Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/44733
Title: Sofosbuvir shows a protective effect against vertical transmission of Zika virus and the associated congenital syndrome in rhesus monkeys
Authors: Gardinalli, Noemi R.
Marchevsky, Renato S.
Oliveira, Jaqueline M.
Machado, Marcelo Pelajo
Kugelmeier, Tatiana
Castro, Marcio P.
Silva, Aline C. A.
Pinto, Douglas P.
Fonseca, Lais B.
Vilhena, Leandro S.
Pereira, Heliana M.
Lima, Sheila M. B.
Miranda, Emily H.
Trindade, Gisela F.
Linhares, J. H. R.
Silva, Stephanie A.
Melgaço, Juliana Gil
Alves, Ada M. B.
Moran, Julio
Silva, Maria C. C.
Bezerra, Rômulo J. Soares
Soriano, Andreza
Bentes, Gentil A.
Bottino, Fernanda O.
Faria, Sara Beatriz Salvador Castro
Nudelman, Rafael F.
Lopes, Claudia A. A.
Perea, Javier A. S.
Sarges, Klena
Andrade, Márcia C. R.
Motta, Márcia C. V. A.
Freire, Marcos S.
Souza, Thiago M. L.
Schimidt-Chanasit, Jonas
Pinto, Marcelo A.
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Laboratório de Desenvolvimento Tecnológico em Virolologia. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos. Laboratório de Neurovirulência. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Laboratório de Desenvolvimento Tecnológico em Virolologia. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Laboratório de Patologia. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Ciência e Tecnologia em Biomodelos. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Centro de Diagnóstico Veterinário. Niterói, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Presidência. Vice-Presidência de Produção e Inovação em Saúde. Serviço de Equivalência e Farmacocinética. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Presidência. Vice-Presidência de Produção e Inovação em Saúde. Serviço de Equivalência e Farmacocinética. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Presidência. Vice-Presidência de Produção e Inovação em Saúde. Serviço de Equivalência e Farmacocinética. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Presidência. Vice-Presidência de Produção e Inovação em Saúde. Serviço de Equivalência e Farmacocinética. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Presidência. Vice-Presidência de Produção e Inovação em Saúde. Serviço de Equivalência e Farmacocinética. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos. Laboratório de Tecnologia Virológica. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos. Laboratório de Tecnologia Virológica. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos. Laboratório de Tecnologia Virológica. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos. Laboratório de Tecnologia Virológica. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos. Laboratório de Tecnologia Virológica. Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Laboratório de Desenvolvimento Tecnológico em Virolologia. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Laboratório de Biotecnologia e Fisiologia de Infecções Virais. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Dr. Julio Moran Laboratories. Herrliberg, Zurich, Switzerland.
Universidade Federal do ABC. Centro de Ciências Naturais e Humanas. Laboratóro de Biologia Molecular de Patógenos. São Bernardo do Campo. SP, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Laboratório de Desenvolvimento Tecnológico em Virolologia. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Laboratório de Desenvolvimento Tecnológico em Virolologia. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Laboratório de Desenvolvimento Tecnológico em Virolologia. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Laboratório de Desenvolvimento Tecnológico em Virolologia. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Laboratório de Desenvolvimento Tecnológico em Virolologia. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Ciência e Tecnologia em Biomodelos. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Ciência e Tecnologia em Biomodelos. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Ciência e Tecnologia em Biomodelos. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Ciência e Tecnologia em Biomodelos. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Ciência e Tecnologia em Biomodelos. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos. Laboratório de Tecnologia Virológica. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos. Laboratório de Tecnologia Virológica. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Centro de Desenvolvimento Tecnológico e Saúde. Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Gestão da Inovação e Doenças Negligenciadas. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Bernhard Noche Institute for Tropical Medicine. WHO Collaborating Centre for Arbovirus and Haemorragic Fever Reference and Research. Hamburg, Germany.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Laboratório de Desenvolvimento Tecnológico em Virolologia. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Abstract: The outbreaks of Zika virus (ZIKV) infection in Brazil, 2015–2016, were associated with severe congenital malformations. Our translational study aimed to test the efficacy of the antiviral agent sofosbuvir (SOF) against vertical transmission of ZIKV and the associated congenital syndrome (CZS), using a rhesus monkey model. Eight pregnant macaques were successfully infected during the organogenesis phase with a Brazilian ZIKV strain; five of them received SOF from two to fifteen days post-infection. Both groups of dams showed ZIKV-associated clinical signals, detectable ZIKV RNA in several specimens, specific anti-ZIKV IgM and IgG antibodies, and maternal neutralizing antibodies. However, malformations occurred only among non-treated dam offspring. Compared to non-treated animals, all SOF-treated dams had a shorter ZIKV viremia and four of five neonates had undetectable ZIKV RNA in blood and tissue samples. These results support further clinical evaluations aiming for the prevention of CZS.
Keywords: Sofosbuvir
Zika virus
Pregnancy
Rhesus monkeys
Congenital Zika virus syndrome
keywords: Sofosbuvir
Zika vírus
Gravidez
Macacos rhesus
Síndrome do zika vírus congênito
Issue Date: 2020
Publisher: Science Direct
Citation: GARDINALLI, Noemi R. et al. Sofosbuvir shows a protective effect against vertical transmission of Zika virus and the associated congenital syndrome in rhesus monkeys. Antiviral Research, v. 182, p. 1-19, July 2020.
DOI: 10.1016/j.antiviral.2020.104859
ISSN: 0166-3542
Copyright: restricted access
Appears in Collections:IOC - Artigos de Periódicos
CDTS - Artigos de Periódicos
Biomanguinhos - Artigos de Periódicos
ICTB - Artigos de Periódicos
Presidência Fiocruz - Artigos de Periódicos
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
NoemiR_Gardinalli_etal_IOC_2020.pdf15.86 MBAdobe PDF    Request a copy



FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.