Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/8330
Title: Desenvolvimento de metodologias para a análise de componentes vacinais contra a meningite meningocócica sorogrupo B
Other Titles: Development of methodologies for the analysis component vaccine against meningococcal serogroup B
Advisor: Silva Júnior, José Godinho da
Members of the board: Filippis, Ivano de
Almeida, Antonio Eugenio Castro Cardoso de
Porte, Alexandre
Silva Júnior, José Godinho da
Gemal, André Luis
Authors: Conceição, Claudia Maria da
Coadvisor: Gemal, André Luis
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Abstract: Nesse trabalho, foram desenvolvidas metodologias aplicadas ao controle de qualidade de vacinas antimeningocócicas sorogrupo B. Este desenvolvimento se deu com base na avaliação do perfil protéico das preparações vacinais. Para isso, foram desenvolvidas condições de análise para a identificação e caracterização dos antígenos vacinais por eletroforese bidimensional e espectrometria de massas. Muitos antígenos importantes imunologicamente foram identificados e outros antígenos com menor importância também foram caracterizados por espectrometria de massas. Para a avaliação imunológica das preparações vacinais foi produzido um anticorpo policlonal anti-OMV. Esse anticorpo foi capaz de identificar os antígenos majoritários imunologicamente presentes nas preparações. Além do conteúdo do perfil proteico, foi feita a avaliação do conteúdo de LOS em preparações vacinais por metodologia físico-química. A cadeia o-específica do LOS é formada por um oligossacarídeo formado por unidades que se repetem de um açúcar de 8 carbonos denominado KDO (ácido 2-ceto-3-deoxioctulosonico).O KDO funciona como marcador químico da estrutura do LOS e a sua dosagem foi realizada por cromatografia líquida de alta eficiência por troca iônica com detecção amperométrica pulsada. Essa metodologia foi validada frente aos requisitos do INMETRO, e apresentou resultados satisfatórios para método de determinação quantitativa. As metodologias desenvolvidas foram muito importantes para a garantia do direito à saúde, uma vez que é responsabilidade das autoridades sanitárias nacionais assegurarem que os imunobiológicos disponíveis no Brasil, de origem nacional ou não, sejam seguros, de qualidade e eficácia comprovadas, já que a garantia da qualidade dos imunobiológicos se deve, dentre outros motivos, ao fato de que tais produtos são aplicados em grupos de pessoas sadias e as campanhas expõem toda uma faixa etária da população ao insumo.
Abstract: In this work methodologies for meningococcal serogroup B vaccines were developed. The basic analyses were the protein profile by electrophoresis. For that, spefic conditions for antigen characterization by two dimensional electrophoresis and mass spectrometry were developed. Many of the most important antigens were identified by mass spectrometry, as also some minor antigens. For a immunological evaluation of vaccine preparations, polyclonal antibodies against outer membrane vesicles (OMVs). These antibodies recognize major antigens in the preparation. The content of lipoligosaccharide (LOS) in the preparations were also evaluated. O-specific chain of LOS has a 8 carbon sugar called 2-keto-3-deoxioctolunosic acid (KDO). KDO is a chemical marker of LOS structure; KDO was analyzed using high performance anion exchange chromatography of pulsed amperometric detection. This methodology was validated using INMETRO parameters; It is suitable for quantitative analysis. All developed methodologies are important to heath warranty, since vaccines efficacy, safety and quality are under the responsibility of health authorities in Brazil. Quality in vaccines is very important, since these products are used in a healthy age group of the population.
DeCS: Neisseria meningitidis Sorogrupo B
Proteoma
Vigilância Sanitária
Issue Date: 2012
Citation: CONCEIÇÃO, C. M. Desenvolvimento de metodologias para a análise de componentes vacinais contra a meningite meningocócica sorogrupo B. 2012. 131 f f. Tese (Doutorado em Vigilância Sanitária) - Fundação Oswaldo Cruz, Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde, Rio de Janeiro, 2012.
Date of defense: 2012-03-30
Place of defense: Rio de Janeiro/RJ
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde
Program: Programa de Pós-Graduação em Vigilância Sanitária
Copyright: open access
Appears in Collections:INCQS - Teses de Doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
21.pdf2.47 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.