Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/13179
Title: O uso da música popular brasileira como estratégia para o ensino de ciências
Advisor: Araújo-Jorge, Tania Cremonini de
Members of the board: Spiegel, Carolina Nascimento
Bezerra, Antonia Pereira
La Rocque, Lucia Rodriguez de
Moreira, Ildeu de Castro
Mortimer, Eduardo Fleury
Authors: Barros, Marcelo Diniz Monteiro de
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Abstract: Letras da Música Popular Brasileira \2013 MPB \2013, no contexto melodioso e emocional em que se apresentam, podem ser uma alternativa para estreitar o diálogo entre alunos, professores e o conhecimento científico, uma vez que abordam temáticas com grande potencial de problematização e que estão presentes de forma importante na vida do aluno. Partimos do pressuposto de que a música pode se constituir em uma alternativa para a crescente fragmentação disciplinar que vivenciamos atualmente. Diante de todas as inovações metodológicas que vêm ocorrendo no mundo do conhecimento e da educação, a música ainda é pouco valorizada pela escola. Ainda que os Parâmetros Curriculares Nacionais recomendem a inserção da música na escola, a mesma continua longe de ser uma presença efetiva nas práticas educativas formais, notadamente as desenvolvidas na disciplina Ciências. Testamos a hipótese de que é possível trabalhar com a MPB em sala de aula, para contextualizar temas diversos, de forma lúdica e prazerosa. Investigamos os possíveis usos da MPB por professores de Ciências do Ensino Fundamental em escolas de Belo Horizonte. Verificamos se os docentes utilizam a música como estratégia para o ensino de ciências; analisamos a presença de letras de músicas em seis coleções de livros didáticos de ciências; desenvolvemos, implementamos e avaliamos oficinas de música no ensino de ciências em 5 escolas de educação básica, para as séries finais do ensino fundamental; elaboramos 6 fascículos educativos da série \201CCom Ciência e Arte na Escola\201D, intitulados \201CDescobrindo ciências em letras de músicas\201D. Por fim, através do desenvolvimento desse trabalho, esperamos ter contribuído para valorizar, respeitar e utilizar ainda mais elementos da nossa cultura brasileira
Abstract: Letters of Brazilian Popular Music – MPB – , in the melodious and emotional context in wich they appear, can be an alternative to strengthen the dialogue between students, teachers and scientific knowledge, as they address issues with great potential for questioning and they are present so important in the life of the student. We assumed that music can constitute itself as an alternative to the increasing disciplinary fragmentation we experience today. Considering all the technological innovations that are happening in the world of knowledge and education, the music is still undervalued by the school. Although the National Curriculum recommending the inclusion of music in the school, it is still far from being an effective presence in the formal educational practices, notably those developed in the Sciences discipline. We tested the hypothesis that it is possible to work with MPB in the classroom, to contextualize various topics in a playful and pleasurable way. We investigated the possible uses of the MPB by science teachers of elementary school in Belo Horizonte. We checked if the teachers use music as a strategy for teaching science; we analyzed the presence of lyrics in six collections of science textbooks; we developed, implemented and evaluated music workshops in science education in five elementary schools; we developed 6 educational issues in the series “On Science and Art at school” titled “Discovering sciences at lyrics songs”. Finally, through the development of this work, we hope to have contributed to value, respect and use more elements of our Brazilian culture.
keywords: Ensino de Ciências
DeCS: Ciência/educação
Música
Ensino Fundamental e Médio
Educação Básica
Issue Date: 2014
Citation: BARROS, M. D. M. de. O uso da música popular brasileira como estratégia para o ensino de ciências. 2014. 203f. Tese (Doutorado Ensino em Biociências e Saúde) - Fundação Oswaldo Cruz, Instituto Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, RJ, 2014.
Date of defense: 03-25-2014
Place of defense: Rio de Janeiro/RJ
Department: Pós-Graduação Ensino em Biociências e Saúde
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz
Program: Programa de Pós-Graduação Ensino em Biociências e Saúde
Copyright: open access
Appears in Collections:IOC - PGEBS - Teses de Doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
marcelo_barros_ioc_dout_2014.pdf17.38 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.