Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/8627
Title: A experiência de mapeamento participativo para a construção de uma alternativa cartográfica para a ESF
Other Titles: The experiment of participatory mapping in order to construct a cartographical alternative to the FHS
Authors: Goldstein, Roberta Argento
Barcellos, Christovam de Castro
Magalhães, Monica de Avelar Figueiredo Mafra
Gracie, Renata
Viacava, Francisco
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Informação Científica e Tecnológica em Saúde. Laboratório de Informações em Saúde. Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Fundação Oswaldo Cruz. Informação Científica e Tecnológica em Saúde. Laboratório de Informações em Saúde. Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Fundação Oswaldo Cruz. Informação Científica e Tecnológica em Saúde. Laboratório de Informações em Saúde. Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Fundação Oswaldo Cruz. Informação Científica e Tecnológica em Saúde. Laboratório de Informações em Saúde. Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Fundação Oswaldo Cruz. Informação Científica e Tecnológica em Saúde. Laboratório de Informações em Saúde. Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Abstract: Resumo Os mapas e os procedimentos de mapeamento são ferramentas úteis para sistematização, interpretação e comunicação de resultados para a gestão e avaliação. Aplicados à Estratégia de Saúde da Família (ESF), estes mapas permitiriam a apropriação do território e o estabelecimento de vínculos entre este território, sua população e os serviços de saúde. Neste trabalho é estudada a utilização de mapas pela ESF em 17 municípios das regiões norte e nordeste do Brasil e é descrito o processo de delimitação e digitalização das áreas de atuação, com a participação das equipes. O levantamento realizado por questionários e a discussão em oficinas demonstraram que ainda persistem dificuldades de compatibilização de mapas (croquis) produzidos no nível local com mapas produzidos por outros setores de governo. Os mapas usados no nível local empregam, em geral, sintaxes próprias, o que impede a troca de informações com outros documentos cartográficos e sua plena utilização como instrumento de avaliação e gestão. A combinação de instrumentos de mapeamento participativo, associados às aplicações de Sistemas de Informações Geográficas (SIG), proposta neste trabalho, representa uma alternativa para o mapeamento do território de atuação das equipes da ESF, bem como a reflexão sobre o conceito de território e sua operacionalização pela ESF
Abstract: Maps and mapping procedures are useful tools for systematic interpretation and evaluation and for reporting of results to management. Applied to the Family Health Strategy (FHS), these maps permit the demarcation of the territory and the establishment of links between the territory, its population and health services. In this paper the use of maps by the FHS in 17 municipalities in northern and northeastern Brazil is studied and the process of demarcation and digitization of areas with the participation of teams is described. The survey conducted using questionnaires and discussion workshops showed that difficulties still prevail in reconciling the map (drawing) produced at the local level with maps produced by other government sectors. In general, the maps used at local level employ their own references, which prevent the interplay of information with other cartographic documents and their full use as a tool for evaluation and management. The combination of participatory mapping tools, associated with Geographic Information Systems (GIS) applications proposed in this paper, represents an alternative to mapping the territory of operations of FHS teams, as well as a reflection on the concept of territory and operation by the FHS
keywords: Mapeamento Participativo
DeCS: Cartografia
Estratégia Saúde da Família
Coleta de Dados
Brasil
Issue Date: 2013
Publisher: Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Citation: GOLDSTEIN, R. A. et al. A experiência de mapeamento participativo para a construção de uma alternativa cartográfica para a ESF. Ciência & saúde coletiva, Rio de Janeiro, v.18, n.1, p. 45-56, 2013
DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232013000100006
ISSN: 1413-8123
Copyright: open access
Appears in Collections:ICICT - Artigos de Periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
A experiência de mapeamento participativo.pdf214.84 kBAdobe PDFView/Open



FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.