Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/18398
Title: A institucionalização da política de educação permanente em saúde em três estados da Região nordeste
Other Titles: Institutionalizing of the National Permanent health education's Policy (PNEPS) in three states in the Northeast of Brazil
Advisor: Medeiros, Kátia Rejane de
Members of the board: Medeiros, Kátia Rejane de
França, Tânia
Gurgel Junior, Garibaldi Dantas
Authors: Macedo, Bruno Costa de
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Aggeu Magalhães. Recife, PE, Brasil
Abstract: O presente estudo analisou a conformação da Política Nacional de Educação Permanente em Saúde em três estados da região Nordeste a partir de seu caráter interfederativo, reafirmado pelo Pacto Pela Saúde. Buscou-se responder como a Política de Educação Permanente em Saúde se institucionalizou na região Nordeste? Para isso, o percurso metodológico empregou a triangulação de métodos, recorrendo a pesquisa documental e análise de conteúdo dos Planos de Saúde, de Educação Permanente em Saúde e Relatórios Anuais de Gestão; além da aplicação de um questionário on line aos gestores da política nas Secretarias de Estado da Saúde de Paraíba, Pernambuco e Sergipe sobre a PNEPS nos respectivos UF. A análise foi realizada por meio de oito categorias que possibilitaram identificar as relações interfederativas estabelecidas a partir da organização, dos objetivos, dos atores envolvidos, do controle, dos recursos, dos focos e dos espaços e instancias de governança. Como resultado identificou-se uma política pouco inovadora frente a Educação Continuada, marcada pela homogeneidade entre os estados e a fragmentação das ações. Centrada nos trabalhadores de nível superior, ao mesmo passo em que negligencia atores institucionais essenciais, constituiu-se uma política fortemente centralizada na esfera estadual, ao mesmo tempo em que os municípios demandam e definem as ações à serem executadas. Dentre os potenciais avanços, destaca-se o protagonismo das instituições de ensino para o desenvolvimento da política tanto enquanto executoras como parceiras no desenvolvimento de novas estratégias para o fortalecimento da integração ensino-serviço, a exemplo das Redes de Escolas SUS
keywords: Política de Saúde
Educação Continuada
Descentralização
Regionalização
DeCS: Educação em Saúde
Política de Saúde
Educação Continuada
Descentralização
Regionalização
Políticas Públicas de Saúde
Avaliação em saúde
Avaliação de programas e projetos de saúde
Sistema Único de Saúde
Brasil
Issue Date: 2016
Citation: Macedo, Bruno Costa de. A institucionalização da política de educação permanente em saúde em três estados da Região nordeste. 2016. 142 f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Saúde Pública) - Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães, Recife, 2016.
Date of defense: 2016-04-28
Place of defense: Recife/PE
Defense institution: Instituto Aggeu Magalhães
Program: Programa de Pós-Graduação em Saúde Pública
Copyright: open access
Appears in Collections:PE - IAM - PPGSP - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
8.pdf1.05 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.