Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/6144
Title: A coruja de Minerva: o Museu Paraense entre o Império e a República: 1866-1907
Advisor: Maio, Marcos Chor
Authors: Sanjad, Nelson Rodrigues
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Casa de Oswaldo Cruz. Programa de Pós-Graduação em História das Ciências e da Saúde. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Abstract: O objetivo da tese é refletir sobre a construção institucional do Museu Paraense Emílio Goeldi entre a década de 1860, quando foi criado, e o final da gestão do zoólogo suíço Emílio Goeldi (1859-1917), em 1907. Nessa ocasião, o Museu Paraense ocupava um lugar de destaque no cenário científico brasileiro em razão da intensa produção científica que aí se verificou. Na tese são analisadas as mudanças políticas que posicionaram o Museu Paraense, após o golpe republicano de 1889, como uma das instituições estaduais prioritárias em termos de aplicação de recursos financeiros e como importante símbolo para a identidade das elites locais. A construção do museu após essa re-qualificação é estudada a partir do perfil estipulado para a instituição, do espaço construído, da equipe contratada, da agenda científica e das relações políticas locais, expressas por meio do aporte de recursos e da receptividade do diretor do museu às demandas estatais. Os resultados atestam que a proclamação da República e o conseqüente sistema federalista implantado no Brasil são marcos fundamentais para a história do Museu Paraense, uma vez que permitiram à instituição se especializar nos estudos sobre a região amazônica, que já se configurava, na segunda metade do século XIX, como fronteira econômica.
Abstract: The goal of the thesis is to reflect upon the institutional construction of the Museu Paraense Emílio Goeldi (Emílio Goeldi Museum of Pará) between the decade of 1860, when it was created, and the end of turn of the Swiss zoologist Emilio Goeldi (1859-1917) as its director, in 1907. At this time, the Museu Paraense occupied a place of prominence on the Brazilian scientific scene, due to the intense scientific production that was instantiated there. In the thesis, we analyzed the political changes that placed the Museu Paraense, after the republican blow of 1889, as one of the priority state institutions in terms of application of financial resources and as important symbol for the identity of the local elites. The construction of the museum after this re-qualification is studied based on the profile stipulated for the institution, the built space, the hired staff, the scientific agenda and the relations with the local politicians, which are expressed by the allocation of resources and the willingness of the museum director to attend the state demands. The results attest that the establishment of the Republic and the consequent federalist system enforced in Brazil are essential landmarks for the history of the Museu Paraense, for they have permitted the institution to specialize in the studies on the Amazonian economic frontier.
Keywords: Museu Paraense
Political changes
Proclamation of the Republic
keywords: Museu Paraense
Mudanças políticas
Proclamação da República
DeCS: Museus/história
História do Século XIX
Brasil
Issue Date: 2005
Citation: SANJAD, Nelson Rodrigues. A coruja de Minerva: o Museu Paraense entre o Império e a República: 1866-1907. 2005. 440 f. Tese (Doutorado em História das Ciências e da Saúde) - Casa de Oswaldo Cruz, Fundação Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, 2005.
Date of defense: 2005
Place of defense: Rio de Janeiro
Department: Casa de Oswaldo Cruz
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz
Program: Programa de Pós-Graduação em História das Ciências e da Saúde
Copyright: open access
Appears in Collections:COC - PPGHCS - Teses de Doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
17.pdf71.8 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open



FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.