Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/17605
Title: Investigação de polimorfismos no genoma do vírus da Dengue
Other Titles: Investigation of polymorphisms in the genome of dengue virus
Authors: Araújo, Roberto Fabian Santos de
Carels, Nicolas
Melo, Paulo Roberto Santana de
Suárez, Diego Gervásio Frias
Affilliation: Universidade Estadual de Santa Cruz. Núcleo de Biologia Computacional e Gestão de Informações Biotecnológicas. Itabuna, BA, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Laboratório de Genômica Funcional e Bioinformática. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Universidade Estadual de Santa Cruz. Departamento de Ciências Biológicas. Ilhéus, BA, Brasil.
Universidade Estadual de Santa Cruz. Núcleo de Biologia Computacional e Gestão de Informações Biotecnológicas. Ilhéus, BA, Brasil.
Abstract: O presente estudo teve como objetivo caracterizar qualitativamente e quantitativamente o polimorfismo entre os quatro genótipos do vírus da Dengue - DENV-1, DENV-2, DENV-3 e DENV-4. Estudou-se a Densidade de Substituição Nucleotídica (NSD - Nucleotide Substitution Density) ao longo de cada genoma, identificando as regiões com maior taxa de mutação e/ou conservação. Posteriormente calculou-se a Densidade Média de Substituição Nucleotídica (ANSD - Average Nucleotide Substitution Density) para cada sorotipo. Observou-se que a ANSD do DENV-2 é 44,21% maior que a do DENV-1, 85% maior que a do DENV-3 e 163,31% maior que a do DENV-4. Observou-se que, contrariamente a DENV-2 e DENV-4, DENV-1 e DENV-3 têm padrões de comportamento mutacional similar entre eles. O domínio do gene da NS5 correspondente à RNA polimerase RNA-dependente do DENV-2 também tem taxa de mutação superior aos outros DENV. Isto sugere que a taxa de polimorfismo e a virulência podem estar correlacionados no DENV-2, o que poderia contribuir para o estudo da evolução da doença.
Abstract: In the present study, we investigated the nucleotide polymorphisms among the four genotypes of the Dengue virus - DENV-1, DENV-2, DENV-3 and DENV-4 - by qualitative and quantitative characterization. We studied the Nucleotide Substitution Density (NSD) along each genome identifying the regions with higher degree of mutation and/or conservation. Then, we calculated the Average Nucleotide Substitution Density (ANSD) for each serotype. We observed that the ANSD of DENV-2 is larger than for DENV-1 by 44.21%, DENV-3 by 85%, and DENV-4 by 163.31%. In contrast to DENV-2 and DENV-4, DENV-1 and DENV-3 showed a similar mutational behavior. The NS5 domain from DENV-2 that corresponds to the RNA-dependent RNA polymerase also has a higher mutation rate compared to that of the other DENVs. This suggests that the polymorphism and the virulence can be correlated in DENV-2, which could contribute to the understanding of the disease evolution.
Keywords: Dengue
NS5
Polymerase
Virulence
Polymorphism
keywords: Dengue
NS5
Polimerase
Virulência
Polimorfismo
Issue Date: 2007
Publisher: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto de Comunicação e Informação Cientifica e Tecnológica em Saúde.
Citation: ARAÚJO, Roberto Fabian Santos de et al. Investigação de polimorfismos no genoma do vírus da Dengue. Revista Eletrônica de Comunicação, Informação e Inovação em Saúde, Rio de Janeiro, v. 1, n. 2, p. Sup317-Sup321, 2007.
Copyright: open access
Appears in Collections:IOC - Artigos de Periódicos
ICICT - RECIIS - Volume 1 - Número 2

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ve_Araújo_Roberto_Fabian_Santos_de_etal_2007_pt.pdfVersão Português691.07 kBAdobe PDFView/Open
ve_Araújo_Roberto_Fabian_Santos_de_etal_2007_en.pdfVersão Inglês503.24 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.