Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/8539
Title: Estudo da freqüência de enterovírus associados a surtos e casos esporádicos de meningite viral ocorridos no Brasil, no período de dezembro de 1998 a dezembro de 2003, e análise do perfil dos pacientes
Other Titles: Frequency of occurence of enterovirus in both outbreaks and sporadic cases of viral meningitis occurred in Brazil during the period of December 1998 to December 2003 and patient profile analysis
Advisor: Silva, Edson Elias da
Members of the board: Silva, Edson Elias da
Leite, Paola Cardarelli
Santos, Norma Suely de Oliveira
Authors: Santos, Gina Peres Lima dos
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde. Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Abstract: Infecções virais agudas do Sistema Nervoso Central (SNC), como as meningites e encefalites, são responsáveis por uma elevada morbidade, especialmente em crianças. Os enterovírus não-polio (EVNP) são responsáveis por mais de 80 por cento dos casos de meningite viral em que o agente etiológico é identificado. No presente estudo nós mostramos a freqüência de ocorrência de enterovírus em surtos e casos esporádicos de meningite viral no Brasil no período de dezembro de 1998 a dezembro de 2003. Das 1022 amostras de Líquido Cefalorraquidiano (LCR) analisadas pelo Laboratório de Enterovírus -FIOCRUZ, 162 (162/1022 -15,85 por cento) apresentaram isolamento viral em culturas de células RD e/ou HEp2. Destas, 139 (139/163 -85,27 por cento) foram identificadas por sequenciamento genômico parcial como echovírus 30. Outros enterovírus identificados foram: coxsackievírus B5 (6/162- 3,70 por cento), echovírus 13 (6/162- 3,70 por cento), echovírus 18 (5/162- 3,08 por cento), echovírus 6 (2/162- 1,23 por cento), echovírus 25 (2/162- 1,23 por cento), echovírus 1 (1/162- 0,61 por cento) e echovírus 4 (1/162- 0,61 por cento). A idade dos pacientes variou de 28 dias de vida a 68 anos. Os sintomas mais frequentes foram febre (77,00 por cento), cefaléia (69,51 por cento), ânsia de vômito (71,30 por cento), rigidez na nuca (41,35 por cento), convulsão (7,13 por cento) e diarréia (3,74 por cento). Durante o período de estudo, cinco surtos de meningite viral foram identificados e confirmados, sendo três no estado do Paraná (sul do Brasil), um em Pemambuco (nordeste do Brasil) e um no Rio Grande do Sul (sul do Brasil). Echovirus 30 causou quatro dos cinco surtos, e echovírus 13 foi responsável pelo último surto. Além dos surtos, 734 casos esporádicos também foram identificados durante o período de estudo e 59 destes casos apresentaram isolamento viral (59/734 -8,03 por cento). Echovírus 30 foi responsável pela maioria destes casos esporádicos (42/59 -71,18 por cento). Este estudo chama a atenção para o echovírus 30 como o principal agente etiológico envolvido em casos esporádicos e em surtos de meningite viral ocorridos no Brasil durante o período de estudo.
Abstract: Acute viral infections of the Central Nervous System (CNS), as meningitis and encephalitis, are responsible for a high morbidity, particularly in children. Non-polio enteroviruses (NPEV) are responsible for over 80% of viral meningitis in which the etiologic agent is identified. In the present study we show the frequency of occurrence of enteroviruses in both outbreaks and sporadic cases of viral meningitis occurred in Brazil during the period of December 1998 to December 2003. From 1022 samples of Cerebrospinal Fluid (CSF) analyzed at the Enterovirus Laboratory, FIOCRUZ, 162 162/1022 - 15,85%) were positive regarding viral isolation in RD and/or HEp2 cells. From this total, 139 (139/162 - 85,27%) were identified by partial genome sequencing as being echovirus 30. Other identified enteroviruses were: coxsackievirus B5 (6/162 – 3,70%), echovirus 13 (6/162 - 3,70%), echovirus 18 (5/162 - 3,08%), echovirus 6 (2/162 - 1,23%), echovirus 25 (2/162 - 1,23%), echovirus 1 (1/162 - 0,61%) and echovirus 4 (1/162 0,61%). The age of the patients ranged from 28 days to 68 years old. The most frequent symptoms were fever (77,00%), headache (69,51%), vomiting (71,30%), neck stiffness 41,35%), convulsion (7,13%) and diarrhea (3,74%). Throughout the surveillance period, ive viral meningitis outbreaks were identified and confirmed, being three at Paraná State southern Brazil), one at Pernambuco (northeast Brazil) and one at Rio Grande do Sul southern Brazil). Echovirus 30 caused four out of the five outbreaks, and echovirus 13 caused the last one. Besides the outbreaks, 734 sporadic clinical cases were also identified during the period of study and 59 of these were positive with regard viral isolation (59/734 8,03%). Echovirus 30 accounted for the majority of these sporadic cases (42/59 – 71,18%). This study calls the attention to the echovirus 30 as the most prevalent etiological agent involved in both sporadic cases and outbreaks of viral meningitis occurred in Brazil during the period of study.
DeCS: Enterovirus Humano B
Vigilância da População
Meningite Viral
Reação em Cadeia da Polimerase em Tempo Real
Issue Date: 2005
Citation: SANTOS, G. P. L. Estudo da freqüência de enterovírus associados a surtos e casos esporádicos de meningite viral ocorridos no Brasil, no período de dezembro de 1998 a dezembro de 2003, e análise do perfil dos pacientes. 2005. 116 f. Dissertação (Mestrado em Vigilância Sanitária)- Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde, Fundação Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, 2005.
Date of defense: 2005-07-15
Place of defense: Rio de Janeiro/RJ
Department: Coordenação de Pós-Graduação
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde
Program: Programa de Pós-Graduação em Vigilância Sanitária
Copyright: open access
Appears in Collections:INCQS - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
151.pdf1.01 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.