Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/8903
Title: A educação profissional em saúde em um setor de educação corporativa: “criação de monstros áridos, de olhos ágeis e mãos firmes?”
Advisor: Santos, Aparecida de Fátima Tiradentes dos
Members of the board: Santos, Aparecida de Fátima Tiradentes dos
Rodrigues, José dos Santos
Vieira, Mônica
Authors: Ribeiro, Nayla Cristine Ferreira
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio. Biblioteca Virtual em Saúde - Educação Profissional em Saúde
Abstract: Em tempos neoliberais, a educação é utilizada pelas instituições empresariais como um dos fatores para agregar valor à corporação. Buscando a sociabilização dos indivíduos à ótica hegemônica, emergiu no início da década de 1990 no Brasil, os setores de educação corporativa, buscando conformar os trabalhadores através de “ações educativas”, e a comunidade a partir das atividades de responsabilidade social. Neste estudo, analisamos as ações empregadas pela Fundação Unimed, que se constituí enquanto setor de educação corporativa para o Sistema Unimed. Esta instituição iniciou-se na década de 1960 como uma cooperativa médica de saúde que alegava pretender resgatar o papel social da medicina, ao longo dos anos sua estrutura cooperativista é substituída por ações de cunho empresarial. Assim, no trilho das instituições de negócio, a FU passou a investir na conformação ideológica de seus trabalhadores, fornecedores, clientes e comunidade social, ou seja, sua “cadeia de valor”, na concepção de Perelman (2005) denominamos de “auditório”. Contextualizamos nosso objeto de estudo a partir da entrada do neoliberalismo no contexto nacional, onde o capital passa a desqualificar o papel do Estado no tocante as questões sociais, e falaciosamente afirma assumir estas atividades denominando-se até mesmo como “agente educador”. Objetivando criar um consenso ao seu “auditório” a partir das atividades que desenvolve (Pós-Graduação Latu Sensu, Cursos de Capacitação, Cursos de Aperfeiçoamento, Educação a Distância e Responsabilidade Social), a FU se vale da persuasão, onde objetiva a “adesão dos espíritos” a fim de materializar seu processo de sociabilidade hegemônica. Compreendemos que estas ações de cunho neoliberal estão pautadas no âmbito da Teoria do Capital Intelectual (Capital Humano, Capital Estrutural e Capital de Marca) que busca (con)formar os indivíduos à ótica dominante. Apoiamo-nos nas reflexões teóricas do autor italiano, Antonio Gramsci, para sustentar nossa crítica ao modelo de conformação desenvolvido pelas empresas. Em meio ao crescimento do setor saúde sob o respaldo do neoliberalismo, compreendemos que a formação desenvolvida no interior da FU está arraigada a uma dominação societal que utiliza a educação profissional numa perspectiva “interessada”, onde limita a formação humana aos interesses da corporação. Assim sendo, compreendemos que a educação profissional em saúde não deve se limitar a “criação de monstros áridos, olhos ágeis e mãos firmes” (GRAMSCI, 2004a), ao contrário compreendemos a educação como um espaço contra-hegemônico de formação críticoemancipatória.
Abstract: In neoliberal times, education is used by business institutions as a factor to add value to the corporation. Looking for the socialization of individuals to the hegemonic perspective, have emerged in the early 1990s in Brazil, the education enterprise, seeking to conform workers through “educational actions”, and the community from social responsibility activities. In this study, we examined the actions employed by Unimed Foundation, which is constituted as a corporate education sector for the Unimed System. This institution was started in the 1960s as a medical health cooperative which intended to rescue the social role of medicine; over the years its cooperative structure is replaced by shares of stamp business. Thus,in the rail of business institutions, the Unimed Foundation needed to invest in the ideological shaping of its workers, suppliers, customers and social community, ie its "value chain" that in Perelman’s (2005) conception is called "audience". We have contextualized our study object from the entry of neoliberalism in the national context, where capital disqualify the state's role on social issues, and fallacious claims to assume these activities calling itself even as an “educator agent”. Aiming to build a consensus to its "audience" from the activities that develops (Graduate Latu Sensu, Capacity Courses, Training Courses, Distance Education and Social Responsibility), the UF makes use of persuasion, aiming the "adhesion of spirits" in order to materialize its process of social hegemony. We understand that these actions are guided in the neoliberal framework of the Theory of Intellectual Capital (Human Capital, Structural Capital and BrandCapital) that seeks to (con)form individuals to the dominant perspective. We support our theoretical reflections on the Italian writer, Antonio Gramsci, to support our criticism of the model developed by companies conformation. Amid the growth of the health sector under the support of neoliberalism, we understand that the training developed within the UF is rooted in a societal rule that uses the professional education in an “interested” perspective, where the human formation is limited to the interests of the corporation. Therefore, we understand that professional education in health should not be limited to "creating arid monsters, agile eyes and steady hands” (GRAMSCI, 2004a), but we understand education as a counter-hegemonic space of critical-emancipatory formation.
Keywords: Health Professional Education
Labor and Education
Corporative Education
keywords: Educação Profissional em Saúde
Trabalho e Educação
Educação Corporativa
DeCS: Educação Profissional em Saúde Pública
Educação Profissionalizante
Trabalho
Issue Date: 2010
Publisher: EPSJV
Citation: RIBEIRO, Nayla Cristine Ferreira. A educação profissional em saúde em um setor de educação corporativa: “criação de monstros áridos, de olhos ágeis e mãos firmes?”. 2010, 137 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Educação Profissional em Saúde) - Fundação Oswaldo Cruz. Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, Rio de Janeiro, 2010
Date of defense: 2010-07-27
Place of defense: Rio de Janeiro/RJ
Department: Coordenação de Pós-Graduação
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz. Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio
Program: Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional em Saúde
Copyright: open access
Appears in Collections:EPSJV - PPGEPS - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Nayla_Ribeiro_EPSJV_Mestrado_2010.pdf773.93 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.