Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/29402
Title: Estudo eco-epidemiológico, sorológico e clínico da infecção por Toxoplasma gondii (Nicolle & Manceaux, 1909) em região rural do município de Barra Mansa, RJ (2004-2006)
Advisor: Amendoeira, Maria Regina Reis
Members of the board: Schubach, Armando de Oliveira
Silva, Valmir Laurentino
Spalding, Silvia Maria
Madeira, Maria de Fátima
Souza, Wilson Jacinto Silva de
Authors: Bonna, Isabel Cristina Fábregas
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Abstract: Toxoplasma gondii (NICOLLE & MANCEAUX, 1909) e toxoplasmose causam impacto em saúde pública e despertam interesses de pesquisadores em diversas áreas. Em humanos, geralmente, a protozoose é assintomática, mas pode evoluir para quadros severos até mesmos fatais. Em medicina veterinária envolvem três principais aspectos: clínicos, epidemiológico e econômico. Inquéritos epidemiológicos em países como o Brasil, com alta prevalência de infecção por T. gondii e alto índice de toxoplasmose congênita, são importantes para um planejamento efetivo de ações, além de direcionar os serviços em Saúde Pública. Em trabalhos pontuais no Brasil e no mundo observam-se diferentes prevalências devido às características ambientais e aos hábitos populacionais. Em Santa Rita de Cássia, a prevalência de IgG anti-T. gondii foi de 67,2% em humanos e de 51,8% em animais (felinos, caninos, suínos, bovinos, caprinos, eqüino e frangos), com 90,7 dos gatos infectados. Os principais mecanismos de transmissão de T. gondii na região, \201Ctrabalhar nas hortas\201D, \201Cingerir verduras cruas\201D e a \201Cpresença de gatos na residência\201D, sugeriram o envolvimento do oocisto como forma infectante do parasita nos humanos da região. A idade foi um fator determinante, com aumento progressivo da prevalência de IgG anti-T. gondii, sendo a faixa etária de 10 a 14 anos (RP=2,594) de maior risco de infecção nesta comunidade. Os indivíduos soro não-reagentes foram acompanhados sorologicamente e orientados sobre a profilaxia primária em parceria com os agentes de saúde, capacitados neste projeto, do Posto de Saúde da Família (PSE) local. Não ocorreu soroconversão durante o estudo. Os animais de regiões rurais atual como sinalizadores da toxoplasmose, por estarem em contato direto com o ambiente A contaminação por fontes comuns ficou evidente com a comparação da prevalência de infecção entre humanos e animais (P humanos = 0,440 + 0,448 x P animal) em setores geográficos do bairro. Os resultados obtidos neste estudo apontam a necessidade de conhecer as características locais para uma intervenção efetiva e monos onerosa, especialmente em regiões rurais onde a profilaxia e o acompanhamento são as únicas ferramentas para o controle desta e de outras doenças infecto-parasitárias.
Abstract: Toxoplasma gondii (NICOLLE & MANCEAUX, 1909) and toxoplasmosis have an impact on public health and have raised the interest of researchers from different areas. In humans, the protozoosis is generally asymptomatic, but may progress to severe manifestations or even be fatal. The three main aspects involved in veterinary medicine are clinical, epidemiological and economic features. Epidemiological surveys conducted in countries such as Brazil, where the prevalences of T. gondii infection and congenital toxoplasmosis are high, are important for the effective planning of actions, as well as to direct public health services. Point-prevalence studies carried out in Brazil and in other countries worldwide have demonstrated variations in prevalence rates due to differences in environmental characteristics and population habits. In Santa Rita de Cássia, the prevalence of anti- T. gondii IgG was 67.2% among humans and 51.8% among animals (cats, dogs, pigs, cattle, goats, horses and chickens), with 90.7% of cats being infected. The main mechanisms of transmission of T. gondii in the region, i.e., \201Cworking in the garden\201D, \201Cconsuming raw vegetables\201D and \201Cpresence of cats in the dwelling\201D, suggest the involvement of the oocyst as the infectious form of the parasite in humans from the region. Age was a determinant factor, with the observation of a progressive increase in the prevalence of anti-T. gondii IgG and with the 10 to 14-year age group being at the highest risk of infection in this community (RP = 2.594). Nonreactive subjects were monitored serologically and advised about primary prophylaxis in association with healthcare workers of the local Family Health Center (PSF) trained within this project. No seroconversion was observed during the study Animals in rural regions signal the presence of toxoplasmosis since they are in direct contact with the environment. Contamination through common sources was evident when comparing the prevalence of infection between humans and animals in geographic sectors of the neighborhood (P humans = 0.440 + 0.448 x P animal). The results of the present study indicate the need for knowledge about local characteristics in order to provide an effective and less expensive intervention, especially in rural regions where prophylaxis and follow-up are the only tools for the control of this and other infectious-parasitic diseases.
keywords: Toxoplasma
Fatores de Risco
Zoonoses
Issue Date: 2007
Citation: BONNA, Isabel Cristina Fábregas. Estudo eco-epidemiológico, sorológico e clínico da infecção por Toxoplasma gondii (Nicolle & Manceaux, 1909) em região rural do município de Barra Mansa, RJ (2004-2006). 2007. 149 f. Tese (Doutorado em Pesquisa Clínica em Doenças Infecciosas)-Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas, Fundação Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, 2007.
Date of defense: 2007
Place of defense: Rio de Janeiro/RJ
Department: Pós-Graduação em Pesquisa Clínica em Doenças Infecciosas
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas
Program: Programa de Pós-Graduação em Pesquisa Clínica em Doenças Infecciosas
Copyright: restricted access
Appears in Collections:INI - PCDI - Teses de Doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
isabel_bonna_ipec_dout_2007.pdf921.33 kBAdobe PDF    Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.