasitos comumente de animais silvestres.
Abstract: The breeding of sheep for meat is an important economic activity in the state of Acre, and the keeping of flocks near wild environments enables the shared circulation of parasites between livestock and wildlife. Many people in the state consume a dish called \201Cbuchada de bode\201D, but little is known about the infections that can afflict the sheep livers used in this preparation (similar to haggis). Postmortem macroscopic inspection of sheep livers can identify some pathologies that prevent marketing of this meat, with consequent disposal, causing economic losses to slaughterhouses and meat packers. This study applied histopathological techniques to examine the livers of sheep (Ovis aries) raised in extensive grazing systems, killed at a slaughterhouse in the city of Rio Branco, Acre. The slaughterhouse mainly handles goats and sheep and receives animals from virtually throughout the state. In July 2014 and March 2015, a total of 110 livers were collected from 162 carcasses (67.90%). All of them showed macroscopic lesions The livers were then processed for routine histology and microscopic analysis. This research project obtained the first histopathological data on sheep livers in Acre. The macroscopic hepatic lesions were suggestive of granulomas but were similar to the reactions triggered by nematodes of the Capillariidae family. Microscopic examination revealed that the majority of the lesions involved alterations in the hepatic parenchyma, also with the presence of inflammatory and fibrotic lesions, common characteristics of parasite infections, including capillariasis. However, the presence of eggs of Capillariidae in the hepatic parenchyma was only confirmed in one sample. This was not atypical, since it is not common to find these eggs in sheep livers. Regarding other microscopic alterations, despite not observing the presence of evolutive forms of parasites, characteristics were noted that can be associated with helminth infections, such as granulomas with large quantity of eosinophilic infiltrate and the presence of fragments of adult helminth forms of the phylum Nematoda. The risk of spurious infection associated with consumption of sheep liver by humans is a reflection of possible gaps in the productive chain that lead to contamination of sheep in Acre with parasites more commonly found in wild animals.
keywords: Helmintos
Capillaria
Ovinos
Parasitologia
Issue Date: 2018
Citation: TEIXEIRA, Paulo Eduardo Ferlini. Estudo histopatológico de fígados de ovinos (Ovis aries) de frigorífico do município de Rio Branco, Acre - Brasil. 2018. 118 f. Tese (Doutorado em Biodiversidade e Saúde)-Instituto Oswaldo Cruz, Fundação Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, 2018.
Date of defense: 2018
Place of defense: Rio de Janeiro
Department: Instituto Oswaldo Cruz
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz
Program: Programa de Pós-Graduação em Biodiversidade e Saúde
Copyright: open access
Appears in Collections:IOC - PGBS - Teses de Doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
paulo_teixeira_ioc_dout_2018.pdf8.13 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.