Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/6112
Title: Positivismo e modernização: políticas e institutos científicos de agricultura no Brasil (1909-1935)
Advisor: Maio, Marcos Chor
Authors: Bhering, Marcos Jungmann
Abstract: Esta dissertação analisa o processo de criação do Ministério da Agricultura, Indústria e Comércio (MAIC) em 1906/9 e as atividades científicas exercidas em seu interior. Organizado a partir das demandas de setores descontentes das elites dominantes no Brasil, reunidos em torno da Sociedade Nacional de Agricultura, este ministério se caracterizou como um espaço institucional de difusão e exercício de uma atividade científica pragmática, que se ligava na maioria das vezes com a agricultura. Sua criação significou a retomada no início do século XX de um processo de institucionalização da relação entre ciência e as demandas da agricultura, construído no Brasil ao longo do século XIX. Processo este que se expressou na criação em 1861 do Ministério da Agricultura, Comércio e Obras Públicas, mas que foi interrompido após a instauração da República em 1889 através de sua transformação em uma secretaria de Estado. Neste resgate, o positivismo, que se difundiu entre as elites ilustradas brasileiras, a partir do final do século XIX, influenciou o repertório de idéias e valores que permearam a construção do MAIC e que se materializaram na forma como este novo ministério foi estruturado. A construção do MAIC também se inseriu em um contexto de modernização do Estado brasileiro e destacou-se como um espaço inicial em que a especialização profissional alcançou a esfera estatal. Neste sentido, o novo ministério foi um espaço privilegiado de acesso às carreiras técnicas, assim como de formação para esse novo padrão de formação profissional.
Keywords: Science
History
Agriculture
DeCS: Ciência
História
Agricultura
Issue Date: 2008
Citation: BHERING, Marcos Jungmann. Positivismo e Modernização: Políticas e Institutos Científicos de Agricultura no Brasil (1909-1935). Dissertação (Mestrado em História das Ciências e da Saúde) - Fundação Oswaldo Cruz. Casa de Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, 2008. 154p.
Place of defense: Rio de Janeiro
Department: Fundação Oswaldo Cruz. Casa de Oswaldo Cruz
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz
Copyright: open access
Appears in Collections:COC - PPGHCS - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
19.pdf1.07 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.