Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/6145
Title: História da homossexualidade: ciência e contra-ciência no Rio de Janeiro (1970-2000)
Advisor: Venancio, Ana Teresa A.
Authors: Belmonte, Pilar
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Casa de Oswaldo Cruz. Programa de Pós-Graduação em História das Ciências e da Saúde. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Abstract: Esta tese analisa as representações em torno da homossexualidade presentes no discurso científico e contra-científico entre os anos de 1970 a 2000, no Rio de Janeiro, em torno das áreas da psiquiatria e da psicologia. As fontes primárias científicas referem-se às teses e dissertações produzidas na Universidade Federal do Rio de Janeiro e na Pontifícia Universidade Católica, bem como artigos do Jornal Brasileiro de Psiquiatria. A produção contra-científica refere-se a textos publicados nas revistas Rádice, Luta & Prazer e Orgón. Para esta análise apresenta-se tanto a discussão científica internacional e nacional sobre a homossexualidade elaborada, principalmente, em fins do século XIX e ao longo do século XX, quanto a influência da contracultura e dos movimentos sociais em nosso país, no período dos anos de 1960 a 1980. O que se pode observar é que a homossexualidade foi representada de forma ambígua tanto na produção científica quanto na produção contra científica, ora associando, ora desvinculado, a homossexualidade à ideia de patologia. Além disso, há uma maior ênfase em explicações psicológicas, calcadas na teoria psicanalítica, em detrimento de justificativas biológicas. Na produção contra-científica foi predominante o discurso em torno do livre arbítrio quanto à opção sexual.
Abstract: This thesis analyses the representations about homosexuality that appear in the scientific and counter-scientific discourse between 1970 and 2000 in Rio de Janeiro, concerning the psychiatry and psychology fields. The primary sources refer to the scientific theses and dissertations elaborated at the Universidade Federal do Rio de Janeiro and the Pontifícia Universidade Católica, and articles of the Jornal Brasileiro de Psiquiatria. The counterscientific production refers to texts published in magazines as Rádice, Luta & Prazer and Orgón. For this analysis it was introduced both the national and international scientific debate about homosexuality, especially the one at the end of the nineteenth and during the twentieth century, as well as the influence of the counterculture and social movements in our country, between 1960 and 1980. What can be observed is that homosexuality was represented in na ambiguous way both in scientific as well as in counter-scientific production, involving or releasing the idea of homosexuality as pathology. Moreover, there is a greater emphasis on psychological explanations, based on psychoanalytic theory, rather than on biological reasons. In counter-scientific production the dominant discourse was based on the free will regarding sexual choice.
Keywords: History of Medicine
Psychiatry
Psychology
Homosexuality
Science
Mental Health
DeCS: Homossexualidade/história
Psiquiatria/tendências
Psicologia/tendências
História do Século XIX
História do Século XX
Brasil
Issue Date: 2009
Citation: BELMONTE, Pilar Rodriguez. História da Homossexualidade: ciência e contra-ciência no Rio de Janeiro (1970-2000). 2009. 224 f.Tese (Doutorado em História das Ciências e da Saúde) – Casa de Oswaldo Cruz, Fundação Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, 2009.
Date of defense: 2009
Place of defense: Rio de Janeiro
Department: Casa de Oswaldo Cruz
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz
Program: Programa de Pós-Graduação em História das Ciências e da Saúde
Copyright: open access
Appears in Collections:COC - PPGHCS - Teses de Doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
19.pdf11.73 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open



FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.