Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/32458
Title: Bionomia de Migonemyia migonei (Diptera, Psychodidae, Phlebotominae) em condições experimentais
Advisor: Pessoa, Felipe Arley Costa
Members of the board: Campos, Keillen Monick Martins
Lopes, Stefanie Costa Pinto
Authors: Santos, Eric Fabrício Marialva dos
Coadvisor: Secundino, Nágila Francinete Costa
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Pesquisas Leônidas e Maria Deane. Manaus, AM, Brasil.
Abstract: A espécie Migonemyia migonei é vetora de Leishmania braziliensis no Brasil. Estudos recentes demostraram que essa espécie pode estar participando do ciclo de transmissão de Leishmania infantum chagasi no Brasil e Argentina. O presente estudo teve como objetivo estudar a biologia de Mi. migonei, verificando morfologia dos imaturos, aspectos de colonização em massa e desenvolver modelo de transmissão de Le. in.chagasi através da picada da mesma, de indivíduos colonizados. Para alcançar esses objetivos foram feitos vários experimentos, os estágios imaturos (ovo, larva e pupa ) foram analisados por MEV e microscopia de luz; colonização em massa foi verificado ciclo de vida, longevidade, fecundidade, fertilidade e preferência de oviposição em substratos; para transmissão, fêmeas de Mi. migonei foram infectadas com Le. in. chagasi e Le. braziliensis (controle) de isolados em meio de cultura; , posteriormente fêmeas infectadas foram colocadas para picar camundongos. Como resultado da descrição, os ovos de Mi. migonei apresentam um exocório com estruturas poligonais, a quetotaxia das larvas e pupas apresentaram diversas cerdas diferenciadas de outras espécies. O ciclo de vida de ovo até emergência do adulto foi de 62,1 dias em média. A maior fertilidade e fecundidade foi com o sangue de hamster (36,68, p <0.05), seguido de humano (23,28), camundongo (19,63) e pinto (12,20). Fêmeas de Mi. migonei alimentadas com maçã sobreviveram maior tempo (10 dias) seguido de água açucarada a 10% (7 dias) e água (5 dias). Não foi observado diferença na taxa de oviposição dos diferentes substratos. Quanto a transmissão Mi. migonei foi capaz de transmitir Le. in. chagasi, a quantidade de parasita variou de 10 a 1000 em uma única orelha. Estes resultados contribuem para biologia de Mi. migonei e desvendar seu papel como vetora na transmissão de Le. in. chagasi.
Abstract: The species Migonemyia migonei is a vector of Leishmania braziliensis in Brazil. Recent studies have shown that this species may be participating in the transmission cycle of Leishmania infantum chagasi in Brazil and Argentina. The present study had as objective to study the biology of Mi. migonei, verifying the morphology of the immature, aspects of mass colonization and to develop a model of transmission of Le.in. chagasi through the sting of it. In order to reach these objectives, several experiments were carried out, the immature stages (egg, larva, and pupa) were analysed by MEV and light microscopy; colonization in mass was verified life cycle, longevity, fecundity, fertility and preference of oviposition in substrates; for transmission Mi.migonei was infected with L. in. chagasi and Le. braziliensis (control), was later placed to prick mice. The eggs of Mi. migonei present an exochorion with polygonal structures, which chaetotaxy of larvae and pupae presented differentiated bristles of other species. The egg life cycle up to adult emergence was 62.1 days on average. The highest fertility and fecundity was with hamster blood (36.68, p <0.05), followed by the human (23.28), mouse (19.63) and chick (12.20). Mi. migonei females fed with apple survived longer (10 days) followed by 10% water (7 days) and water (5 days). No difference was observed in the oviposition rate of the different substrates. As for transmission Mi.migonei was able to transmit Le. in. chagasi, the amount of parasite varied from 10 to 1000. These results may contribute to the biology of Mi. migonei and its role as a vector in the transmission of Le. in. chagasi.
Keywords: Bionomy
Migonemyia migonei
Taxonomy
keywords: Bionomia
Migonemyia migonei
Taxonomia
Issue Date: 2019
Citation: SANTOS, Eric Fabrício Marialva dos. Bionomia de Migonemyia migonei (Diptera, Psychodidae, Phlebotominae) em condições experimentais. 2019. 73 f. Dissertação (Mestrado em Biologia da Interação Patógeno-Hospedeiro) - Instituto Leônidas e Maria Deane, Fundação Oswaldo Cruz, Manaus, 2019.
Date of defense: 2019-02-28
Place of defense: Manaus, AM
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Leônidas e Maria Deane
Program: Programa de Pós-Graduação em Biologia da Interação Patógeno-Hospedeiro
Copyright: open access
Appears in Collections:AM - ILMD - PPGBIO-Interação - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação Eric Marialva.pdf2.93 MBAdobe PDFView/Open



FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.