Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/31714
Title: Aspectos clínicos, epidemiológicos e laboratoriais dos casos de Leishmaniose visceral no município de Sobral, Ceará, no período de 2013 a 2017
Advisor: Mallet, Jacenir Reis dos Santos
Teixeira, Clarissa Romero
Authors: Reis, Léia Madeira Sabóia dos
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Abstract: As Leishmanioses são antropozoonoses causadas por diferentes espécies de protozoários do gênero Leishmania. A leishmaniose visceral (LV) ou Calazar é uma doença negligenciada no mundo, inclusive no Brasil. O município de Sobral, no estado do Ceará, destaca-se por ser a primeira cidade a registrar um surto da doença no Brasil e de permanecer como uma área de intensa transmissão da LV. O objetivo do estudo foi determinar os perfis clínico, epidemiológicos da LV em seres humanos e cães que residiam em Sobral, no período de 2013 a 2017; estimando a incidência de casos de LV humana (LVH) e prevalência da LV canina (LVC), caracterizando os métodos laboratoriais de diagnóstico utilizados na confirmação, o desfecho dos casos e a localização geográfica dos casos da LV. Para isso, foi realizado estudo do tipo observacional, descritivo, retrospectivo, intencional, com coleta de dados secundários contidos no arquivo das Vigilâncias Epidemiológica e Entomológica de Sobral. Foram incluídos todos os casos humanos e caninos com diagnóstico laboratorial confirmado para LV. As fichas de notificações dos casos incluídas no estudo foram acessadas para análise dos dados epidemiológicos e clínicos. Foram confirmados 69 casos novos de LVH, no período em estudo, em que o ano de 2013 apresentou a maior incidência de 13,15 casos/100 mil habitantes e 2017 a menor com 0,97 casos/100 mil habitantes. Os critérios de confirmação dos casos foram realizados através do uso de testes rápidos de diagnóstico (n=65), os quais foram os mais utilizados Os meses que apresentaram maior número de casos foram julho (n=9), fevereiro (n=8), junho (n=6) e agosto (n=6). O sexo masculino apresentou maior número de casos (n=49) e a faixa etária com maior número de casos foi 1 a 4 anos (n=16). A zona urbana apresentou 86,95% dos casos caracterizando a LVH como uma patologia predominantemente urbana em Sobral. As manifestações clínicas que apresentaram maior frequência foram: febre, fraqueza, emagrecimento, aumento do baço e fígado. Nenhum paciente apresentou coinfecção HIV/LV no período em estudo. O tratamento foi realizado a partir do protocolo disponibilizado pelo Ministério da Saúde e a droga de primeira escolha e mais utilizada foi o Antimonial pentavalente. Quarenta e nove casos de LVH obtiveram cura. Observou-se um decréscimo em valores absolutos do número de casos que foram a óbito por LV no período do estudo. A LVC esteve presente em 2.350 cães, no período em estudo. A zona urbana, também, apresentou o maior número de cães infectados (n=2.235), enquanto a zona rural apresentou um valor bem inferior (n=115). Todos os cães portadores de LV foram eutanasiados. Analisando a localização geográfica dos casos de LV por bairros da zona urbana e rural, foi observado que o número de casos de LVC foi bem superior comparado ao número de casos de LVH nos mesmos bairros. Os dados reforçam a importância na realização de uma vigilância epidemiológica da LV permanente para a identificação de possíveis novos focos de transmissão da doença ainda persiste no município de Sobral.
Abstract: Leishmaniasis are anthropozoonosis caused by different species of protozoa from the Leishmania genus. Visceral leishmaniasis (VL) or Kala-azar is a neglected disease around the world, including Brazil. The city of Sobral, at Ceará state, stands out as the first city to register an outbreak of the disease in Brazil and to remain as an area of intense VL transmission. The objective of our study was to determine the clinical and epidemiological profiles of VL cases in humans and dogs residing in Sobral, from 2013 to 2017. We estimated incidence of human VL (HVL) and prevalence of canine VL (CVL), characterizing the laboratorial methods used for diagnosis, disease outcome and geographical location of VL cases. This study is observational, descriptive, retrospective and intentional that included collection of data from secundary data obtained from archives from the Epidemiolocial and Entomological Surveillance authorities from Sobral. All human and canine cases that received VL laboratorial confirmation were included in the study. The notification records from the cases included in the study were accessed and epidemiological and clinical data were analyzed. Sixty nine new cases of HVL were detected, and the year 2013 presented the highest incidence of 13.15 cases/ 100 thousand residents and 2017 the lowest with 0.97 cases/ 100 thousand residents. Diagnosis of VL cases was confirmed with laboratorial exams Rapid immunological tests (n=65) were the most used. The months that presented the majority of HVL cases were july (n=9), february (n=8), june (n=6) and august (n=6). The majority of HVL cases affected males (n=49) and the age group from 1-4 years old (n=16). The urban area presented 86.95% of cases, characterizing HVL as predominantly urban in Sobral. The most frequent clinical manifestations were: fever, weakness, weight loss, spleen and liver enlargement. There were no cases of HIV/VL coinfection detected during the period of the study. Treatment was performed according to a protocol from the Ministry of Health and the most used drug was the Pentavalent Antimonial. From the 69 cases cases of HVL, 49 obtained cure. We observed a decrease in the absolute numbers of death caused by VL during the period of the study. CVL was detected in 2, 350 dogs during the study. The urban areas also included the majority of CVL cases (n=2,235) compared to the rural areas (n=115). All confirmed CVL cases were euthanized. Analyzing the geographical location of VL cases in all neighborhoods from the urban and rural areas, we observed that the number of CVL were superior to the HVL in the same locations. Taken together, our data show that VL transmission remains present in Sobral reinforcing the importance of a sustained epidemiological surveillance of VL cases to identify possible new areas of disease transmission.
Keywords: Visceral Leishmaniasis
Leishmania
Leishmania Infantum
Lutzomyia longipalpis
Public Health
Epidemiology
keywords: Epidemiologia
Leishmaniose Visceral
Leishmania
Psychodidae
Leishmania Infantum
Lutzomyia Longipalpis
Saúde Pública
Issue Date: 2018
Citation: REIS, Léia Madeira Sabóia dos. Aspectos clínicos, epidemiológicos e laboratoriais dos casos de Leishmaniose visceral no município de Sobral, Ceará, no período de 2013 a 2017. 2018. 91 f. Dissertação (Mestrado em Medicina Tropical)-Instituto Oswaldo Cruz, Fundação Oswaldo Cruz, Teresina, 2018.
Date of defense: 2018
Place of defense: Teresina / PI
Department: Instituto Oswaldo Cruz
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz
Program: Programa de Pós-Graduação em Medicina Tropical
Copyright: open access
Appears in Collections:IOC - PGMT - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
leia_reis_ioc_mest_2018.pdf8.14 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.