Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/4283
Title: Aspectos nutricionais associados à infecção crônica por Trypanosoma cruzi (Chagas 1909) entre idosos: Projeto Bambuí
Advisor: Peixoto, Sérgio William Viana
Members of the board: Dias, João Carlos Pinto
Lopes, Aline Cristine Souza
Loyola Filho, Antônio Ignácio de
Authors: Santos, João Paulo
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Centro de Pesquisas René Rachou. Belo Horizonte, MG, Brasil.
Abstract: A doença de Chagas, ainda constitui-se como um dos principais problemas médicosociais, sendo reconhecida pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como uma das 13 doenças tropicais mais negligenciadas do mundo e um grave problema de saúde pública na América Latina. Com o objetivo de verificar os aspectos nutricionais associados à infecção crônica pelo Trypanosoma cruzi em idosos residentes no município de Bambuí, Minas Gerais, foi realizado um estudo seccional entre participantes do Projeto Bambuí. Os 1742 residentes na área urbana com 60 ou mais anos de idade foram selecionados em 1997 para participar da linha de base do estudo de coorte, sendo que 1606 (92,2%) foram entrevistados e 1496 (85,9%) foram examinados. Para verificar a associação entre a infecção crônica pelo T. cruzie as variáveis nutricionais, ajustadas por potenciais fatores de confusão, utilizou-se a regressão de Poisson robusta e respectivos intervalos de confiança (95%). Foram consideradas as seguintes variáveis antropométricas: Índice Massa Corporal (kg/m2) (IMC), Circunferência da Cintura (cm) (CC), Dobra Cutânea Tricipital (mm) (DCT), Perímetro Braço (cm) (PB), Circunferência Muscular do Braço (cm) (CMB) e Área Muscular do Braço corrigida (cm2) (AMBc). As variáveis bioquímicas foram: dosagem de albumina (g/dL), nível de hemoglobina (g/dL), razão colesterol total / colesterol HDL, glicemia (mg/dL). Do total de idosos avaliados, 60,9% eram do sexo feminino, com média de idade de 69,3 anos (desvio padrão = 7,4 anos). A infecção pelo T.cruzi foi observada em 38,1% dos idosos, sendo 31,1% entre homens e 42,5% entre mulheres (p<0,001). Considerando a população total, todas as variáveis antropométricas apresentaram associação significativa com a infecção pelo T. cruzi,apontando menores valores entre os infectados. Entre as variáveis bioquímicas, apenas o nível de glicemia se mostrou significativamente mais baixo entre os idosos infectados. Quando se estratificou por faixa etária, algumas diferenças foram observadas, sendo que a DCT manteve a associação apenas entre os mais velhos, e as variáveis CMB, AMBc e glicemia apresentaram associação significativa apenas entre os idosos de 60 a 69 anos. O estudo permitiu concluir que idosos chagásicos comparados àqueles sem a presença da infecção, apresentaram um pior estado nutricional, demonstrando um desequilíbrio nesta relação.
Abstract: Chagas disease, has established itself as a major medical-social problems, being recognized by the World Health Organization (WHO) as one of the 13 most neglected tropical diseases in the world and a serious public health problem in Latin America. In order to check the nutritional aspects associated with chronic infection with Trypanosoma cruzi in elderly residents in the municipality of Bambuí, Minas Gerais, a cross-sectional study was conducted among participants of the Bambuí. The 1742 residents in the urban area over 60 years of age were selected in 1997 to participate in the baseline cohort, and 1606 (92.2%) were interviewed and 1496 (85.9%) were examined. To investigate the association between chronic infection by T. cruzi and nutritional variables, adjusted for potential confounders, we used Poisson regression and robust confidence intervals (95%). We considered the following anthropometric variables: Body Mass Index (kg/m2) (BMI), Waist Circumference (cm) (CC), triceps skinfold thickness (mm) (TSF), arm circumference (cm) (PB), Muscle Circumference Arm (cm) (CMB) and corrected arm muscle área (cm2) (CAMA). The biochemical variables were: albumin (g / dL), hemoglobin (g / dL), ratio of total cholesterol / HDL cholesterol, blood glucose (mg / dL). Of all elderly patients, 60.9% were female, mean age of 69.3 years (SD = 7.4 years). Infection with T. cruzi was observed in 38.1% of the elderly, 31.1% men and 42.5% among women (p<0.001). Considering the total population, all anthropometric variables were significantly associated with infection by T. cruzi, showing lowest values among those infected. Among the biochemical variables, only the blood glucose level was significantly lower among the elderly infected. When stratified by age, some differences were observed, and the DCT remained only the association between the older and the AMC, CAMA and glucose showed a significant association only between aged 60 to 69 years. The study showed that elderly chagasic patients compared to those without the presence of infection, showed a worse nutritional status, demonstrating an imbalance in this relationship.
DeCS: Doença de Chagas
Avaliação nutricional
Projetos de Pesquisa Epidemiológica
Issue Date: 2012
Citation: SANTOS, João Paulo. Aspectos nutricionais associados à infecção crônica por Trypanosoma cruzi (Chagas 1909) entre idosos: Projeto Bambuí. 2012. 42 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Centro de Pesquisa René Rachou, Fundação Oswaldo Cruz, Belo Horizonte, 2012.
Date of defense: 2012
Place of defense: Belo Horizonte/MG
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz. Centro de Pesquisas René Rachou
Program: Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde
Copyright: open access
Appears in Collections:MG - IRR - PPGCS - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_Joao Paulo dos Santos.pdf178.77 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open



FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.