Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/7224
Title: Análise imuno-fenotípica de animais nod: estudo da proteção ao diabetes tipo I mediada pelo T. cruzi e da indução pela ciclofosfamida
Advisor: Cardillo, Fabíola
Members of the board: Nomizo, Auro
Sant'Anna, Osvaldo Augusto Brasil Esteves de
Neves, Neuza Maria Alcântara
Authors: Pessina, Daniel Huber
Affilliation: Universidade Federal da Bahia. Faculdade de Medicina da Bahia. Salvador, BA, Brasil / Fundação Oswaldo Cruz. Centro de Pesquisas Gonçalo Moniz. Salvador, BA, Brasil
Abstract: Os animais NOD representam o principal modelo experimental de estudo do diabetes autoimune. Apesar do progressivo número de estudos realizados, muitos aspectos imunes da promoção e regulação desta doença continuam obscuros. Utilizando o modelo (pela primeira vez aqui descrito) de proteção induzida pelo T. cruzi, bem como o modelo de aceleração pela ciclofosfamida, fizemos um estudo imuno-fenotípico em animais NOD com o objetivo de elucidar mecanismos imunes responsáveis pela regulação do diabetes tipo I. Demonstramos que a infecção de camundongos NOD com o T. cruzi os protege do desenvolvimento do diabetes. Estes animais desenvolvem uma resposta ao parasita caracterizada por uma pobre expansão de células T CD8 efetoras, bem como uma menor migração destas para os sítios parasitários. Estudo do perfil de citocinas mostraram ainda uma reduzida produção inicial de IFN no baço, mas elevada produção tardia nos tecidos inflamados, comparado a animais BALB/c. Estes dados, associados a uma maior produção inicial de IL-10 por esplenócitos, justificam a maior susceptibilidade à infecção observada nos animais NOD. O estudo de populações celulares com atividade regulatória mostrou que há aumento de Treg no início da infecção. Contudo a proteção ao diabetes desencadeada pelo T. cruzi não se correlaciona ao número de células Treg, pois há uma redução destas ao longo da infecção. Este fato, associado à observação de que a ciclofosfamida é incapaz de induzir diabetes nos animais infectados, apontaram para um papel limitado destas células na proteção ao diabetes pelo T. cruzi. Entretanto, houve aumento de células Gr1+, e a depleção destas reverte a proteção ao diabetes causada pela infecção, além de induzir a expansão de células T CD8+ efetoras e sua produção de IFN. Verificamos ainda, que níveis aumentados da expressão de PD-L1 relacionaram-se com a proteção ao diabetes proporcionado pelo T. cruzi, enquanto níveis reduzidos se relacionaram ao seu desenvolvimento espontâneo. Contudo, o tratamento com ciclofosfamida não reduz a expressão de PD-L1 em linfócitos, mas induz rapidamente o diabetes em animais NOD não infectados e leva a uma drástica diminuição de células Tregs CD25+ esplênicas. Os resultados, aqui tomados em conjunto, apontam para um complexo mecanismo de controle do diabetes, que envolve diferentes populações celulares que atuam de maneira variada com o modelo estudado.
Abstract: The NOD mice are the most used experimental model for the study of autoimmune diabetes. Despite progressive number of studies, many aspects about the immune regulation and disease onset remains unclear. Using our model (described here for the first time) of diabetes protection induced by T. cruzi, as well as cyclophosphamide acceleration, we performed a immunophenotypic analysis of NOD animals, aiming to elucidate the immune mechanisms responsible for regulation of type I diabetes. We demonstrated that infection of NOD mice with T. cruzi protects them from diabetes onset. These mice develop a poor expansion of effector CD8 T cells in response to parasite, and have lower percentage of those lymphocytes in inflammatory sites, when compared to BALB/c mice. Cytokine profile's analysis also revealed a reduced initial production of IFN in spleen, but high late production in inflamed tissues. Those data associated to an elevated production of IL-10 by spleen cells could explain the increased susceptibility observed in infected NOD mice. Further analysis showed an increased Treg cells rates early after infection, followed by a progressive reduction thereof along infection. This fact, coupled with the observation that cyclophosphamide is unable to induce diabetes in infected mice, indicates a limited role for these cells in diabetes protection by T. cruzi. However, increased Gr1 + cells numbers was also found in infected mice, and its depletion reverses the protection of diabetes related to infection. That reversion was associated to an expansion of effector CD8 + T cells and their production of IFN. We also found that increased expression of PD-L1 were also related to diabetes protection provided by T. cruzi infection, while low levels were related to spontaneous diabetes development. Treatment with cyclophosphamide however did not reduce PD-L1 expression on lymphocytes, despites rapidly set diabetes in NOD uninfected animals. On the other hand, cyclophosphamide leads to a drastic decrease of CD25 + Treg cells in the spleen of NOD mice. These results, taken together, point to a complex mechanism of diabetes control, which involves different cell populations acting variously with the model.
Keywords: Trypanosoma cruzi
CD8
Diabetes
Cyclophosphamide
keywords: Trypanosoma cruzi
CD8
Diabetes
Ciclofosfamida
Issue Date: 2013
Publisher: Centro de Pesquisas Gonçalo Moniz
Citation: PESSINA, D. H. Análise imuno-fenotípica de animais NOD: estudo da proteção ao diabetes tipo I mediada pelo T. cruzi e da indução pela ciclofosfamida. 2013. 117 f. Tese (Doutorado em Patologia Humana) - Universidade Federal da Bahia. Centro de Pesquisas Gonçalo Moniz, Salvador, 2013.
Date of defense: 2013
Place of defense: Salvador/BA
Department: Departamento de Vice Diretoria e Ensino
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz. Centro de Pesquisas Gonçalo Moniz
Program: Programa de Pós-Graduação em Patologia Humana
Copyright: open access
Appears in Collections:BA - IGM - Teses de Doutorado



FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.