Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/30630
Title: Tracoma: uma análise sobre os determinantes sociais no Tocantins
Other Titles: Trachoma: An Analysis about the Social Determinants in the State of Tocantins
Advisor: Quinino, Louisiana Regadas de Macedo
Members of the board: Quinino, Louisiana Regadas de Macedo
Gouveia, Giselle Campozana
Brito, Cintia Michele Gondim de
Authors: Gonçalves, Edimara de Lima
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Aggeu Magalhães. Recife, PE, Brasil.
Abstract: Este estudo teve como objetivo analisar descritivamente, a partir do modelo de Dalgreen e Whitehead, como se deu a relação dos determinantes sociais de saúde (DSS) no processo de adoecimento por tracoma na população entre 1 a 9 anos completos, no estado do Tocantins, nos anos 2014 e 2015. Analisaram-se os dados primários contidos no questionário aplicado no inquérito nacional para tracoma realizado nos anos de 2014 e 2015 no estado do Tocantins. Para tanto uma matriz de julgamento foi construída, contendo explicações sobre como acontece a relação de cada variável com o adoecimento por tracoma, o modo de cálculo do indicador e o julgamento sobre a possível influência teórica desse indicador sobre o adoecimento por tracoma. O julgamento, também disposto na matriz, sobre a relação de cada indicador na prevalência do tracoma encontrada no estudo foi feito utilizando-se o sistema de quartis e por fim, as possíveis relações foram dispostas no modelo de Dalgreen e Whitehead. Das 4.173 crianças investigadas, 2.166 (51,9 por cento) eram do sexo masculino e 2.007 (48,09 por cento) do sexo feminino. Destas, 1.693 (40,57 por cento) encontravam-se na faixa etária de 1 a 4 anos e 2.480 (59,42 por cento) na faixa etária de 5 a 9 anos de idade. Pode-se concluir que o tracoma em Tocantins, mesmo apresentando baixa prevalência, ainda persiste como problema de saúde pública, estando sua ocorrência associada a baixas condições socioeconômicas, de saneamento e higiene insuficientes. Apesar de não se ter realizado testes estatísticos para verificação de causalidade, o modelo de Dalgreen e Whitehead foi útil para demonstrar como alguns DSS ainda perseveram em sua relação com o tracoma em Tocantins, justificando seu status de doença negligenciada.
Abstract: This study had how objective to analyze descriptively, from the Dalgreen’s and Whitehead’s model, how the relation of social determinants of health (SDH) in the process of disease by trachoma in the population aged 1 to 9 years, in Tocantins's state, in the years 2014 and 2015.. They analyzed the primary data contained in the questionnaire applied in the national inquiry for trachoma carried out in the years 2014 and 2015 in the state of Tocantins. For this, a judgment matrix was constructed, containing explanations about how the relation of each variable with disease by trachoma happens, the method of calculating the indicator and the judgment about the possible theoretical influence of this indicator about disease by trachoma. The judgment, also willing in the matrix, on the relation of each indicator in the prevalence of trachoma found in the study was made using the quartis system and, finally, the possible relations were arranged graphically in the Dalgreen’s and Whitehead’s model. Of the 4,173 children investigated, 2,166 (51.9%) were males and 2,007 (48.09%) were females. Of these, 1,693 (40.57%) were in the age range of 1 to 4 years and 2,480 (59.42%) in the age group from 5 to 9 years of age. It can be concluded that trachoma in Tocantins, even presenting low prevalence, still persists as a public health problem, and its occurrence is associated with low socioeconomic conditions, inadequate sanitation and hygiene. Although no statistical tests were performed for causality verification, the Dalgreen’s and Whitehead’s model was useful to demonstrate how some SDH still persevere in their relation with trachoma in Tocantins, justifying their neglected disease status.
Keywords: Trachoma - epidemiology
Social Determinants of Health
Neglected Diseases
keywords: Tracoma - epidemiologia
Determinantes Sociais de Saúde
Doenças Negligenciadas
DeCS: Tracoma/epidemiologia
Determinantes Sociais da Saúde
Doenças Negligenciadas
Prevalência
Epidemiologia Descritiva
Fatores Socioeconômicos
Indicadores
Brasil/epidemiologia
Distribuição por Idade e Sexo
Perfil de Saúde
Estudos Transversais
Higiene
Issue Date: 2018
Citation: GONÇALVES, Edimara de Lima. Tracoma: uma análise sobre os determinantes sociais no Tocantins. 2018. 52 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização em Residência Multiprofissional em Saúde Coletiva) - Instituto Aggeu Magalhães, Fundação Oswaldo Cruz, Recife, 2018.
Date of defense: 2018-05-02
Place of defense: Recife/PE
Department: Departamento de Saúde Coletiva
Defense institution: Instituto Aggeu Magalhães
Program: Programa Residência Multiprofissional em Saúde Coletiva
Copyright: restricted access
Appears in Collections:PE - IAM - Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018Gonçalve-el.pdf1.67 MBAdobe PDF    Request a copy



FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.