Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/3831
Title: Febre maculosa brasileira : aspectos epidemiológicos, clínicos e laboratoriais dos casos ocorridos no Estado do Rio de Janeiro no período de janeiro de 2004 a dezembro de 2008
Advisor: Lemos, Elba Regina Sampaio de
Lamas, Cristiane da Cruz
Members of the board: Bóia, Marcio Neves
Damasco, Paulo
Nogueira, Susie Andries
Authors: Moliterno, Felipe Machado
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Abstract: Objetivos: Descrever os dados epidemiológicos, clínicos e laboratoriais dos casos confirmados e compatíveis de Febre Maculosa Brasileira (FMB), no período de janeiro de 2004 a dezembro de 2008, no Estado do Rio de Janeiro. Material e métodos: O desenho do estudo foi do tipo relato de série de casos, individuado, retrospectivo, observacional e seccional baseado na coleta de dados secundários dos casos suspeitos de FMB no Estado do Rio de Janeiro no período de 2004 a 2008. Os dados alimentados em planilhas Excel Microsoft Office XP foram analisados como freqüências e tabelas. Os dados foram expressos, para variáveis qualitativas e quantitativas, como freqüências absolutas e como média mais ou menos (±) desvio padrão, respectivamente. Gráficos foram elaborados como histogramas de freqüências absolutas ou percentuais. O teste do Chi-quadrado, com correção de Yates e de Fisher foi aplicado para comparação de freqüências de exposição a diferentes variáveis nos pacientes. Resultados: Dos 850 casos suspeitos de FMB no estado do Rio de Janeiro (RJ) no período de 2004 a 2008, 28 casos foram confirmados e 29 compatíveis. Foi comprovada em 14 municípios. Ocorreram 20 óbitos, 18 de casos confirmados e 02 de compatíveis. A ocorrência de FMB foi maior no sexo masculino (61%), com faixa etária média de 27 anos, com maior freqüência em adultos (46,4%), seguido das crianças com 28,6%, adolescentes com 17,8% e idosos com 7,2%. Os casos confirmados se apresentaram de duas formas: surtos e casos esporádicos. Dois surtos, Itaipava em setembro de 2005 e Resende em maio de 2006, foram identificados. As manifestações clínicas descritas nos casos confirmados foram: febre, em 26 casos (100%) cefaléia, em 19 (73%); mialgia, em 20 (76%); exantema, em 17 (65%); petéquias, em 15 (57%); manifestações hemorrágicas, em 9 (34%); choque, em 11 (42%); coma, em 12 (46%); dor abdominal, em 14 (50%); e convulsão, em 10 (38%). A história de contato com o carrapato foi avaliada em apenas 10 (50%) dos 20 casos fatais. Destes, 9 (90%) tinham contato confirmado. A letalidade dentre os casos confirmados (18/28, 64%) foi significativamente superior a de casos compatíveis (2/29, 7%), com p < 0,001 e OR = 24,3 (IC 4,2-185,6). Cloranfenicol demonstrou efeito protetor (OR 0,14, IC 0,02 -1,0, p<0,05). Conclusão: A FMB apresentou ampla distribuição geográfica no Estado do Rio de Janeiro. As manifestações clínicas mais prevalentes foram concordantes com a literatura e a clínica inespecífica dificultou o diagnóstico com outras doenças febris. Seis casos foram associados à medicina do viajante. Considerando o critério de caso de FMB (Ministério da Saúde, 2008), a letalidade de 64% foi a mais elevada das últimas três décadas no país.
Abstract: Objectives: The aim of the study was to describe the epidemiological, clinical and laboratory data on confirmed and compatible cases of Brazilian Spotted Fever (BSF) which occurred in the State of Rio de Janeiro (RJ) between January 2004 and December 2008. Methods: The study design was of a case series report, individualized, retrospective, cross- sectional, based on secondary data collected from suspected cases of BSF in the State of Rio de Janeiro presenting from 2004 to 2008. Data was plotted on Excel Microsoft R and analysed as frequencies, tables and graphs. Qualitative and quantitative variables were expressed as frequency and average ± standard deviation. EpiInfo Statcalc was used to calculate chi-square test with Fisher’s and Yates’ correction to compare exposure frequencies between subgroups of patients. Results: Of the 850 suspected cases of BSF in the State of Rio de Janeiro between 2004 and 2008, 28 were confirmed and 29 were compatible. BSF was confirmed in 14 municipalities in the State of RJ in the last 5 years. Death occurred in 20, of which 18 were confirmed and 2 compatible cases. BSF was more frequent in males (61%); the mean age of all patients was 27 years, being more frequent in adults (46.4%); it also involved children (28.6%), adolescents (17.8%) and elderly patients (7.2%). Confirmed cases occurred sporadically or in small outbreaks. Two outbreaks were identified, one in Itaipava, municipality of Petrópolis, in September 2005, and one in Resende, in May 2006. Clinical manifestations in the 26 confirmed cases were: fever (100%), headache 19 (73%), myalgia 20 (76%), rash 17 (65%), petechiae 15 (57%), haemorragic phenomena 9 (34%), shock 11 (42%), coma 12 (46%), abdominal pain 14 (50%) and seizures 10 (38%). Tick bite was investigated in only 10 (50%) from 20 fatal cases. Nine (90%) of them had a tick bite history confirmed.Mortality in confirmed cases (18/28, 64%) was significantly higher than in BSF compatible cases (2/29, 7%), with a p value < 0,001 and OR = 24.3 (CI 4.2-185.6). Chloramphenicol treatment showed a protective effect for death (OR 0.14, CI 0.02 -1.0, p < 0,05). Conclusions: BSF showed a wide geographical distribution in the State of Rio de Janeiro and the clinical features were similar to those seen in the literature. Six cases were associated with the travel medicine. The 64% lethality rate found, based on the diagnostic criteria Ministry of Health 2008 diagnostic criteria, was the highest reported in the last 3 decades in Brazil.
DeCS: Febre Maculosa Brasileira/estatística & dados numéricos
Epidemiologia
Estudos de Casos
Issue Date: 2009
Citation: MOLITERNO, F. M. Febre Maculosa Brasileira : aspectos epidemiológicos, clínicos e laboratoriais dos casos ocorridos no Estado do Rio de Janeiro no período de janeiro de 2004 a novembro de 2008. 2009. 93f. Dissertação ( Mestrado Em Medicina Tropical) – Fundação Oswaldo Cruz , Rio de Janeiro, 2009.
Date of defense: 2009
Place of defense: Rio de Janeiro / RJ
Department: Instituto Oswaldo Cruz
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz
Program: Programa de Pós-graduação em Medicina Tropical
Copyright: open access
Appears in Collections:IOC - PGMT - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
felipe_m_moliterno_ioc_mt_0007_2009.pdf2.65 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open



FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.