Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/7643
Title: Avaliação da variabilidade da frequência cardíaca de idosos diabéticos e não diabéticos.
Advisor: Reis, Mitermayer Galvão dos
Members of the board: Aras Junior, Roque
Bastos, Claudilson José de Carvalho
Almeida, Maria da Conceição Chagas de
Authors: Ribeiro, Ícaro José Santos
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Centro de Pesquisa Gonçalo Moniz. Salvador, BA, Brasil
Abstract: INTRODUÇÃO: O cenário de envelhecimento populacional e o aumento das Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT) requer o desenvolvimento e validação de métodos diagnóstico e de ferramentas não invasivas para identificação de fatores de risco e estadiamento destas doenças. Entre estes métodos evidencia-se a análise da modulação autonômica do coração por meio da Variabilidade da Frequência Cardíaca (VFC). OBJETIVO: Analisar a variabilidade da frequência cardíaca de idosos diabéticos (DM+) e não diabéticos (DM–) residentes em um município baiano; avaliar a resposta da variabilidade da frequência cardíaca na realização da manobra de levantar-se rapidamente. MÉTODOS: estudo epidemiológico transversal, de abordagem censitária. Desenvolvido com 205 idosos da zona urbana do munícipio de Aiquara-BA, após aplicação os critérios de inclusão e exclusão. Os dados da VFC foram coletados através do monitor Polar RS800CX, com registro inicial de 5 min em repouso, seguido por comando de levantar-se rapidamente para avaliação da razão 30:15. Para análise dos dados, as variáveis categóricas foram apresentadas em frequências (relativa e absoluta), enquanto variáveis contínuas, através de médias e medianas, desvio-padrão e intervalo interquartil. Foram realizados testes de comparação de proporções (chi quadrado ou exato de Fisher) e de mediana (Mann-Whitney). RESULTADOS: A média de idade foi de aproximadamente 71 anos (±7,32 dp). A população foi em sua maioria constituída por mulheres 59,1%, de baixa ou nenhuma escolaridade 60,0% e baixa renda 81,0%. A análise da VFC no domínio da frequência não evidenciou diferença quando comparados os grupos de DM+ e DM–. Doravante, no domínio do tempo, o rMSSD apresentou mediana de 16,09 [IQR 9,91-30,68]; e o pNN50 mediana de 0,79 [IQR 0,00-6,62], havendo diferença estatisticamente significante entre o grupo de DM+ e DM– (p<0,05). Como observado para os índices de atividade parassimpática em repouso, a razão 30:15, o índice de atividade parassimpática durante uma condição dinâmica, mostrou uma diferença significativa entre DM + e DM - idosos (p <0,05). CONCLUSÕES: A análise da VFC entre os grupos evidenciam a possibilidade de degeneração do ramo parassimpático no grupo DM+ pela diminuição nos parâmetros do tempo e a razão 30:15. Isso pode representar repercussões graves no sistema cardiovascular, uma vez que os índices reduzidos nestes indivíduos indicam uma menor cardioproteção.
Abstract: INTRODUCTION: The scenario of population aging and the increase of Chronic Noncommunicable Diseases (NCDs) requires the development and validation of diagnostic methods and non-invasive tools for identification of risk factors and staging of these diseases.Among these methods, the analysis of autonomic modulation of the heart using the Heart Rate Variability (HRV) becomes evident. OBJECTIVE: To analyze the heart rate variability in diabetic (DM+) and nondiabetic (DM–) elderlies residents in a municipality of Bahia, and also to know the response of heart rate variability in performance of the quickly stand up maneuver. METHODS: cross-sectional study of censitary approach. Carried out with 205 elderlies in the urban area of the municipality of Aiquara-BA, after had applied the inclusion and exclusion criteria. HRV data were collected through the Polar RS800CX monitor with 5 min initial record at rest, followed by the command to quickly stand up. For data analysis, categorical variables were presented as frequencies (relative and absolute), while continuous variables as median, standard deviation and interquartile range (IQR). Tests were conducted to compare proportions (chi square or Fisher's exact test) and median (Mann-Whitney). RESULTS: The mean age was approximately 71 years (± 7.32 sd). The population was mostly made up of women 59.1%, with low or no schooling 60% and low income 81.0%. HRV analysis in the frequency domain showed no difference when comparing the two groups of DM+ and DM–. Henceforth in the time domain the rMSSD showed median of 16.09 [IQR 9.91-30.68]; the pNN50 median of 0.79 [IQR 0.00-6.62], with statistical significance between the group of DM+ and DM–. As observed for parasympathetic activity indexes at rest, the 30:15 ratio, an parasympathetic activity index during a dynamic condition, showed a significant difference between DM + and DM – elderlies (p < 0.05). CONCLUSIONS: HRV analysis between groups showed the possibility of deterioration of the parasympathetic branch of the DM + group, by decreasing the parameters of time and the 30:15 ratio. This can have serious repercussions on the cardiovascular system, since the reduced rates in those individuals indicate less cardioprotection.
Keywords: Autonomic Nervous System
Heart Rate
Cardiac Electrophysiological Techniques
Diabetes Mellitus
keywords: Sistema Nervoso Autônomo
Frequência Cardíaca
Técnicas Eletrofisiológicas Cardíacas
Diabetes Mellitus
Issue Date: 2013
Publisher: Centro de Pesquisas Gonçalo Moniz
Citation: RIBEIRO, I. J. S. Avaliação da variabilidade da frequência cardíaca de idosos diabéticos e não diabéticos. 2013. 56 f. il. Dissertação (Mestrado em Biotecnologia em Saúde) - Fundação Oswaldo Cruz, Centro de Pesquisas Gonçalo Moniz, Salvador, 2013.
Date of defense: 2013
Place of defense: Salvador/BA
Department: Departamento de Vice Diretoria e Ensino
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz. Centro de Pesquisas Gonçalo Moniz
Program: Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia em Saúde e Medicina Investigativa
Copyright: open access
Appears in Collections:BA - IGM - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Icaro José Santos Ribeiro. Avaliação da... 2013.pdf859.63 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.