Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/464
Title: Papel da Vigilância Sanitária na prevenção de intoxicações na infância
Other Titles: The role of the Health Surveillance in the childhood poisoning preention
Authors: Bochner, Rosany
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Centro de Informação Científica e Tecnológica. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Abstract: Crianças menores de cinco anos são as maiores vítimas dos casos de intoxicação. Os principais agentes tóxicos envolvidos nesses eventos são os medicamentos e os produtos de limpeza. Muitos fatores contribuem para este quadro. Alguns são inerentes à própria infância e, por esta razão, impossíveis de serem evitados, como a curiosidade natural das crianças, seu aprendizado por meio da “colocação de tudo na boca”, sua falta de um paladar apurado e da noção do perigo. Outros fatores podem e devem ser evitados - alguns estão relacionados à sociedade e são comumente tratados nos materiais educativos e de prevenção, como o armazenamento desses produtos em locais inadequados e o descaso, a negligência e a falta de informação de pais e responsáveis sobre esses produtos. Há ainda fatores muito pouco abordados e que estão relacionados ao Estado no que se refere ao seu poder de criar e fazer cumprir leis capazes de diminuir a incidência destes acidentes. Neste estudo iremos apontar leis e projetos de leis que mereçam atenção especial da Vigilância Sanitária no sentido de garantir seu cumprimento efetivo ou ainda sua aprovação, de forma a contribuir com a prevenção de intoxicações na infância.
Abstract: Children younger than five years old are the most frequent victims of poisoning. The main toxic agents causing these events are the medicines and the cleaning products. Several factors have been identified as being associated to the phenomenon. Some are proper to the childhood and for this reason cannot be prevented, such as the natural curiosity of the children, their learning process from mouth contact with objects, their lack of refined palate and danger awareness. Other factors can and must be prevented. They are related to the society and are dealt with education materials and prevention such as the adequate storage of these products and the improvement in awareness and information level of the children’s guardians on these products. There are still additional factors that affect the problem and have not been properly described. They are related to the need of the Government to create and reinforce laws capable of decreasing the incidence of these accidents. In this study we identify the formal regulatory aspects that deserve special attention from the official authorities in order to prevent poisoning events in childhood.
Keywords: poisoning
childhood
prevention
packing
medicine advertises
keywords: intoxicação
infância
prevenção
embalagem
propaganda de medicamentos
Issue Date: 2005
Publisher: Faculdade de Saúde Pública da USP
Citation: BOCHNER, R. Papel da Vigilância Sanitária na prevenção de intoxicações na infância. REVISA: Revista Brasileira de Vigilância Sanitária, São Paulo, v. 1, n. 1, p. 50-57, 2005.
ISSN: 1807-8923
Copyright: open access
Appears in Collections:ICICT - Artigos de Periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Bochner_Papel da vigilancia_2005.pdf548.96 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open



FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.