Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/13366
Title: Saúde da família baseada em evidênciasda prática atual às novas propostas de ensino-aprendizagem nas escolas médicas
Advisor: Alves, Luiz Anastacio
Members of the board: Batista, Rodrigo Siqueira
Rego, Sergio Tavares de Almeida
Jorge, Tânia Cremonini de Araújo
Authors: Costa, José Roberto Bittencourt
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Abstract: O ensino que predomina na maioria das escolas médicas brasileiras ainda favorece a desconexão e o distanciamento do profissional das demandas sociais. A criação de Diretrizes e Programas governamentais a partir de várias experiências internacionais e nacionais tem assumido então um papel de relevância, ao estimular uma melhor articulação entre as instituições de formação e o Sistema Único de Saúde - SUS-. Neste contexto a Atenção Básica \2013AB- ou as Unidades Básicas de Saúde da Família -UBSFs- podem desempenhar um papel de grande importância com a integração do ensino-trabalho-comunidade. No entanto, estudos apontam que há diversos desafios a serem transpostos para a efetiva inserção dos discentes na AB. Nosso trabalho teve como objetivo fazer um diagnóstico e propor soluções para aprimorar o processo de ensino-aprendizagem neste cenário. Iniciamos então nosso estudo com uma análise comparativa da situação da AB brasileira com quatro países: EUA, Canada, Espanha e Cuba. Concomitantemente analisamos as percepções dos discentes e docentes na AB, incluso a sua possível influência na trajetória profissional deste aluno. Para tanto foram feitas pesquisas em diversas etapas: desde estudos qualitativos com a analise de conteúdo e a criação de categorias a partir da aplicação de entrevistas a 29 alunos de uma Escola Privada, até a posterior aplicação de questionários contendo perguntas fechadas e abertas para 237 discentes de 04 Escolas Médicas \2013 3 Federais e 1 Privada- e, para 32 docentes de 03 Escolas -02 Federais e 01 Privada Verificamos nestes últimos estudos que a maioria dos alunos considera como um problema o grau de capacitação e disponibilidade do preceptor local. Resultado semelhante foi encontrado no discurso dos professores, que expressaram a necessidade de atualização e aprimoramento constante de sua atividade docente assistencial. A partir desses resultados, utilizamos em uma UBSF novas estratégias de ensino-aprendizagem para uma possível melhoria das práticas em saúde nestes cenários, tais como: uso do portal Saúde baseada em Evidências do Ministério da Saúde; Biblioteca Virtual em Saúde \2013BVS-; PubMed; biblioteca digital Evolution da Editora Elsevier e ainda recursos da Telemedicina e da Telessaúde do Projeto Nacional de Telessaúde. Aplicamos novos questionários contendo perguntas fechadas e uma aberta, que foram analisadas a partir da criação de categorias e pela Escala de Likert, comparando as respostas dadas nos dois momentos - pré e pós utilização destas ferramentas. Os resultados parciais obtidos apontam que houve melhoria na qualidade da aprendizagem pelos graduandos de medicina e pelo preceptor local. Esta condição sugere que a AB pode se legitimar como um real e interessante espaço de ensino-aprendizagem desde que haja, entre outros aspectos, a capacitação do preceptor local em conjunto aos graduandos. Esperamos com esta Tese ter contribuído para a melhoria do processo de ensino-aprendizagem na UBSF, além de possibilitar que preceptores e discentes se tornem mais afeitos ao uso de portais eletrônicos e aos princípios da saúde baseada em evidências
Abstract: The teaching methods that prevail in most Brazilian medical schools still lend itself to a disconnection and detachment of graduated professionals from social demands. Thus the use of international and national experience has been utilized for the establis hment of guidelines and government programs to aid the relevance and link between institutions of medical training and the Unified Health System (SUS). In this context, the primary health care (AB) or family health units (UBSFs) could play an integral role in the integration of education - labor - community. However, studies indicate that there are several challenges to be overcome for the effective integration of medical students in AB. Our work aimed to make a diagnosis and propose solutions to enhance the pr ocess of teaching and learning in this scenario. For this, we began with a comparative analysis of the situation of Brazilian primary health care with four countries: USA, Canada, Spain and Cuba. At the same time, we analyzed the perceptions of students an d teachers in AB, including the possible influence of the professional career choices of each interviewed student. This latter task was done through several qualitative research approaches: analyzing the content and categories from structured interviews w ith 29 students from a private school as well as questionnaires containing open and closed responses applied to 237 students from 04 Medical Schools (3 federal and 1 private institutions) and 32 teachers from 03 schools (2 federal and 1 private institution ). We found that most students consider the degree of training and availability of the local preceptor as a problem. A similar result was found in our survey and discussion with professors, who expressed the need for constant updating and improvement of th eir teaching activities. Based on our results, we have used the UBSF scenario to apply new strategies for teaching and learning in order to improve health practices, such as: use of the evidence - based health portal of the Ministry of Health; Virtual Health Library - VHL; PubMed, Evolution of Elsevier digital library resources and still Telemedicine, Telehealth and the National Telehealth Project. We verified these recommendations by the application of pre and post use questionnaires containing both open and c losed questions, which were analyzed from the creation of categories and the Likert Scale. Partial results show that there was an improvement in the quality of learning by undergraduate students of medicine and local preceptor suggesting that the AB can be legitimized as a teaching - learning space of interest where both the training of the local preceptor and undergraduate can occur. We hope that with this project to have contributed to the improvement of the teaching - learning process in UBSF, and enable tut ors and students to become more familiar with electronic portals and principles of evidence - based healthcare.
DeCS: Portais de Acesso a Revistas Científicas
Escolas Médicas
Saúde da Família
Medicina Baseada em Evidências
Issue Date: 2014
Citation: COSTA, J. R. B. Saúde da família baseada em evidências da prática atual às novas propostas de ensino-aprendizagem nas escolas médicas. 2014. 304f. Tese (Doutorado Ensino em Biociências e Saúde) - Fundação Oswaldo Cruz, Instituto Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, RJ, 2014.
Date of defense: 2014
Place of defense: Rio de Janeiro/RJ
Department: Pós-Graduação em Ensino em Biociências e Saúde
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz
Program: Programa de Pós-Graduação em Ensino em Biociências e Saúde
Copyright: open access
Appears in Collections:IOC - PGEBS - Teses de Doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
jose_costa_ioc_dout_2014.pdf3.8 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.