Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/18544
Title: Avaliação da ingestão de micronutrientes e do estado nutricional de homens portadores de HIV-1 assintomáticos virgens de tratamento antiretroviral
Advisor: Almeida, Maria da Glória Bonecini de
Brito, Patrícia Dias de
Members of the board: Rolla, Valéria Cavalcanti
Rodrigues, Cláudia dos Santos Cople
Japiassu, André Miguel
Authors: Silva, Maria Clara de Amorim
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas. Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Abstract: Objetivos: avaliar o estado nutricional e a ingestão das vitaminas A, B2, B6, B9, B12, C e D e dos oligoelementos cálcio, ferro, selênio e zinco em homens HIV+ assintomáticos virgens de tratamento antiretroviral (VT). Metodologia: Estudo do tipo descritivo transversal com homens HIV+ VT (n=64), com idades entre 18 e 60 anos, sem co-morbidades associadas, acompanhados no Instituto de Pesquisa Clínica Evandro Chagas (IPEC/Fiocruz) de março a novembro de 2010. Foi realizada avaliação antropométrica, estimativa da ingestão alimentar através do questionário de frequência alimentar (QFA) e do registro alimentar de 3 dias (R3d), e coleta de exames como albumina, transferrina, ferro e cálcio, bem como lipídios séricos. A casuística foi classificada segundo grupos de contagem de células TCD4. Resultados: a partir da avaliação do Índice de Massa Corporal (IMC) foi observado que 3,1% (n=2) dos indivíduos apresentavam desnutrição, 57,8% (n=37) eutrofia e 39,1% (n=25) sobrepeso. Na classificação através da Dobra Cutânea Triciptal (DCT) e da Circunferência Muscular do Braço (CMB) foi observado que 23,44% (n=15) e 26,56% (n=17) apresentavam depleção de tecido magro e tecido gorduroso; no entanto, 13 destes indivíduos eram considerados eutróficos quando avaliados segundo o IMC (p=0.031; OR= 1,1 a 45,0). Foi encontrada associação entre DCT e CMB com o IMC (p=0,034 e 0,003 respectivamente) Na comparação dos valores dos micronutrientes entre QFA e R3d encontramos diferenças significativas nas vitaminas B2 (p=0,007), B6 (p=0,004), B9 (p=0,001), D (p=0,03), e no selênio (p=0,001), ferro (p=0,035) e cálcio (p=0,006). Para as demais vitaminas e minerais, não houve diferença significativa. Conclusão: Importância da utilização de mais de um parâmetro antropométrico para avaliar adequadamente o estado nutricional de indivíduos HIV+ é mais uma vez reforçada com base no que foi observado quando avaliamos indivíduos por dois ou mais parâmetros antropométricos. Em nossa casuística um baixo número de indivíduos foi classificado com desnutrição a partir da classificação do IMC, e o mesmo apresentou aumento quando observadas as reservas gordurosa e muscular (DCT e CMB) destes indivíduos. A análise da ingestão de micronutrientes através R3d indicou inadequação do consumo para cálcio e vitamina B9, enquanto que a análise através do QFA apresentou ingestão adequada para todos os nutrientes analisados. Isto demonstra a necessidade de se fazer ajustes no QFA de modo a se obter valores de ingestão mais precisos e, consequentemente, possibilitar sua reaplicação e posterior validação
Abstract: Abstract: Objectives: Assess the nutritional status and intake of vitamins A, B2, B6, B9, B12, C and D and trace elements calcium, iron, selenium and zinc in asymptomatic HIV + men antiretroviral naïve (VT). Methodology: A descriptive cross-sectional HIV + men VT (n = 64), between 18 and 60 years old, without co-morbidities, followed at the Clinical Research Institute Evandro Chagas (IPEC / Fiocruz) from March to November 2010. Anthropometric evaluation, dietary intake by food frequency questionnaire (FFQ) and 3-day food records (3dR), and sample of albumin, transferrin, iron and calcium, and serum lipids were assessed. The classification of these patients was performed from the groups of CD4 cell count. Results from the assessment of Body Mass Index (BMI) was observed that 3.1% (n = 2) of subjects had malnutrition, 57.8% (n = 37), normal weight and 39.1% (n = 25 ) overweight. In sorting through the triceps skinfold and arm muscle circumference was observed that 23.44% (n = 15) and 26.56% (n = 17) showed depletion of lean tissue and fat tissue; however, 13 of these individuals were considered eutrophic when evaluated according to BMI (p = 0.031, OR = 1.1 to 45.0). was found association between triceps skinfold and arm muscle circumference with BMI (p = 0.034 and 0.003 respectively). Comparing the values of the micronutrients between FFQ and 3dR significant differences in vitamin B2 (p = 0.007), B6 (p = 0.004), B9 (p = 0.001), D (p = 0.03), and selenium (p = 0.001), iron (p = 0.035) and calcium (p = 0.006). For the other vitamins and minerals, no significant difference was found Conclusion: The importance of using more than one anthropometric parameter to assess the nutritional status of HIV +, is again enhanced, based on what was observed when evaluating individuals with two or more anthropometric parameters. In our study a low number of individuals was classified with malnutrition from the BMI classification, and even showed an increase observed when fat reserves and muscle by tríceps skinfolds and arm muscle circumference of these individuals. The analysis of micronutrient intake 3dR indicated by inadequate intake for calcium and vitamin B9, while through the FFQ analysis showed adequate intake for all nutrients. This demonstrates the need to make adjustments to the FFQ so as to obtain more accurate values of ingestion and thus permit its replication and subsequent validation
DeCS: HIV
Nutrição em Saúde Pública
Micronutrientes
Inquéritos sobre Dietas
Issue Date: 2011
Citation: SILVA, M. C.de. A. Avaliação da ingestão de micronutrientes e do estado nutricional de homens portadores de HIV-1 assintomáticos virgens de tratamento antirretroviral. 2011. 115f. Dissertação (Mestrado em Pesquisa Clínica em Doenças Infecciosas) - Fundação Oswaldo Cruz, Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas, RJ, 2011
Date of defense: 2011-06-28
Place of defense: Rio de Janeiro/RJ
Department: Pós-Graduação em Pesquisa Clínica em Doenças Infecciosas
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas
Program: Programa de Pós-Graduação em Pesquisa Clínica em Doenças Infecciosas
Copyright: open access
Appears in Collections:INI - PCDI - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
maria_silva_ini_mest_2011.pdf1.33 MBAdobe PDFView/Open



FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.