Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/8538
Title: Avaliação dos parâmetros microscópios do café torrado e moído de consumo interno e externo e detecção da presença de Bacillus cereus
Other Titles: Evaluation of the quality of the coffee toasted and ground of consumption internal and the exportation, through microscopical methods and microbiological
Advisor: Abrantes, Shirley de Mello Pereira
Cavados, Clara de Fátima Gomes
Authors: Souza, Cyllene de Matos Ornelas da Cunha Corrêa de
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde. Rio de Janeiro, RJ. Brasil.
Abstract: Acredita-se que o café seja conhecido há mais de mil anos no Oriente Médio, mais especificamente na região de Kafa, tendo sido os árabes os primeiros a cultivá-lo, o que deu origem ao nome Coffea arabica, uma das mais importantes espécies de café. As evidências botânicas sugerem que a planta do café originou-se na Etiópia Central. Os ensaios microscópicos foram realizados visando à verificação da contaminação do produto pela presença de elementos estranhos, sujidades, larvas, excrementos de roedores, areia, terra, vidro, metal, insetos vivos ou mortos e seus fragmentos. Os ensaios microbiológicos com a finalidade de determinar as possíveis contaminações microbiológicas que o produto pode sofrer durante o processo produtivo, tanto pela utilização de matéria-prima inadequada, quanto por questões que envolvam a manipulação, armazenamento e transporte do produto, seja por parte do fabricante ou do estabelecimento que o comercializa. Um total de 23 amostras diferentes de marcas de café torrado e moído foram analisadas, sendo quinze de consumo interno e oito destinadas à exportação. As amostras de café torrado e moído foram analisadas no Laboratório de Alimentos e Contaminantes do Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde -Fiocruz e no Laboratório de Fisiologia Bacteriana do Departamento de Bacteriologia do Instituto Oswaldo Cruz-Fiocruz. O resultado da análise microbiológica comprovou a presença de Bacillus cereus, sendo um indicativo agravante e possível causador de intoxicação nos consumidores. Em relação a analise microscópica, 87 por cento das amostras apresentaram quantidades representativas de fragmentos de insetos, presença de vidros 34 por cento e em 8 por cento das amostras comprovou-se a ocorrência de elementos histológicos estranhos ao produto.
DeCS: Café
Bacillus cereus
Contaminação de Alimentos
Vigilância Sanitária
Indústria do Café
Issue Date: 2005
Citation: SOUZA, C. M. O. C. C. Avaliação dos parâmetros microscópios do café torrado e moído de consumo interno e externo e detecção da presença de Bacillus cereus. 2005. 92 f. Dissertação (Mestrado em Vigilância Sanitária)- Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde, Fundação Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, 2005.
Date of defense: 2005-05-06
Place of defense: Rio de Janeiro/RJ
Department: Coordenação de Pós-Graduação
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde
Program: Programa de Pós-Graduação em Vigilância Sanitária
Copyright: open access
Appears in Collections:INCQS - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
153.pdf499.78 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.